ESPECIAL

Economize com cinquenta quitutes que custam até 18 reais

Confira doces, salgados e bebidas que saem pelo mesmo preço do valor médio cobrado pelo estacionamento em cinquenta restaurantes

Por: Mariana Oliveira - Atualizado em

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Quem costuma ir de carro a um restaurante sente no bolso os altos preços cobrados por valets e estacionamentos. No tradicional Terraço Itália, por exemplo, o preço chega a caros 25 reais. Para calcular quanto o paulistano paga pelo serviço, consultamos cinquenta restaurantes em diversas regiões. A conclusão é que deixar o carro com os manobristas encarece, em média, 18 reais a conta.

Com esse valor, dá para tomar mais uma das famosas caipirinhas do bar Veloso (16 reais cada) _e ainda evitar problemas com a Lei Seca_ ou provar uma porção com seis unidades da coxinha de rabada do restaurante Twelve Bistro (mesmo preço). Para incentivar o leitor a circular sem carro, reunimos cinquenta sugestões de salgados, doces e bebidas que custam até 18 reais. Em cada endereço, indicamos a estação de metrô ou linha de ônibus mais próxima. Confira abaixo a lista completa:

Samosas
Samosa & Company Indian Food: porção com quatro samosas recheadas (16 reais) (Foto: Fernando Moraes)

RESTAURANTES

1. AK Vila: a chef Andrea Kaufmann propõe uma culinária com receitas de múltiplas nacionalidades, como o confit de pato com aligot (purê de batata com queijos), figo grelhado e picles de repolho roxo (59 reais) e o fedelini alla bottarga (massa com ovas de tainha) (54 reais). Por até 18 reais: peça o pudim com flor de sal e doce de leite (15 reais). Como chegar: existem opções como a linha 701A-10 Parque Edu Chaves – Metrô Vila Madalena, que passa em frente ao restaurante.

2. Benedictine: entre os pratos, destacam-se a barriga de porco (52 reais) e o nhoque de ricota e espinafre ao molho de manteiga, pinhole e sálvia frita (26 reais). Por até 18 reais: inclua uma sobremesa como a rabanada italiana com sorvete de baunilha (16 reais) ou uma taça de 75 mililitros do vinho português Quinta das Tecedeiras 2008 (16 reais). Como chegar: desça na estação Cidade Jardim da linha 9-esmeralda da CPTM.

3. Biondella: o local é uma mistura de rotisseria e cantina que prepara suas próprias massas. Há um cardápio fixo e o da semana, que reúne opções variadas todos os dias, como o tortelli de ricota e damasco. Por até 18 reais: prove a lasanha mista de presunto e mussarela ao molho ao sugo ou à bolonhesa (17 reais). Como chegar: desça na parada Oscar Freire do corredor de ônibus da Av. Rebouças. Diversas linhas passam pela avenida, como a 7245-10 Term. Sto. Amaro / Hosp. das Clínicas e a linha 702u-10 Butantã - USP / Term. Pq. D.Pedro II

4. Dona Carmela: prepara pratos italianos como as massas artesanais. Por até 18 reais: vale a pena pedir o couvert composto de pão italiano, sardela, patê de atum e manteiga para até quatro pessoas (R$ 12,99) ou a porção com quatro bruschettas tradicionais (mesmo preço). Como chegar: são cerca de 15 minutos de caminhada saindo da estação Santana da linha 1-Azul do metrô e seguindo pela Rua Dr. César.

5. Ella.: o chef Alexandre Romano, que já passou pelos restaurantes Fasano e Aguzzo Cucina e Vino, prepara pratos como a costela bovina no vinho tinto acompanhado de purê de batata-doce (39 reais), e o tortelli de beterraba com manteiga e sálvia (28 reais). Por até 18 reais: acrescente um doce, como o tiramisu, sobremesa italiana feita com biscoito savoiardi embebido em café expresso, creme mascarpone e cacau. (16 reais). Como chegar: caminhada de cerca de 12 minutos a partir da estação Pinheiros da linha 4-amarela do metrô.

6. La Tartine: além de um menu fixo de quiches, saladas e sanduíches, o bistrô oferece sempre um prato do dia, que pode ser a vitela em cubos ao molho branco (31 reais) e o steak ao queijo roquefort (39 reais). Por até 18 reais: peça a porção com meia dúzia de torradas ao queijo de cabra (10 reais), como entrada, na companhia de uma taça de vinho Concha y Toro (8 reais). Como chegar: duas quadras abaixo da estação Paulista da linha 4-amarela do metrô.

7. La Table Enogastronomia: o restaurante italiano divide espaço com a loja de vinhos Mondo di Vino. Por até 18 reais: delicie-se com o creme brûlé da casa, que leva maracujá e é servido dentro da própria fruta com açúcar queimado no maçarico (13 reais). Como chegar: vá até a estação Morumbi da linha 9-Esmeralda da CPTM.

8. Maremotto: o chef Daniel Jitsuya prepara pratos da chamada culinária nikkei, que une receitas peruanas e japonesas. Por até 18 reais: esse é o preço dos temakis veggie (aspargos, grelhados, cogumelos shimeji e shitake na manteiga, shoyu e sake com fios de abobrinha por fora) e kanuni (atum cozido com tarê, pepino japonês à julienne e tonkatsu ao molho de kakuni). Como chegar: seguindo pela Rua Professor Artur Ramos, após descer na estação Cidade Jardim da linha 9-Esmeralda da CPTM, são cerca de 12 minutos de caminhada.

Tordesilhas
Tordesilhas: caldinho tacacá (R$ 15,00 o médio) (Foto: Fernando Moraes)

9. O Pote: o chef Alexandre Abreu prepara pratos como o robalo com creme de cenoura e folhas de acelga chinesa bok choy (59 reais) e o prime rib de porco na mostarda com risoto de cogumelos (48 reais). Por até 18 reais: incremente a refeição com uma cheesecake com calda de físalis (R$ 14,90). Como chegar: é possível caminhar por volta de 20 minutos da estação Faria Lima do metrô, ou descer na parada de ônibus Brasil da Av. Rebouças.

10. Ramona: as opções vão do cheeseburger (35 reais) à carapau grelhada com banana da terra e couve refogada com alho (39 reais). Por até 18 reais: entrada com batata doce roxa assada ao azeite, alho e coentro. Como chegar: estações República ou Anhangabaú da linha 3-vermelha do metrô.

11. Santovino Ristorante: preparados pelo chef Paulo Kotzent, o peixe-espada (45 reais) e a polenta taragna (mistura de farinha de milho e de trigo-sarraceno) com linguiça artesanal (42 reais) são opções para entrada ou prato principal. Por até 18 reais: vá de couvert, com pães artesanais da casa, patê agliata alla monferrina, picles de beterraba caseiro, azeitonas negras marinadas em azeite, salaminho artesanal, sardela e manteiga com flor de sal (16 reais). Como chegar: a partir da estação Consolação da linha 2-verde do metrô, a caminhada é de cerca de 10 minutos pela Rua Bela Cintra ou desça na parada Oscar Freire da Av. Rebouças.

12. Samosa & Company Indian Food: o camarão no leite de coco cremoso (70 reais) e o cabrito em pedaços ao molho de cebola, pasta de alho, gengibre, pimenta-vermelha em pó, limão e folhas de curry (50 reais) são algumas das receitas preparadas pela cozinheira indiana Deepali Bavaskar. Por até 18 reais: porção com quatro unidades de samosas (pastel de massa grossa) recheadas de batata e ervilha condimentada por curry (16 reais). Como chegar: descer na estação Santa Cruz da linha 1-azul do metrô.

