Passeios

Programas que todo paulistano precisa fazer pelo menos uma vez na vida

Confira se você está em dia com a agenda de passeios com a nossa seleção de 54 atrações

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Uma seleção de lugares que todo mundo que mora na cidade ou está por aqui por algum tempo deveria conhecer. Entre eles, vale um passeio na Casa das Rosas, na Pinacoteca e no Teatro Municipal, além de momentos de diversão no Escape 60, KidZania e Parque da Mônica.

Confira a lista:

+ 14 coisas que só quem frequenta o Sesc vai entender

+ Barbearias de estilo vintage se multiplicam na cidade

  • Bairros / Museus

    Museu da Imigração

    Rua Visconde De Parnaíba, 1316, Brás

    Tel: (11) 2692 1866

    5 avaliações

    Após quatro anos fechado, o Museu da Imigração reabriu para o público no início de 2014. O prédio da antiga Hospedaria de Imigrantes, que recebeu cerca de 2,5 milhões de pessoas de 1887 a 1978, passou por sua primeira restauração completa. Como a construção é tombada, a única alteração no projeto original foi a instalação de um elevador para cadeirantes. Já o museu traz novidades: loja, café, biblioteca, wi-fi no jardim e interligação com a maria-fumaça (pago à parte; 15 reais). O passeio é uma opção divertida para levar as crianças. Elas podem saber como foi passar por ali décadas atrás por meio de uma exposição permanente. Nela, há um painel interativo que forma um mosaico de rostos e a reprodução de um quarto e do refeitório, nos quais se podem ler cartas reais deixadas para trás. O lugar também oferece uma bonita sala para atividades infantis.

    Programação: 

    Exposição Migrar: experiências, memórias e identidades

    Mostra como os processos migratórios fazem parte de toda a história da humanidade e aprofunda os ocorridos mais recentemente, durante os séculos XIX e XX. Também apresenta o cotidiano da Hospedaria de Imigrantes do Brás e a influência da imigração na cidade e estado de São Paulo.

    Saiba mais
  • Parques

    Parque da Independência

    Avenida Nazaré, s/n, Ipiranga

    Tel: (11) 2273 7250

    2 avaliações
  • Parques

    Parque do Ibirapuera

    Avenida Pedro Álvares Cabral, s/n, Parque Ibirapuera

    Tel: (11) 5573 4180

    12 avaliações

    É o local ideal para passar uma tarde inteira, seja nos tranquilos dias de semana, seja aos sábados e domingos, quando se transforma em uma cidade de 300 000 pessoas. Entre as 160 espécies de animais registradas, há pica-paus, cisnes e patos. Na flora, exemplares de árvores como jaqueira e pau-brasil. Mas não é só isso que faz o parque ser imbatível. O local abriga cinco prédios com a assinatura de Oscar Niemeyer: o Pavilhão Cicillo Matarazzo (atual Pavilhão da Bienal de São Paulo), o Museu de Arte Contemporânea, o Museu Afro Brasil, a Oca, a Grande Marquise (onde está situado o Museu de Arte Moderna) e o Auditório Ibirapuera. O passeio se completa com visita ao curioso Pavilhão Japonês.

    Saiba mais
  • Museus

    Masp

    Avenida Paulista, 1578, Bela Vista

    Tel: (11) 3149 5959

    VejaSP
    16 avaliações

    O mais importante museu da América Latina reúne 8000 obras em seu acervo, a maior coleção de arte europeia fora do continente e dos Estados Unidos. Quadros emblemáticos de Van Gogh, Renoir, Rembrandt, Monet, Manet, Picasso, Modigliani impressionam qualquer pessoa que passa por lá. A coleção, porém, vai muito além disso: tem núcleos dedicados à arte brasileira, moda, arqueologia, fotografia, entre outros. Desde o segundo semestre de 2014, a instituição tem como presidente o empresário Heitor Martins, que convidou Adriano Pedrosa para ser o diretor artístico da instituição. Atualmente, o Masp tem passado por uma fase de grandes mudanças em sua programação, conselho, café, loja e estrutura.

    Sua mais importante mudança é a volta dos cavaletes de vidro a partir de dezembro de 2015. Eles foram criados pela arquiteta ítalo-brasileira Lina Bo Bardi, também autora do projeto do atual prédio da instituição, na Avenida Paulista, inaugurado em 1969. Por si só, a construção de vidro e concreto aparente, é um desenho único; e seu vão-livre, uma referência para todo o mundo. Para expor os quadros que estavam sendo, então, garimpados pelo empresário Assis Chateaubriand e crítico Pietro Maria Bardi, Lina criou cavaletes presos a blocos de concreto, de maneira que, dependurados, os quadros "flutuam". Em 1996, durante a gestão de Julio Neves, a expografia foi derrubada, e substituída por paredes tradicionais.

    Saiba mais
  • Museus

    Pinacoteca de São Paulo

    Praça Da Luz, 2, Bom Retiro

    Tel: (11) 3324 1000

    8 avaliações
  • Monumentos

    Obelisco Mausoléu aos Heróis de 32

    Avenida Pedro Álvares Cabral, s/n, Parque Ibirapuera

    4 avaliações

    Reaberto em 9 de dezembro de 2014, depois de doze anos com as portas fechadas para uma reforma, o local de 72 metros de altura e 1 932 metros quadrados - número relacionado ao ano de 1932, quando ocorreu a Revolução - presta uma homenagem aos 713 soldados mortos durante a revolta paulista contra o governo de Getúlio Vargas e por uma nova constituição. Na entrada do monumento fundado em 1955, uma série de arcos recepciona os visitantes diante de uma luz baixa com tom sombrio. Poemas e frases do escritor Guilherme de Almeida se espalham pelo local, como na fachada, que ostenta os dizeres "viveram pouco para morrer bem, morreram jovens para viver sempre".

     

    + Passeio gratuito de bicicleta inclui pontos turísticos da região

     

    Um corredor leva até uma cripta onde estão depositados os restos mortais dos combatentes em edificações feitas de mármore. O destaque é uma espécie de guardião do templo fixado no meio do lugar. Na obra estão sepultados Martins, Miragaia, Dráuzio e Camargo, estudantes mortos durante a ação e que deram origem à célebre sigla M.M.D.C. Ao lado da estátua, vale a pena olhar para o alto e ter uma visão única da parte interna do alto Obelisco. Três capelas coloridas anexas, concebidas pelo escultor ítalo-brasileiro Galileo Ugo Emendabili, completam o ambiente.

     

    A rápida visita pode dar a impressão de ser incompleta já que não há serviços de guias e são pouco detalhadas as placas com informações no interior do monumento. Portanto, vale o passeio se parte de um programa casado, após uma volta pelos vizinhos Parque do Ibirapuera e Museu de Arte Contemporânea (MAC).

     

    + Conheça a parte secreta do prédio histórico do Shopping Light

    Saiba mais
  • Lojas especializadas

    Galeria do Rock

    Rua Vinte E Quatro De Maio, 62, República

    7 avaliações

    No fim da década de 70, diversas lojas de disco começaram a se instalar no edifício ondulado, projetado pelo arquiteto Alfredo Mathias, e a atrair um público interessado no estilo musical que emprestou o nome ao centro comercial. Hoje, 450 estabelecimentos, entre estúdios de piercing e tatuagem, salões de beleza e butiques de roupas, vinis e CDs, disputam a atenção dos visitantes. Uma das paradas mais tradicionais é a Baratos Afins, no 2º andar.

    Saiba mais
  • Bibliotecas

    Biblioteca Parque Villa-Lobos

    Avenida Professor Fonseca Rodrigues, 2001, Alto De Pinheiros

    Tel: (11) 3024 2500

    Sem avaliação

    Um canto de tranquilidade em meio a muita gente andando a pé, de bicicleta, de patins, com carrinhos de bebê e cães. É assim que você vai se sentir ao entrar na Biblioteca Parque Villa-Lobos, inaugurada em dezembro. Embora o ritmo seja muito mais calmo do lado de dentro, isso não se traduz em tédio, pois há muito que fazer por ali. Especialmente as crianças vão achar motivos para se divertir no agradável espaço, que conta com uma bela tenda central. Em tatames e pufes, os visitantes podem se esparramar, ler e contar histórias encontradas nos cerca de 15.000 itens oferecidos nas prateleiras da instituição (o acervo infantojuvenil compõe-se de mais de 8.000 exemplares, os quais podem ser tomados para empréstimo). Aos mais crescidos é dada a chance de jogar videogame — a fila é formada por ordem de chegada — ou utilizar computadores para navegar na internet. Os menorzinhos, por sua vez, brincam com bonecos e dedoches. Quem tem entre 6 meses e 3 anos pode participar da atividade Bebelê, que visa a estimular a leitura com brincadeiras e músicas. Ocorre aos sábados, das 10h às 12h e das 15h às 15h45, e aos domingos, das 10h às 12h. Até 25 de outubro fica em cartaz no espaço a exposição A Mão Livre do Vovô, composta de desenhos que Vilanova Artigas, arquiteto que criou o Estádio do Morumbi, fez para seus netos.

    Saiba mais
  • Bibliotecas

    Biblioteca de São Paulo

    Avenida Cruzeiro Do Sul, 2630, Canindé

    Tel: (11) 2089 0800

    1 avaliação

    Basta atravessar a porta de entrada para mergulhar no mundo da literatura. O primeiro andar revela-se o mais bacana, por ser dedicado apenas a títulos infantis e juvenis. Crianças e adolescentes se esparramam pelos pufes e mesas coloridos. Basta fuçar pelas prateleiras para encontrar títulos de grandes autores, como Eva Furnari e Ilan Brenman, separados por faixa etária. Inaugurada em 2010, a biblioteca também dispõe de programação cultural. Para completar o passeio, vale dar uma volta pelo Parque da Juventude, que divide o terreno com a biblioteca.

