Cinema

Seis filmes para marcar presença na Mostra Internacional

As Pontes de Sarajevo e Carne Trêmula estão entre as indicações

Por: Miguel Barbieri Jr. - Atualizado em

Filme 'O Círculo', da 38ª Mostra Internacional de Cinema
'O Círculo' foi vencedor em duas categorias no Festival de Berlim (Foto: Divulgação)

O Círculo 

Fundada no início dos anos 1940, a revista Der Kreis (The Circle) compôs uma rede de contatos e formou a única organização gay a sobreviver ao regime nazista. Ela floresceu durante os anos do pós-guerra num clube underground de renome internacional. Seus lendários bailes de máscaras em Zurique atraíam 800 visitantes de toda a Europa num espaço secreto e seguro para lidar naturalmente com sua homossexualidade. É lá que o tímido professor Ernst Ostertag se apaixona pela drag queen Röbi Rapp. Quinta (23), 21h45, CineSesc; sexta (24), 14h, Caixa Belas Artes; domingo (26), 18h30, Espaço Itaú Augusta; quarta (29), 18h, Cine Livraria Cultura.

Filme 'O Círculo', da 38ª Mostra Internacional de Cinema
'O Círculo' foi vencedor em duas categorias no Festival de Berlim (Foto: Divulgação)

Duas Irmãs, uma Paixão

Em 1788, numa pequena cidade provinciana alemã, a bela Caroline von Beulwitz está num casamento infeliz, carente de amor e de vida. Charlotte von Lengefeld, sua tímida irmã, sonha em encontrar um marido. As duas são melhores amigas até que um dia chega Friedrich Schiller, o poeta que escreveu Os Bandoleiros, um badalado homem da noite, com um revolucionário ideal republicano. Ao longo do verão elas irão competir por Schiller. Sábado (25), 21h20, Cine Sabesp; domingo (26), 19h, Frei Caneca; segunda (27), 17h50, Frei Caneca; quarta (29), 21h, Villa-Lobos

Filme 'Duas Irmãs, uma Paixão', da 38ª Mostra Internacional de Cinema
'Duas Irmãs, uma Paixão', indicado ao Urso de Ouro, no Festival de Berlim (Foto: Divulgação)

As Pontes de Sarajevo

Treze diretores europeus de diferentes gerações e origens oferecem seus pontos de vista singulares sobre Sarajevo: o que a cidade representou na história europeia dos últimos cem anos, e que Sarajevo fica hoje para a Europa. Sexta (24), 18h45, CineSesc; sábado (25), 21h45, Frei Caneca; segunda (27), 16h, Reserva Cultural; terça (28), 19h, auditório CTR - ECA; quarta (29), 14h, Espaço Itaú Augusta

Filme 'As Pontes de Sarajevo', da 38ª Mostra Internacional de Cinema
'As Pontes de Sarajevo' tem na direção nomes como Jean-Luc Godard (Foto: Divulgação)

O Homem que Elas Amavam Demais

Nice, 1976. Renée Le Roux é a dona do Palais de la Méditerranée, o último casino da Riviera Francesa que ainda não foi tomado pelo poderoso mafioso Fratoni. Renée faz o que pode para enfrentar seu poderoso rival, até que sua filha Agnès se apaixona por Maurice, o conselheiro financeiro da família que é ligado ao inimigo. Baseado em fatos reais. Quinta (23), 19h, Villa-Lobos; sábado (25), 14h, Reserva Cultural; segunda (27), 14h, Espaço Itaú Augusta; quarta (29), 18h50, Frei Caneca

Filme 'O Homem que Elas Amavam Demais', da 38ª Mostra Internacional de Cinema
'O Homem que Elas Amavam Demais', com Catherine Deneuve (Foto: Divulgação)

Carne Trêmula

Na véspera de Natal de 1970 em Madri, com a Espanha em estado de emergência ordenado por Franco, uma jovem prostituta dá a luz a um menino chamado Víctor dentro de um ônibus. Vinte anos depois, Víctor está saindo com uma viciada chamada Elena. Uma noite, no meio de uma briga violenta, dois policiais, Sancho e David, chegam ao local. Em meio a uma disputa, David leva um tiro e fica paraplégico. Dez anos depois, Víctor sai da prisão e David, que se casou com Elena, é agora um jogador de basquete em cadeira de rodas. Mas Víctor quer seduzir Elena de volta e provar sua inocência. Adaptado do romance de Ruth Rendell. Sexta (24), 16h, Cinusp; sábado (25), 16h30, Matilha Cultural; domingo (26), 21h15, Frei Caneca; quarta (29), 21h10, Frei Caneca.

Filme 'Carne Trêmula', da 38ª Mostra Internacional de Cinema
'Carne Trêmula', um filme de Pedro Almodóvar (Foto: Divulgação)

A Gangue

Sergey, um jovem surdo-mudo, começa a estudar num internato especializado que abriga secretamente uma rede de crime e prostituição entre seus estudantes, “a tribo”. Neste novo ambiente, ele é forçado a aceitar as duras regras da gangue e participa de vários assaltos, o que lhe garante o respeito dos colegas. Quando ele conhece Anna, uma das amantes do líder da gangue, ele acaba quebrando uma das regras veladas da tribo. Um filme rodado em linguagem de sinais e sem narração ou legendas, já que o amor e o ódio não precisam de tradução. Domingo (26), 21h45, Cine Livraria Cultura; segunda (27), 21h30, Cine Sabesp; terça (28), 21h30, CineSesc.

Filme 'A Gangue', da Mostra Internacional de Cinema 2014
'A Gangue', vencedor do Grande Prêmio da Semana da Crítica no Festival de Cannes. (Foto: Divulgação)

+ Mostra Internacional exibe 229 filmes inéditos

Fonte: VEJA SÃO PAULO