13. Tordesilhas: a chef Mara Salles prepara pratos da culinária brasileira como o barreado (cozido de carnes típico do Paraná) (65 reais) e a costelinha suína com risoto de caldo de feijoada (58 reais). Por até 18 reais: economize na passagem para Belém e prove aqui mesmo o caldinho típico tacacá (15 reais o médio), servido em cuias cheias de tucupi (comum no norte do país extraído da mandioca), jambu (vegetal que causa sensação anestésica na boca), camarão seco e goma de tapioca. Como chegar: desça na estação Consolação da linha 2-verde do metrô ou na parada Clínicas de ônibus da Av. Rebouças.

14. Twelve Bistro: o chef australiano Greigor Caisley serve robalo ao curry amarelo picante com berinjela, alho-poró e tomate (38 reais) ou o hambúrguer de fraldinha com cogumelo shimeji, queijo gorgonzola, pimenta e fritas de acompanhamento (24 reais). Por até 18 reais: porções com seis unidades de coxinha de rabada ou pastel de cordeiro (16 reais, cada) ou torta de limão-siciliano brûlé (14 reais). Como chegar: muitas opções de ônibus servem a rua Cardeal Arcoverde, que fica a 5 minutos do restaurante, como a 177H-10 Metrô Santana / Butantã – USP e a 856R-10 Lapa / Socorro.

15. Weinstube: o restaurante de culinária alemã tem o pato assado com repolho-roxo, spätzle e purê de maçã (66 reais) como uma de suas especialidades. Serve também massa recheada com palmito e alho-poró ao molho de abóbora (40 reais). Por até 18 reais: uma flammkuchen de maçã com canela (pizza individual de massa fina) ou uma caipirinha de frutas da estação preparada com cachaça nacional (18 reais cada). Como chegar: descer na estação Granja Julieta da linha 9-esmeralda da CPTM.

16. 210 Diner: o cardápio propõe receitas norte-americanas, como as coxinhas de frango com os molhos barbecue e queijo tipo gorgonzola (27 reais). Dos lanches, o piggie burger leva um bife de 180 gramas de picanha e acém moídos coberto de costelinha de porco desfiada (35 reais). Por até 18 reais: hot-dog com maionese de raiz forte, saladinha de alface americana e rabanete acompanhado de fritas ou onion rings (18 reais). Como chegar: desça na estação Paulista do metrô e caminhar descendo a Rua da Consolação (cerca de 15 minutos)

Casa Godinho
Casa Godinho: deliciosas empadas por 5 reais cada (Foto: Mario Rodrigues)

COMIDINHAS

17. Aji-to: localizado na região conhecida como Baixo Augusta, serve porções, combinados especiais e, no almoço de segunda a sexta, cardápio executivo. Por até 18 reais: temaki médio de salmão com cream cheese, salsinha e ovas adicionais (R$ 15,80). Como chegar: descer na estação Consolação da linha 2-verde do metrô.

18. Antipasti: as caponatas (26 reais) e a abobrinha (22 reais) são os carros-chefes da loja, é possível pedir para viagem ou provar os antepastos lá mesmo. Por até 18 reais: sanduíches de focaccia recheados de ricota de búfala, presunto cru e alcachofra ou de tomate seco e rúcula (18 reais, cada). Como chegar: é possível descer na estação Consolação da linha 2-verde do metrô e caminhar cerca de 15 minutos ou descer na parada de ônibus Oscar Freire da Av. Rebouças.

19. Bakery Itiriki: a padaria tem uma vitrine repleta de quitutes orientais, como o kare pan frito recheado de frango e legumes ao curry (R$5,50). Receitas como o pão doce de feijão-azuqui (R$ 5,50) e o pão chinês no vapor (R$ 5,90) também são boas pedidas. Por até 18 reais: uma fatia de bolo de milho ou aipim (R$ 9,90) mais um suco (R$ 5,90). Como chegar: desça na estação Liberdade da linha 1-azul do metrô.

