Comidinhas

A rota dos melhores sanduíches da cidade

Com receitas cada vez mais variadas e bem executadas, os lanches sobem de status no mundo da gastronomia e chegam a custar mais de 40 reais

Por: Mariana Oliveira e Fábio Galib - Atualizado em

Listamos os melhores sanduíches da cidade e os endereços onde encontrá-los. Confira:

Town Sandwich Cº
O campeão de sabor: a opção chamada calamari (41 reais) leva lula e bacon (Foto: Fernando Moraes)

Town Sandwich C°

A regra aqui é fugir do comum. O cardápio, assinado por Lucas Bassoleil, filho do chef francês Emmanuel Bassoleil, à frente da cozinha do Skye, tem sanduíches montados com ingredientes nada triviais. Não à toa, os lanches foram eleitos os melhores da cidade pelo especial VEJA COMER & BEBER 2015.Uma das opções queridinhas da freguesia é servida em uma panela de alumínio e leva dentro do pão de leite deliciosas porções de lula, bacon,cebola-roxa, cebolinha, tomate-cereja, páprica, limão-siciliano e uvas verdes, além de molho tártaro.

A acertada receita só pesa um pouco na carteira, já que, para abocanhar o sanduba, é preciso desembolsar 41 reais. O capricho e a delicadeza do preparo surpreendem também na porção de manjubinha empanada em massa de cerveja (24 reais), a melhor alternativa às batatas fritas.O preço, mais salgado do que a média, não impede os clientes de lotar o espaço, localizado no Jardim Paulista. Nos fins de semana e à noite, a espera pode ultrapassar uma hora. Rua Doutor Melo Alves, 445, Jardim Paulista, tel. 3062-6757.12h/0h (fecha seg.).

+ Endereços que quem ama hambúrguer precisa conhecer

Via Emilia Piadineria
Massa fininha: o sassuolo (28 reais) reúne linguiça artesanal, coalhada seca, coentro e berinjela (Foto: Fernando Moraes)

Via Emilia Piadineria

Piadina é o nome dado pelos italianos da Emilia-Romagna a um lanche preparado na massa fininha, feita com farinha de trigo, água, banha de porco e sal. Na Via Emilia Piadineria, a chef Lais Duo investe em recheios como o chamado sassuolo (28 reais), que reúne linguiça artesanal, coalhada seca, coentro e berinjela. Inclusão mais recente no cardápio, a villa nova (28 reais) é composta de costela de porco com chutney de tomate e rúcula. Os sanduíches são servidos com chips de batata ou salada de folhas. Rua dos Pinheiros, 537, Pinheiros, tel. 3062-2437.12h/15h e 19h/23h (sex. até 0h; sáb. sem intervalo até 0h; dom. só almoço até 17h; fecha seg.).

Z Carniceria
O el matador (27 reais): ragu de linguiça e vinagrete de banana (Foto: Divulgação)

Z Carniceria

O Z Carniceria, que Facundo Guerra transferiu recentemente da Rua Augusta para o Largo da Batata, apresenta-se como bar. Mas também é restaurante e endereço para um lanche dos bons. Dá para pedir um hambúrguer de fraldinha com cheddar, maionese de abóbora, rabanete e agrião por 29 reais.Outra opção é o el matador, no qual o pã ofrancês vem cortado ao meio, preenchido de ragu de linguiça, queijo Serra da Canastra e vinagrete de banana (27 reais). Avenida Brigadeiro Faria Lima, 724, Pinheiros, tel. 2936-0934. 12h/15h e 19h/0h (sex. e sáb. até 2h; sáb. e dom. almoço 13h/17h; fecha seg.).

+ Lugares para impressionar o seu amigo gourmet

I Tramezzini
À moda italiana: tramezzino de rosbife com abobrinha grelhada (14,90 reais) (Foto: Mario Rodrigues)

I Tramezzini

Parece apenas um sanduichinho no pão branco sem casca. Bem, é apenas um sanduichinho no pão branco sem casca. O segredo do tramezzino é justamente sua simplicidade — além, é claro, da qualidade dos ingredientes. Muito popular na Itália, com sua criação reivindicada pelo Caffè Mulassano, de Turim, o lanche apareceu há pouco mais de um ano por aqui.

O I Tramezzini aposta em dezoito variações da receita, elaboradas pelos sócios italianos Paolo Stopino e Andrea Morando. Entre elas estão a de berinjela grelhada, queijo gruyère, salsinha e maionese (10,90 reais) e a versão de rosbife com abobrinha grelhada (14,90 reais). À noite, o lugar ganha contornos de bar, bem animadinho. Alameda Franca, 1033, Jardim Paulista, tel. 5033-7900. 12h/23h (sex. e sáb. até 0h; dom. até 22h; fecha seg.).

Mano Sanduíches
Feito em casa: presunto assado com queijo prato e mostarda (15 reais) (Foto: Mario Rodrigues)

Mano Sanduíches

Os donos do Mano, os mesmos do restaurante Nou, fizeram aqui um quase fast-food. Não há garçons: é preciso fazer o pedido diretamente no caixa e aguardar ser chamado. Entre as opções para o lanche, exibidas em uma lousa, há até um hambúrguer — e, sim, ele é muito bom. Mas o que faz valer a visita é a seleção de sanduíches bem elaborados,cujo feitio privilegia ingredientes de produção própria.

