Alimentação saudável

Comida light: lugares para comer bem sem culpa

Um guia de endereços que podem ser preciosos para quem está de dieta

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Termina o fim de semana, começa o peso na consciência por ter abusado de comidas e bebidas muito calóricos. É assim para você? Bem, então nossa lista de endereços para refeições lights vai cair como uma (levíssima) luva.

+ Hambúrgueres vegetarianos incríveis

+ Creche da periferia dá aulas de meditação e merenda vegetariana

De grelhados e sanduíches a pratos mais incrementados, os cardápios de alguns restaurantes paulistanos reúnem interessantes opções para quem deseja manter-se na dieta sem precisar recorrer a uma salada pouco inspirada. A seguir, estabelecimentos onde se pode comer bem e sem culpa.

America Apesar de os hambúrgueres, onion rings e bacon serem as estrelas, a rede oferece boa variedade de refeições mais leves. No almoço, um extenso bufê de saladas (41,90 reais) pode vir com um grelhado. No caso do frango 120g, o preço sobre para 49,70 reais; já com o peixe, que pode ser salmão, filé de St. Peter ou filé de truta, o prato sai por R$ 53,90. Outra boa pedida: o Chicken Light (35,90 reais), um peito de frango grelhado e pincelado com manteiga derretida, servido com abobrinha, berinjela, pimentão vermelho, cebola e cenoura. Para quem não quer fugir do formato de hambúrguer, o restaurante oferece uma opção vegetariana, feito de quinoa com abobrinha e cenoura, empanado e frito, por R$ 46,90. Há também o Sorrentino de Búfala, composto por uma massa verde recheada com mussarela de búfala, molho de tomate e manjericão (R$ 45,40).

Banana Verde Criado há oito anos atrás, o restaurante foi uma iniciativa do ainda dono Iberê Canabrava, que procurava um lugar para comer de forma saudável. Sucesso até entre os estrangeiros, que costumam ir à noite para experimentar a comida vegetariana brasileira, o local possui uma clientela composta por 80% de apreciadores de carne, mas que se deliciam com os diversos pratos orgânicos de dar água na boca. Uma boa pedida é o bobó com shimeji, purê de cará com queijo meia cura, arroz bolinha integral com brócolis e farofa de castanhas (R$ 46,00). O campeão de vendas é o risoto vermelho com shitake, composto de arroz vermelho, pera seca ao forno, gorgonzola, nozes e shitake grelhado (R$ 33,00). Para beber, o suco antioxidante de jabuticaba, capim santo, água de coco, amora e agave sai por R$ 12,00. 

BeFresh Apresenta opções leves, indicando no cardápio se a refeição tem poucas calorias, é orgânica ou não tem gordura. De entrada, serve tartare de salmão com pão de cereais (R$ 18,00). Entre os pratos principais, a veggie lasanha (R$ 34,00) leva massa fresca, legumes variados, ricota e molho de ervas. O salmão crocante (R$ 40,00) acompanha purê de mandioquinha e legumes salteados. Feitos sem água nem açúcar, os sucos aparecem em versões como o rosa púrpura (R$ 9,50). Trata-se de uma mistura de uvas, maçãs, gengibre e limão.

* Em janeiro, haverá uma mudança nos preços

Bio Alternativa A casa natural trabalha em sistema de bufê no almoço, que custa R$ 34,00 de segunda a sexta e R$ 42,00 aos sábados e feriado (as unidades de Higienópolis e da Alameda Santos fecham aos domingos). Há receitas como purê de batata-doce aromatizado no suco de tangerina e cuscuz marroquino com legumes e carne vegetal.

Bolados Sucos Como o próprio nome diz, o forte da casa são os sucos, que variam de R$ 4,40 a R$ 8,00. Aparecem as combinações de abacaxi com gengibre e melancia com limão. Para comer, o sanduíche de atum, maionese, cenoura, cebola e alface no pão de forma integral (10,90 reais) é uma boa opção.

* Em janeiro, haverá uma mudança nos preços

Caroline O restaurante de comida variada inclui no cardápio massas, sanduíches e carnes. Para quem não quer sair da dieta, vale a pena pedir a salada Madeleine com Frutas, que leva mussarela, frutas da estação, amêndoas e molho de mel com mostarda, por R$ 35,80. O salmão grelhado com salada verde e batata gratinada custa R$ 43,90. Para quem não dispensa doce, há sobremesas que aparecem nas versões normal e light,  como o cheesecake com calda de amora ou chocolate (R$ 17,00).

+ Vegetarianos: como ter uma alimentação balanceada

+ Festival de Comidinhas

Day by Diet Nessa loja, o açúcar passa longe das receitas de bolos e doces, que ganham uma combinação de sucralove, isomalte e sorbitol. O bolo de brigadeiro (82 reais o quilo) leva pão-de-ló de chocolate, recheado de creme de brigadeiro e coberto com raspinhas de chocolate. O mousse (7,90 reais a unidade) é feita com leite condensado diet, iogurte desnatado, chantili vegetal e chocolate diet.

Desfrutti Boa parte do menu se dedica aos sucos (de 7,90 a 10,90 reais), que podem ser feitos com uma ou duas frutas e receber adição de ingredientes como gengibre e mel. Alguns são terapêuticos, caso de uma framboesa, mel, morango e água de coco, para melhorar a pele (R$ 9,50). Para matar a fome, existem cerca de quinze opções de wraps. Os sanduíches enrolados podem vir recheados de peito de peru light, aspargos, queijo brie, damascos e rúcula (R$ 29,90).

Espaço Tambiú A casa tem como grandes estrelas os peixes de rio. Para a entrada, uma boa pedida é o carré de tambaqui com molho picante (R$ 42,00). Como prato principal, o pintado com abacaxi grelhado ao molho de limão sai por R$ 49,00 não deixa nenhum pouco a desejar. Outra boa opção é o lombo de pirarucu, que acompanha arroz com brócolis e conta com leve toque de azeite de alho (R$ 59,00). Além disso, há a bracciola de pintado recheada com cogumelos, brócolis, castanha e damasco, que leva molho rose e acompanha arroz de coco (R$ 49,00). Quem quiser completar a refeição com uma sobremesa, pode pedir a cocada de forno com sorvete de limão (R$ 16,00)

Insalata Como indica o nome, é o paraíso dos apreciadores de saladas. A caprina, por exemplo, reúne mix de folhas, repolho-roxo, pêra, tomate-cereja e queijo de cabra regado com mel (R$ 39,50). O menu contém outras boas pedidas, como o espaguete integral com molho de tomate e ragu de fraldinha (R$ 39,00).

Yogurberry A marca se dedica aos famosos frozen yogurt. Preparado com leite e iogurte, aparece também em sabores como chocolate belga e maracujá. A massa pode receber complementos (toppings), a exemplo de frutas, amendoim, mel e granola. A versão pequena (130g) do gelado natural sai por 9,50 reais. Já a versão maior (210g) sai por 13,50. Quem quiser adicionar três toppings paga a diferença de R$ 9,00. 

Fonte: VEJA SÃO PAULO