Gente

Capitania dos Portos vai apurar incêndio de lancha do Rei do Camarote

Embarcação de luxo estava atracada no canal de Bertioga, na Baixada Santista, quando pegou fogo na tarde de terça (15)

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

Alexander-de-Almeida-barco
Permesso, a embarcação de Almeida, pegou fogo nesta terça (15) (Foto: Reprodução /  Instagram )

Uma lancha de luxo, pertencente ao empresário Alexander Augusto de Almeida, o Rei do Camarote, pegou fogo na tarde desta terça-feira (15), no Canal de Bertioga, Baixada Santista. A Capitania dos Portos de São Paulo (CPSP) abriu inquérito para apurar as causas do acidente, bem como possíveis responsáveis. O prazo de conclusão é de 90 dias. Segundo a Capitania, não houve vítimas.

+ Os dez mandamentos do Rei do Camarote

A Capitania foi informada pelo Corpo dos Bombeiros do Guarujá às 18h15, mas o acidente ocorreu mais cedo, segundo testemunhas. Na mesma noite, uma equipe de peritos foi enviada ao local e, de acordo com nota enviada à imprensa, o início do incêndio aconteceu com a lancha ainda atracada. Nesta quarta (16), a perícia voltará à embarcação para tirar fotos e falar com testemunhas. Alexander ainda não se pronunciou sobre o caso.

+ O Rei do Camarote: a dura vida após a fama 

O barco Intermarine, modelo Azimut, chamada “Permesso” (permissão, em italiano), tem 76 pés (23 metros de comprimento) e pode transportar 19 passageiros. Em setembro passado, VEJA SÃO PAULO publicou nota sobre a compra do barco. O empresário reunia os amigos para passeios. A embarcação tem quatro camarotes (suítes), um deles com banheira de hidromassagem.

+ Rei do Camarote, Alexander de Almeida, compra barco de 76 pés

permesso
Detalhe do barco: suíte principal tem banheira de hidromassagem (Foto: Reprodução / Instagram )

O Rei do Camarote ganhou a fama após a publicação de uma reportagem de VEJA SÃO PAULO, em novembro de 2013, sobre os hábitos perdulários dos milionários na noite paulistana. Alexander, que costumava gastar até 50 000 reais na balada, foi a estrela de um vídeo visualizado mais de 8 milhões de vezes. 

alexander
Alexander de Almeida em sua embarcação (Foto: Reprodução / Instagram)

+ Confira as últimas notícias

Fonte: VEJA SÃO PAULO