“A gente procurou montar um cardápio em que todo mundo conseguisse encontrar uma sugestão com a qual se identificasse”, explica Paulo Sousa, um dos sócios. São exemplos o de salmão defumado na casa, coalhada, limão-siciliano e dill (20 reais) e o de presunto assado com queijo prato e mostarda (15 reais). Para a montagem, escolhe-se pão de fôrma multigrãos ou ciabatta, opções que podem ser trocadas por salada, compondo-se, assim, uma refeição. Rua Ferreira de Araújo, 381,Pinheiros, tel. 3816-1725. 12h/23h.

+ Cinco batatas fritas imperdíveis na cidade

Hot Rod Dog
Recheio apimentado: o cachorro-quente com chili e cheddar foge do tradicional (18 reais) (Foto: Fernando Moraes)

Hot Rod Dog

Sim, é possível sentir-se em uma lanchonete de beira de estrada americana em plena Mooca — bairro com ofertas gastronômicas cada vez melhores. Os penduricalhos nas paredes são inspirados na cultura dos hot rods, carros customizados. No cardápio, ganham destaque os cachorros-quentes montados com salsichas artesanais do tipo frankfurter. A variedade de combinações vai de um simples pão com o embutido (13 reais) a uma mistura mais picante feita com chili de feijão, cheddar e pimenta jalapeño (18 reais). Rua Guaimbé, 302, Mooca, tel. 3205-4698. 18h/22h (sex.até 23h; sáb. 13h/23h; dom.13h/22h; fecha seg. e ter.).

Cateto
Com pancetta defumada: o blue punch (25 reais) tem ainda cebola caramelada, queijo azul de ovelha e agrião (Foto: Ricardo D'Angelo)

Cateto

Nascido na Zona Leste, o bar Cateto atravessou a cidade e instalou uma filial em Pinheiros. Assim como na matriz, o ambiente tem pegada hipster e uma fornida carta de cervejas especiais. O menu dedicado às comidinhas, por sua vez, também traz os bons sanduíches. Há pedidas que fogem (e muito) do lugar-comum, caso do blue punch (25 reais), de pancetta de fumada, cebola caramelada, queijo azul de ovelha e agrião na focaccia, e do serrano (29 reais), feito com pão integral de uva, presunto cru, bechamel de brie e crispies de maçã verde. Rua Francisco Leitão, 272, Pinheiros, tel. 3063-5191.18h/0h (qui. e sex. até 1h; sáb. 13h/1h; fecha dom. e seg.). Rua Fernando Falcão, 810, Mooca, tel. 2367-7521. 18h/23h (sex. até 0h; sáb. 13h/0h;dom. a partir das 13h; fecha seg. e ter.).

+ Mooca ganha perfil descolado com abertura de casas moderinhas

HOT D.O.C.
Salsicha de 20 centímetros: os embutidos podem levar os acompanhamentos que o cliente escolher (Foto: Henrique Peron)

Hot D.O.C.

Se o maremoto dos food trucks virar marola, os sócios Mauricio Bicudo e Fernando Mainardi terão onde se abrigar. Embora tenham começado a criar seus cachorros-quentes dentro de um caminhão, eles optaram por abrir também um endereço fixo, em Pinheiros. O lugar é apertadinho e simples, mas conta com diferenciais que agradam à clientela.

Os embutidos, por exemplo, aparecem em sete variedades, como a linguiça de cordeiro e a salsicha feita de cenoura. Além de ter à sua disposição algumas opções de receitas prontas, o freguês pode montar o próprio sanduba com ingredientes que vão de bacon a chutney de banana. Dica esperta: experimente os empanados que levam o nome de corn dogs (9 reais). Rua dos Pinheiros, 248B, Pinheiros, tel. 3571-6491. 12h/21h (qua. a sex. até23h; sáb. até 0h; dom. 12h30/20h).

Sanduíche de porco
Este vale a fila do bar: sanduíche de porco desfiado com guacamole (15 reais) (Foto: Divulgação)

A Casa do Porco

A especialidade deste bar-restaurante que nasceu sob as forças do chef Jefferson Rueda não é o sanduíche. Mas ali também brilha um lanche feito com a principal matéria-prima da casa, o porco. Ele vale cada mordida. Não tenha medo de acabar com a fome antes do jantar e peça o sanduba suíno, que leva alface, guacamole, tomate, cebola defumada e maionese de mostarda (15 reais). Tudo isso dentro de uma crocante ciabatta.

Adorou os ingredientes, mas não come carne? Embora o nome do lugar diga a que veio, ali não há radicalismos. As opções veganas e vegetarianas saem pelo mesmo preço. Desde sua inauguração,em outubro de 2015, o local é um dos mais badalados do centro nos fins de semana. Para deixar a espera menos dolorosa e muito saborosa, uma portinha virada para a calçada oferece bebidas e beliscos aos clientes. Rua Araújo, 124, centro, tel. 3258-2578.12h/0h (dom. até 17h).

Fonte: VEJA SÃO PAULO