Cidade

Reabertura da Feira da Madrugada é adiada

Prefeitura não tem mais prazo para reinaugurar o espaço, fechado por risco de incêndio

Por: Redação VEJASÃOPAULO.COM

Feira da Madrugada - 2231
Feira da Madrugada: comerciantes amargam prejuízo (Foto: Agliberto Lima)

Prometida para esta terça-feira (15), a reabertura da Feira da Madrugada não tem mais data para acontecer. O local - movimentado ponto de comércio do bairro do Brás, na região central - está fechado desde maio por falta de infra-estrutura. Um laudo do Corpo de Bombeiros apontou que o local não oferecia boas condições de segurança aos lojistas e consumidores, e o Ministério Público ordenou a interdição.

Durante cinco meses, a feira passou por reformas, mas, segundo a prefeitura, ainda não está em condições de receber o público. A administração também não dá um novo prazo de reabertura. Os comerciantes do local sofrem com o prejuízo e alguns montam barracas na rua irregularmente enquanto não têm o espaço de volta. 

Problemas

Além de rede elétrica com fiação exposta, o local tinha extintores com prazo de validade vencido e saídas de emergência obstruídas. Quase todos os boxes funcionavam em condições precárias de higiene e segurança. A feira tem 37 mil metros quadrados. 

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO