Receitas de bar

Receita de croquete de frango com presunto cru do bar Original

Porto seguro na madrugada paulistana, o bar Genial serve um croquete de frango com presunto cru, cuja massa é bem encorpada

Por: Marcela Besson - Atualizado em

Ingredientes

 

100g de manteiga

1 cebola média picada

120g de farinha de trigo

1 litro de leite

Sal e noz moscada a gosto

300g de frango desfiado

60g de presunto cru picado

2 ovos batidos

Farinha de trigo para empanar

Farinha de rosca para empanar

Modo de preparo

 

Em uma panela, faça primeiro o molho bechamel: derreta a manteiga e junte a cebola picada bem miudinha. Frite até dourar. Acrescente a farinha, mexendo vigorosamente, sem parar, por cerca de 3 minutos. Junte aos poucos o leite, sempre mexendo, para que fique homogêneo. Ajuste o sal e cozinhe até engrossar. Finalize o molho com a noz moscada ralada.

Em fogo baixo, junte ao bechamel o frango desfiado e o presunto cru. Misture bem, retire do fogo e disponha em uma vasilha para esfriar. Cubra com filme plástico para que não crie uma crosta na parte de cima.

Resfriada, a mistura tende a fiar mais firme, no ponto ideal para ser moldada na forma de croquete. Empane os bolinhos com uma camada farinha de trigo, outra de ovo batido e, por fim, a de farinha de rosca. Frite em óleo bem quente e abundante.

 

Dificuldade: baixa

Rendimento: 20 croquetes

Tempo: 50 minutos

 

Sobre o Genial

Fotos de Oscar Niemeyer, Glauber Rocha, Zico, Guimarães Rosa, Carmen Miranda e outros 120 "geniais" enfeitam uma das paredes e justificam o nome da casa. Com cozinha aberta até altas horas, atrai um público descolado. Nas noites de calor, pode-se curtir a gostosa varanda com teto retrátil. Um chopinho de alto nível (Brahma), de colarinho largo, faz a clientela esquecer que o dia vai raiar. Caso bata uma fominha no meio da madrugada, o extenso cardápio dá conta do recado. Inclui tira-gostos como a polenta de colher ao molho de tomate e azeitona preta, grelhados e embutidos. Duas dicas: a picanha ao molho de pimenta e a porção de lulinhas, pequenos gomos de lingüiça defumada e levemente apimentada salteados no azeite. (Por Fábio Wright)

 

Mais sobre o presunto cru

Salgar e defumar o pernil de porco para produzir presunto cru é uma técnica antiga. Sítios arqueológicos descobertos na Itália mostraram evidências do preparo desse tipo de carne já no século V a.C. Era um método de conservação que consistia em expor a carne à fumaça, em seguida, esfregá-la com óleo e vinagre e, finalmente, pendurá-la para que perdesse a umidade.

O presunto cru mais conhecido é o de Parma, feito na Itália. Depois de salgada, a carne é massageada para amaciar as fibras. Feita uma segunda salga, o pernil permanece de 10 a 12 meses maturando. No final, passa por avaliação de aroma e aparência. No Brasil, o presunto tipo Parma é feito em câmaras que reproduzem as condições climáticas ideais – uma alternativa ao caro exemplar italiano.

 

Bares de fim de noite

Barão da Itararé

Estadão

Filial

Genésio

Pasta & Vino

Pequi

Fonte: VEJA SÃO PAULO