20. BBQ Chicken: a especialidade da rede coreana é o frango apimentado frito no azeite (R$ 37,90), serve também porções como a de nacos de frango empanados que leva molho de pimenta agridoce (R$ 42,50). Por até 18 reais: a porção spicy barbecue fries (batatas fritas polvilhadas com tempero picante de kimtchi, acompanhada de molho blue cheese) custa R$ 14,50 e os milk-shakes nos sabores baunilha, morango e chocolate R$ 16,90, cada. Como chegar: fica ao lado da estação Ana Rosa das linhas 1-azul e 2-verde do metrô.

21. Casa Godinho: há mais de cem anos no centro, o empório repleto de bacalhau, azeites, cachaças, vinhos, entre outros produtos, ficou famoso por suas cremosas e premiadas empadas. Por até 18 reais: prove três versões do salgado, com recheios como bacalhau, camarão, carne-seca ou alho-poró (5 reais, unidade). Como chegar: estação São Bento da linha 1-azul do metrô.

22. Cannoleria Casa di Dante: a especialidade da doceria é a guloseima típica da Sicília. Os canudos de massa frita podem ser encontrados em versões como doce de leite com amêndoas, pasta de avelã italiana ou creme de ricota e frutas cristalizadas (5 reais cada). Por até 18 reais: faça uma happy hour diferente com uma taça de vinho fortificado mais um doce, como o cannolo ou a sfogliatella, feita com massa folhada (14 reais), ou prove o nhoque fresco ao molho de tomate e ricota (13 reais). Como chegar: estação Consolação da linha 2-verde do metrô.

23. Casa Garcia: a vendinha dos primos espanhóis Baltasar e Francisco oferece duas opções de comidinhas de produção própria, os sanduíches feitos na hora e o famoso pavê de doce de leite. Por até 18 reais: é possível comer o sanduíche mais simples da casa (6 reais) mais três pedaços do pavê de doce de leite (4 reais, unidade). Como chegar: estação Consolação da linha 2-verde do metrô.  

Casa de Bolos
Casa de bolos: 9,00 reais a versão de milho (Foto: Fernando Moraes)

24. Casa de Bolos: com nove unidades pela cidade, a proposta da casa são as receitas de bolos simples que lembram os quitutes preparados pela avó. Não há lugares para se acomodar e devorar os bolos nos espaços. Por até 18 reais: um bolo-pudim (16 reais) ou dois bolos de milho (9 reais) Como chegar: descer na estação Vila Madalena da linha 2-verde do metrô.

25. Casa Elli: aberta recentemente, a sorveteria segue a proposta do gelato italiano. Oferece opções orgânicas, sem leite e nem gordura. Por até  18 reais: um potinho tamanho de 180 gramas, com até quatro sabores de sorvete, custa 18 reais. Como chegar: estação Consolação da linha 2-verde do metrô.

26. Casa Mathilde: a casa eleita melhor doceria pelo especial "Comer & Beber" 2013 prepara docinhos portugueses como em Lisboa. São sugestões como a queijada da mathilde, acrescida de amêndoa (5 reais), e a bola de berlim, uma espécie de sonho muito fofo (4 reais). Por até 18 reais:  três deliciosos pasteizinhos de nata (R$ 4,80). Como chegar: estação São Bento da linha 1-azul do metrô.

27. Café Raiz: o expresso servido no café da manhã é feito com grãos da Alta Mogiana torrados na casa (R$ 3,50). Por até 18 reais: um pedaço de bolo de cenoura com muita calda de brigadeiro (R$ 6,90) mais um café de coador, que rende até duas xícaras (6 reais). Como chegar: descer na Rua Cardoso de Almeida, 954 as linhas 175P-10 Metrô Santana / Ana Rosa e 975A-10 Vila Brasilândia / Metrô Ana rosa são algumas das que passam por lá. A Avenida Sumaré também está próxima.

28. Casa Suíça - Pinheiros: além dos bolos vendidos em caixas (de R$ 7,50 até 12 reais), que podem ser encontrados em diversos pontos de venda, há também a opção em fatias nas lojas próprias. Por até 18 reais: esbalde-se com cinco fatias de bolo de nozes (R$ 2,50, cada) mais um cappuccino especial com essência a escolha do cliente (R$ 5,50). Como chegar: estação Faria Lima da linha 4-amarela do metrô.

29. DeliCake – Brooklin: os cupcakes, ou delicakes, como são chamados na loja, não possuem gema de ovo nem leite, levam margarina em vez de manteiga e apenas 10 gramas de açúcar. Também serve sanduíches (de R$ 8,90 até R$ 12,90) e sucos naturais. Por até 18 reais: um delicake (R$ 8,90) mais um suco natural de laranja ou limão (R$ 6,90). Como chegar: estação Berrine da linha 9-esmeralda da CPTM e caminhe por cerca de 15 minutos. 

30. Dulca - Barra Funda: a tradicional rede de docerias serve quitutes como bombas (6 reais), tortas (7 reais) e musses (7 reais). Mas o que faz mais sucesso é a receita tradicional de sonho. Por até 18 reais: dois sonhos grandes no sabor tradicional. (7 reais cada um). Como chegar: a partir da estação Marechal Deodoro da linha 3-vermelha do metrô, são em média 15 minutos de caminhada.

31. Estadão: a tradicional lanchonete funciona 24h e serve oum famoso sanduíche de pernil no pão francês, composto de 150 gramas da carne temperada com cebola, pimentão e tomate. Por até 18 reais: peça o lanche tradicional (11 reais) ou incremente a receita com outros ingredientes, cobrados à parte. Como chegar: estação Anhangabaú da linha 3-vermelha do metrô.

Dulca
Dulca: sonho que se desmancha na boca (7 reais, cada) (Foto: Mario Rodrigues)

32. Le Vin Boulangerie: é a versão padaria da rede de restaurantes francêses. Por até 18 reais: dá para experimentar as três opções de croissants grandes: amanteigado (R$ 4,80, cada), com amêndoas (R$ 7,80, cada) e de chocolate (R$ 4,80, cada). Como chegar: estação Consolação da linha 2-verde do metrô. Os ônibus da Rua Augusta também são uma mão na roda.

33. La Vie en Douce: cupcake (R$ 7,30), brigadeiro (R$ 3,90) e glammie (biscoitinho colorido de massa fina e recheio cremoso) (R$ 3,50) são alguns doces encontrados na doceria da chef Carole Crema. Por até 18 reais: volta à infância com o bolo gelado de coco feito com pão-de-ló e umedecido por leite condensado (R$ 5,80, o pedaço). Se estiver frio, peça ainda um submarino de chocolate 70% de cacau, bebida quente no formato de um pirulito (R$ 8,90). Como chegar: estação Consolação da linha 2-verde do metrô ou na parada Clínicas da Av. Rebouças.

34. Le Pain Quotidien - Itaim Bibi: a rede internacional de padarias tem três unidades na cidade. O pão de farinha de centeio com nozes (22 reais inteiro, ou 12 reais meio) e a torta de pistache (R$ 5,50 mini, ou R$ 12,50 inteira) merecem destaque. Por até 18 reais: um cookie gigante de 15 centímetros de diâmetro (R$ 9,90) mais 300 mililitros de limonada com framboesa (8 reais). Como chegar: desça na parada Adolfo Tabacow da Av. Brigadeiro Faria Lima. As linhas 5119-10 Term. Capelinha / Largo São Francisco e 748N-10 Term. Lapa / Itaim Bibi são opções.

35. Pâtisserie Gelée: a loja prepara tortas e bolos congelados para pronta-entrega, além de oferecer sorvetes de produção própria. Por até 18 reais: esse é o valor da torta de doce de leite com crumble e uma bola de sorvete. Como chegar: a linha de ônibus 6401-10 Vila Olímpia / Estação da Luz, quando está sentido Vila Olímpia, passa na Rua Professor Atílio Innocenti, onde fica a doceria.

