Terraço Paulistano

Miriam Vasserman: resgate à memória

Miriam Vasserman organiza exposição para homenagear famílias arrasadas pelo holocausto

Por: João Batista Jr. - Atualizado em

Miriam Vasserman: resgate à memória_2166
Miriam Vasserman: contra a intolerância (Foto: Fernando Moraes)

Como forma de homenagear as famílias arrasadas pelo holocausto, a presidente da União Mundial pelo Judaísmo Progressista, Miriam Vasserman, organizou uma exposição que deve emocionar. Batizada de 'Shoá — Reflexões por um Mundo Mais Tolerante', a mostra multimídia fica em cartaz entre sexta (28) e 4 de julho no Sesc Pompeia.

Em hebraico, Shoá significa destruição. “Teremos fotos, vídeos, computadores e livros para, ao contar bem esse período da história, combater a intolerância”, diz Miriam, que perdeu familiares em campos de concentração nazistas. Objetos pessoais de sobreviventes, como passaportes, talheres e relógios, poderão ser vistos. “É um grito contra a intolerância.” 

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO