Moda

Segundo dia de SPFW tem presença de Gisele Bündchen

Modelo esteve no evento para desfilar pela marca Colcci e mostrou simpatia na passarela

Por: Tatiana Izquierdo - Atualizado em

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

O segundo dia de desfiles da 38ª edição da São Paulo Fashion Week – Inverno 2015 teve como um dos momentos altos a presença de Gisele Bündchen, a top mais bem paga do mundo. A modelo chegou para desfilar pela marca Colcci por volta das 18h desta terça (5). O evento ocorre até sexta (7) no Parque Cândido Portinari, ao lado do Parque Villa Lobos.

+ São Paulo Fashion Week recebe exposição da Barbie

Gisele Bündchen fez duas entradas. Na primeira, a top usou vestido curto marrom, sem mangas e justo no corpo. Na segunda, o look era total jeans. Antes de aparecer na passarela, um telão exibiu imagens da carreira de Gisele, que completou vinte anos de carreira em 2014. Ao fundo, a música Você é Linda, de Caetano Veloso, foi executada.

Causando comoção na plateia, com direito a gritos de empolgação, Gisele chegou a mostrar a língua durante sua segunda entrada. A top confirmou sua presença no evento no mês passado.

Um dos destaques femininos na passarela da Colcci foram as botas de cano longo feitas de tiras de couro trançadas, o chamado visual "tressê", criando identidade mais urbano para os looks. Combinada com o jeans, o conjunto ficou moderno e com aspecto mais pesado. Para os homens, a Colcci apostou em sandálias com tiras de couro.

+ Estreia da SPFW tem inspirações elegantes e acessórios com cristais

Se a maquiagem vem toda em tons de nude e marrom, na moda quem chama a atenção são os acessórios. A grife Lolitta, que tem como carro chefe o tricô, usou lenços de cetim na cintura durante seu desfile. Os brincos em formato triangular também chamaram atenção nas produções. O salto plataforma nas sandálias ganhou complemento do couro nas tiras junto ao camurça.

A aposta para o inverno 2015 de Giuliana Romanno foram as botas em couro e de cano longo. E, assim como no dia anterior, no desfile da grife Animale, as mules foram destaque na passarela de Giuliana.

Para os homens, a marca João Pimenta trouxe gravatas bem estampas, que foram combinadas com blazers, camisas e coletes de padronagens bem diferentes. Os coturnos chamaram a atenção com seus canos longos e aspecto bem pesado. Além disso, o estilista quebra um tabu e mostra homens usando bolsas de mão, acessório antes usado apenas por mulheres.

Já o estilista Reinaldo Lourenço usou a arquitetura renascentista e a cidade de Florença como inspiração para o desfile. Com roupas bem ajustadas ao corpo, a cintura foi marcada com cintos altos e texturas criadas com amarrações e rolotês de seda com peças metálicas, além de estampas geométricas. A cartela de cores usou o tons escuros como o preto e o azul, misturados com branco e cinza.

A Pat Pat´s, marca da estilista Andrea Vieira, é adepta das peças em couro e desfilou coleção com conceito urbano e jovem, com looks refletindo a estética grunge e punk. Algumas estampas foram inspiradas nas pixações de rua e também na cultura hip hop. O cantor Fiuk se apresentou ao vivo durante o desfile, acompanhado de um DJ.

Fonte: VEJA SÃO PAULO