36. Rock’n’Roll Burger: a hamburgueria com jeito de balada descolada serve lanches como o orgasmatron, que leva 200 gramas de carne, farofa de bacon, cheddar mais cebola-roxa grelhada ou onion rings no pão integral. As máquinas de pinball são um atrativo além do cardápio. Por até 18 reais: cheese salada (R$ 17,90). Como chegar: estação Consolação da linha 2-verde do metrô.

37. St. Louis: o champ burger, de queijo fundido e cogumelos na manteiga (27 reais), e o classic chili dog, um cachorro-quente com queijo cheddar, chili de carne e cebola picada (17 reais) são boas opções da lanchonete. Por até 18 reais: dá para incrementar o lanche com um milk-shake de framboesa (18 reais). Como chegar: ônibus que passem pela Av. Brigadeiro Luis Antonio, como o 5111-10 Term. Sto. Amaro / Term. Pq. D. Pedro II e o 5131-10 Cidade Ademar / Metrô Brás.

38. The Cake Is on the Table: especializada em cupcakes em diversos sabores, como o de doce de leite com nozes e o nega maluca, de chocolate. A doceria também tem na vitrine cookies (4 reais), brownies e brigadeiro na colher (R$ 5,50 cada). Por até 18 reais: um cupcake (7 reais) mais um brigadeiro de colher (5,50 reais) mais um café expresso (3,50 reais). Como chegar: desça na estação Granja Julieta da linha 9-esmeralda da CPTM e faça uma caminhada de 20 minutos pela Rua Alexandre Dumas.

39. 7 Molinos: a padaria oferece opções como a baguete tradicional (R$ 6,50), o croissant (R 4,90) e também pães açucarados, como o pain au chocolate (R$ 5,50). Por até 18 reais: o valor é tão alto que dá até para provar o combo de pão na chapa e café com leite mais caro da cidade (16,50 reais). Como chegar: desça na parada Oscar Freire do corredor de ônibus da Av. Rebouças ou na estação Consolação da linha 2-verde do metrô.

Coxinha do Veloso
Veloso: meia porção com três coxinhas (12 reais) (Foto: Raquel Espirto Santo)

BARES

40. Amigo Leal: o bar é movimentado na happy hour, serve chope Brahma com colarinho generoso (R$ 6,90) e salgados como o bolinho de carne (R$ 4,60 cada). Além dos pastéis de carne, queijo, palmito (R$ 4,20 cada), camarão, carne de sol (R$ 4,50 cada) e bacalhau (R$ 11,50 cada). Por até 18 reais: vá de entradas, como aporção de canapés de frios à moda germânica (R$ 17,50) Como chegar: estação Santa Cecília da linha 1-vermelha do metrô.

41. Baixo: o cardápio propõe carnes defumadas no próprio bar, lanches recheados de paleta, pancetta, linguiça, salmão e peru no pão de leite. Por até 18 reais: porção com quatro pães de queijo recheados (12 reais). Como chegar: estações Paulista (linha 4-amerala) ou Consolação (linha 2-verde) do metrô.

42. Embarque: serve espetinhos, porções e coquetéis. A caipirinha da casa é feita com couve manteiga, tangerina e vodca (R$ 16,90). Por até 18 reais: uma porção com doze bolinhos de arroz recheados com provolone (15 reais) mais um espetinho de cafta (3,30 reais) Como chegar: descer na estação Carrão da linha 1-vermelha do metrô e caminhar por cerca de 15 minutos.

43. Exquisito!: o bar oferece opções de petiscos latino-americanos, como as salteñas bolivianas (R$ 9,50) e o chili royal mexicano (39 reais). Nas bebidas também estão presentes cervejas latinas, como a uruguaia Norteña e a argentina Quilmes (21 reais cada long neck). Por até 18 reais: uma salteña de queijo ou carne (9,50 reais) mais uma cerveja Heineken ou Budweiser (7 reais, long neck). Como chegar: estação Paulista da linha 4-amarela ou Consolação (linha 2-verde) do metrô.

44. Kebabel: a casa é especializada em kebabes, sanduíche árabe enrolado no pão pita. Entre as oito opções de recheios, estão os de cafta e cordeiro (de 17 até 27 reais cada). Por até 18 reais: esse é o preço da porção de falafel (bolinhos fritos à base de grão-de-bico temperado com especiarias árabes, servidos com salada de salsa, tomate e cebola, molho tahine e cesta de pães). Como chegar: estação Consolação da linha 2-verde do metrô.

Pinchos do Sancho Bar y Tapas - Cida Souza
Pinchos do Sancho Bar y Tapas: opções do dia por 7 reais (Foto: Cida Souza)

45. Rubi Wine Bar: entre os rótulos de vinho figuram o argentino Humberto Canale 2012 (16 reais a taça) e o francês Delas Ventoux do Vallée Du Rhone 2012 (17 reais a taça). Para beliscar, steak tartare com toque picante (32 reais) e bruschettas. Por até 18 reais: uma taça de 190 mililitros de vinho, entre as quinze opções está o espanhol Domeco Jarauta Solar de Castro (18 reais), ou uma porção com quatro bruschettas tradicionais (17 reais). Como chegar: estação Consolação da linha 2-verde do metrô.

46. Sancho Bar y Tapas: as tapas e os pinchos ficam sobre o balcão e são cobrados por unidade. As versões de presunto serrano com ovo de codorna frito e a de salmão defumado, cream cheese e um toque de limão são boas pedidas. Por até 18 reais: duas tapas do dia  (7 reais, a unidade). Como chegar: estação Consolação da linha 2-verde do metrô.

47. Tubaína: mais de trinta refrigerantes regionais estão presentes no menu da casa (de R$ 4,90 até 14 reais). As sugestões vegan, como o caldinho de feijão sem bacon (12 reais) e a moqueca de abóbora (32 reais) completam o cardápio. Por até 18 reais: porção quitanda vegana com duas coxinhas de jaca, dois quibes de lentilha e dois rissoles de tofu (18 reais). Como chegar: estação Consolação da linha 2-verde do metrô.

48. Veloso: foi eleito duas vezes o melhor boteco da cidade no especial “Comer & Beber”. A fama se fez principalmente pelas coxinhas de frango com catupiry e as caipirinhas preparadas pelo barman Souza. Por até 18 reais: meia porção de coxinha com três unidades (12 reais) ou caipirinha de cachaça nacional, em sabores como jabuticaba, caju com limão e tangerina com pimenta (16 reais). Como chegar: estações Vila Mariana (linha 1-azul) ou Ana Rosa (1-azul ou 2-verde) do metrô.

49. Veríssimo: a cozinha da casa foi eleita a melhor da categoria pelo voto do leitor no especial "Comer & Beber" 2013. Na happy hour, o bar serve tapas e pinchos no balcão, como as de aspargo e queijo brie, jamon serrano e polvo com batatas bravas. Por até 18 reais: uma tapa de polvo com batatas bravas (R$ 12,50). Como chegar: a partir da estação Berrine da linha 9-esmeralda da CPTM, caminhar por cerca de 10 minutos. 

50. Wine Bar La Table: funciona dentro do restaurante La Table Enogastronomia e oferece doses de 25, 75 ou 150 mililitros. A porção de rústicos crostini de cogumelos (19 reais) pode ser uma boa pedida de acompanhamento. Por até 18 reais: taça média, com 75 mililitros do vinho argentino Mairena Bonarda safra 2009 de Mendonça (11 reais), ou taças de 150 mililitros (16 reais). Como chegar: descça na estação Morumbi da linha 9-Esmeralda da CPTM.

Fonte: VEJA SÃO PAULO