Comida

Restaurantes incluem hambúrgueres no cardápio

Marakuthai, Baruk e Insalata são alguns dos endereços que oferecem o sanduíche como opção

Por: Daniel Salles

hamburguer 2199
Criação do Marakuthai: 250 gramas de carne, queijo e salada, com chips de batata-doce, maionese e ketchup artesanais (Foto: Fernando Moraes)

Até pouco tempo atrás, o hambúrguer era uma sugestão praticamente inexistente em restaurantes finos. Associado a tudo o que contrasta com dietas saudáveis e abdomens definidos, ele costumava ser encontrado apenas em padarias e redes de fast-food. Nos últimos anos, porém, o sanduíche recebeu a adesão de alguns chefs na cidade. Preparado com ingredientes nobres e vendido a mais de 25 reais, acabou incorporado ao cardápio de restaurantes que em nada lembram lanchonetes. É o caso do contemporâneo Marakuthai, no bairro de Cerqueira César, conhecido pela seleção de peixes e frutos do mar. Nas noites de quinta a sábado, a casa oferece um hambúrguer com 250 gramas de picanha e maminha, queijo gruyère, alface, pepino e tomate (28 reais). Escoltado por chips de batatadoce, além de porções de maionese e ketchup artesanais, o lanche só é vendido a partir das 23 horas. “Quase ninguém sai para jantar nesse horário”, acredita a chef e sócia Renata Vanzetto. “Mas muita gente se anima a nos visitar de madrugada para devorar um sanduíche.”

Baruk 2199
Opção do Baruk: na forma de cafta e servido no prato (Foto: Fernando Moraes)

Especializado em quitutes árabes, o Baruk, na Vila Olímpia, também incluiu em seu menu um hambúrguer de cafta, de 150 gramas, para tentar ampliar a clientela. Ele chega à mesa no prato e leva alface, rúcula e cogumelos shiitake e shimeji (27,90 reais). “Não queríamos focar apenas receitas clássicas libanesas”, conta a sócia Denise Batistel.

Como o nome já indica, a atração do Insalata, no Jardim Paulista, é a lista de saladas. Um dos campeões de pedidos, no entanto, é o hambúrguer com 220 gramas de fraldinha, que pode vir acompanhado de massa, risoto, mix de folhas ou legumes cozidos (de 29,90 a 34,70 reais).

Raro expoente da culinária turca na cidade, o Kosebasi, no Itaim Bibi, apresenta em sua carta uma porção com três mini-hambúrgueres de 70 gramas cada um feitos de quibe cru passado na chapa (23 reais). Leva homus, tabule e pão integral. “Criamos essa opção para quem busca uma refeição rápida e para satisfazer o público infantil”, diz Marcelo Toniollo, gerente do local.

Fonte: VEJA SÃO PAULO