Política

Russomano lidera corrida eleitoral, diz Datafolha

Deputado federal pelo PRB tem 34% das intenções de voto. Haddad aparece em quarto, com 12% 

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

Celso Russomano
Russomanno: líder nas pesquisas para a prefeitura (Foto: Ernestro Rodrigues)

Pesquisa realizada pelo Datafolha mostra que o deputado federal Celso Russomano lidera a corrida eleitoral para a prefeitura de São Paulo. De acordo com o levantamento, divulgado pelo jornal Folha de S.Paulo nesta terça (3), o político do PRB tem% das intenções de voto.

+ Gestão de Fernando Haddad atinge a maior taxa de reprovação

+ Eleições municipais podem ter um trio de apresentadores na disputa

A ex-prefeita Marta Suplicy, que deixou o PT neste ano e se filiou ao PMDB, aparece em segundo lugar, com 13%, mesmo percentual obtido pelo apresentador José Luiz Datena (PP). O atual prefeito Fernando Haddad (PT) tem 12%.O deputado federal Marco Feliciano (PSC) aparece com 4% e o tucano João Dória Jr., com 3%.

Marta Suplicy
Marta Suplicy trocou o PT pelo PSB e quer voltar à prefeitura (Foto: Dida Sampaio / Estadão Conteúdo)

Quando analisado o cenário com o vereador Andrea Matarazzo (PSDB), que aparece com 4%, Russomano, Marta e Haddad mantêm o mesmo percentual. Já Datena perdeu um ponto percentual, variando de 13% para 12% das intenções de voto, e Feliciano ganha um ponto, alcançando 5%.

Datena
Datena: terceiro colocado  (Foto: Rodrigo Capote/Folhapress)

A pesquisa também mostra que o maior percentual de eleitores de Russomano está entre os que ganham de dois a cinco salários mínimos (39%). Hadda, por outro lado, lidera entre os eleitores com renda superior a dez salários mínimos (22%).

Na pesquisa espontânea (quando não são apresentados os nomes dos candidatos), o petista também lidera, com 7%, seguido por Russomano (4%), Marta (2%), José Serra (2%), Datena (2%), Paulo Skaf (1%), Geraldo Alckmin (1%) e Gilberto Kassab (1%). Cinquenta por cento dizem não saber em quem vão votar e brancos e nulos somam 25%.

Fernando Haddad Prefeito
Haddad: atual prefeito aparece em quarto colocado  (Foto: Brazil Photo Press/ Folhapress)

O instituto ouviu 1 092 pessoas entre os dias 28 e 29 de outubro. A margem de erro é de três pontos percentuais.

Na última segunda, o Datafolha também divulgou pesquisa sobre a avaliação da gestão Haddad. Apenas 15% aprovam sua administração. Já 49% a consideram ruim ou péssima, recorde de rejeição do prefeito desde a posse. 

Fonte: VEJA SÃO PAULO