GENTE

Ricardo Boechat: "Sofri um surto depressivo e o peito parecia que ia explodir"

Jornalista conta que, há duas semanas, teve apagão minutos antes de começar programa na rádio e, por isso, ficou afastado nos útlimos dias 

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

Ricardo Boechat
Ricardo Boechat: "Estiquei a corda de mais" (Foto: Reprodução)

O jornalista Ricardo Boechat afirmou na manhã desta quinta (27) que um surto agudo depressivo foi o motivo que o afastou de suas funções na rádio BandNews FM e no Jornal da Band.

Silas Malafaia faz ‘desafio’ a Ricardo Boechat e jornalista dá resposta bombástica

Durante a transmissão de seu programa na rádio, Boechat afirmou que recebeu inúmeras mensagens de ouvintes perguntando o motivo de seu afastamento. “Devo uma explicação aos ouvintes. Vou falar francamente. Tive um surto depressivo agudo. Minutos antes de começar o programa na quarta-feira retrasada, eu sofri um colapso, um apagão, aqui no estúdio”, afirmou o jornalista.

Dietas pobres em carboidratos podem causar depressão

“Nada fazia sentido. Nenhum texto era compreensível. Os pensamentos não fechavam. Uma pressão insuportável dava a sensação de que o peito iria explodir. Fiquei desnorteado e achei melhor me refugiar no meu camarim esperando o socorro médico.”

Segundo Boechat, quando descreveu ao médico o que sentia, o diagnóstico foi um surto depressivo. “Quem cai num quadro desses perde a condição de ficar ativo. De pensar as coisas simples. É como se a pessoa tivesse morrido, mas continuasse viva. Fiquei impressionado com a quantidade de gente que sofre com a depressão”, afirmou.

Aos 55 anos, mulher deixa depressão para trás e se torna campeã de remo

Boechat disse que os médicos que acompanham disseram que ele exagerou em suas atribuições diárias. “Estiquei a corda demais. A experiência mostra que, se não reservarmos um tempo para nos sentirmos bem, sem dúvida, gastaremos tempo para não passar mal. Essa é a grande lição.”

O jornalista postou o áudio de seu depoimento em sua página oficial no Facebook e comoveu seus seguidores. " Todos os dias no carro, meu marido e eu ouvimos seu programa. Ficamos essas semanas ansiosos por noticias suas, preocupados. Porém hoje ficamos muito felizes com sua volta", escreveu uma internauta. 

Fonte: VEJA SÃO PAULO