Roteiro

Os melhores restaurantes bons e baratos de São Paulo

Petí Gastronomia, Esquina Mocotó, Casa Portuguesa e Jiquitaia estão entre os endereços bacanas onde é possível comer bem sem gastar uma fortuna

Por: Redação VEJASAOPAULO.COM - Atualizado em

Petí Gastronomia
Um dos pratos do cardápio rotativo do Petí Gastronomia: músculo, tutano e quirela (Foto: Fernando Moraes)

 

Em tempos de preços altos, é bom ter a mão uma lista de casas com bom custo-benefício. Em nossa seleção, reunimos 32 restaurantes bons e baratos que caem bem em diversas ocasiões.

Na Zona Norte, o  Esquina Mocotó apresenta a elaborada culinária brasileira do chef Rodrigo Oliveira, enquanto o MoDi, em Higienópolis, prepara pratos italianos como ravióli de berinjela e ricota fresca ao azeite e salsinha sobre molho de tomate. O  Jiquitaia, no Baixo Augusta, serve um menu executivo por R$ 46,00 no almoço e R$ 69,00 no jantar. 

Confira abaixo a lista completa:

  • Portugueses

    Casa Portuguesa

    Rua Cunha Gago, 656, Pinheiros

    Tel: (11) 3819 1987

    VejaSP
    1 avaliação

    Apertadinha, a casa de esquina tem alguns dos salões com teto translúcido, que permite a entrada de luz natural. O restaurante de Maria João Martins funciona só para o almoço e está sempre cheio. Para a entrada, ela sugere um bolinho de bacalhau pequeno e baratinho (R$ 4,00), frito em formato que lembra o de um croquete, ou uma boa alheira (R$ 29,00). Há uma adequada variedade de pratos em tamanho individual. Seja na versão à estalagem (R$ 46,00), do pescado servido em lascas com batata ao murro e farofa de couve, ou à ribeiro alves (R$ 53,00), cozido com batata, ovo, cebola e brócolis, o bacalhau do Porto vem absolutamente sem sal. Uma pitadinha a mais e pronto. Uma tortinha de amêndoa com coco (R$ 6,90) é a opção doce sem gema de ovo para fechar a refeição. 

    Preços checados em 17 de junho de 2016.

    Saiba mais
  • Cozinha variada

    Clementina Forno & Fogão

    Rua Oscar Freire, 1582, Pinheiros

    Tel: (11) 3062 1130

    VejaSP
    Sem avaliação

    Deixe qualquer expectativa altíssima que o nome de Carla Pernambuco possa sugerir do lado de fora desse minúsculo endereço de almoço. A ideia da chef e sua sócia Carolina Brandão é servir comida saborosa, naquele preço que dá para pagar sem estourar o orçamento do mês. Na despretensão, elas conquistam a simpatia da clientela, que volta para provar os pratos do dia e algumas pedidas fixas, como o bife ancho fininho com manteiga de cogumelo ou molho de mostarda ao lado de batata frita (daquela congelada mesmo, mas bem fritinha) e salada. Pela refeição, pagam-se R$ 38,00. No meio da tarde, passe só para comer a coxinha de frango com catupiry (R$ 16,00 por quatro unidades) ou a empada de pupunha, milho e queijo cremoso (R$ 11,00). Não importa o horário, só não cometa o crime de não provar o sorvetão de leite em pó com doce de leite (R$ 15,00). Nesse caso, o índice glicêmico supera qualquer expectativa, mesmo as altíssimas.

    Preços checados em 13 de junho de 2016.

    Saiba mais

Fonte: VEJA SÃO PAULO