    Saiba mais
  • Museus

    Museu do Futebol

    Praça Charles Miller, s/n, Pacaembu

    Tel: (11) 3664 3848

    7 avaliações

    Impossível não se contagiar de cara com a atmosfera boleira deste museu cravado debaixo das arquibancadas do Estádio do Pacaembu. Todas as atrações são multimídia e interativas. Projetores exibem fotografias gigantes de ídolos como Pelé, Garrincha, Zico e Ronaldo. Numa sala, fotos antigas contextualizam os primórdios do esporte no Brasil. Há muito material em vídeo, mostrando dribles, gols e jogadas marcantes. Quem quiser se aventurar (sobretudo as crianças), pode brincar de cobrar um pênalti e medir a velocidade do chute numa atração ou jogar com uma bola virtual em outra. Duas experiências arrepiam os visitantes: imagens de torcedores incentivando aos berros seus times, projetadas em telões debaixo das arquibancadas, e o acesso para ver (e fotografar, é claro) o gramado verdinho do Pacaembu. Em outra sala, telas em alta definição apresentam a história das copas e a participação da Seleção em cada uma delas. Difícil é sair de lá sem querer gritar “Brasil, Brasil, Brasil”.

    Saiba mais
  • Museus

    Museu da Imagem e do Som - MIS

    Avenida Europa, 158, Jardim Europa

    Tel: (11) 2117 4777

    1 avaliação
  • Para crianças / Parques de diversão

    Parque da Mônica

    Avenida das Nações Unidas, 22540, Jurubatuba

    Tel: (11) 5696 2200

    VejaSP
    2 avaliações

    Uma das grandes qualidades da atração reinaugurada em julho, após cinco anos de hiato, é conseguir transportar os visitantes para a atmosfera dos gibis. Impressionam logo na chegada a riqueza de detalhes dos cenários e a variedade de brinquedos. Entre os mais disputados estão justamente dois velhos conhecidos do espaço no Shopping SP Market: o bote aquático agora rebatizado de Horacic Park e a montanha-russa do Astronauta — que pode dar frio na barriga até nos mais grandinhos. Ao lado dos pais, as crianças têm risada garantida na Trombada do Louco, um bate-bate que testa suas habilidades no volante. Para sorte dos menos aventureiros, nem tudo é pura agitação. Os bem novos curtem o teatro da turma e a casa dos personagens.

    Saiba mais
  • Parques

    KidZania

    Avenida Rebouças, 3970, Pinheiros

    Tel: (11) 3995 4500

    VejaSP
    13 avaliações

    A cada meia hora, uma simulação de um grande incêndio acontece no hotel da cidade fictícia de KidZania. Em poucos minutos o minicarro dos bombeiros chega e dele sai um grupo de crianças treinadas para controlar o fogo em poucos minutos. Se houver algum ferido, uma ambulância com pequenos médicos socorre a vitima, que é encaminhada para o hospital, onde ocorrem também operações, como transplante de fígado. Toda essa agitação pode ser conferida na primeira unidade brasileira da rede mexicana KidZania, instalada no Shopping Eldorado desde dezembro de 2014. Por lá ocorrem ainda simulações de casos enfrentados em uma delegacia, cozinha de restaurante, agência de publicidade, laboratório de ciências e até em uma redação de jornal. A ideia ali é o visitante escolher quais profissões quer desempenhar durante o passeio, entre as 52 opções disponíveis.

    O parque mostra-se bem organizado, limpo e oferece um mix de atrações divertido, é verdade, mas o preço do ingresso revela-se um balde de água fria e só vale a pena para quem quiser muito conhecer o lugar ou tiver certeza de que a criança se identifica com o passeio. Custa 120 reais para as crianças – as de até 4 anos junto de outra pagante entram de graça e a garotada a partir de 8 anos pode ficar sozinha por lá. Só para acompanhar e sem participar de nada, os adultos desembolsam 50 reais. Quem optar por investir no passeio, deve se atentar ao horário de funcionamento para aproveitar ao máximo.

    Ao cruzar o portão de entrada, semelhante a um aeroporto, o visitante recebe um cheque de 50 kidZos – moeda local. A aventura começa com uma ida ao banco para trocar o cheque por cédulas ou um cartão, usados para ingressar nos diversos estabelecimentos e instituições da cidade. Depois de “trabalhar” em uma das áreas, eles recebem o salário em kidZos – a moeda pode ser utilizada também para pagar por serviços como manicure.

    Para os adultos que quiserem dar um tempo do barulho da música ambiente somada a sirenes e buzinas dos veículos das brincadeiras, há um espaço equipado com poltronas, wi-fi, tomada para carregar celular e uma cafeteria. Quem estiver acompanhado de crianças de até 4 anos possui à disposição outro ambiente com jogos e brinquedos voltados para essa faixa etária. É proibido entrar com alimentos, mas dentro do local, dispõe de unidades do Burger King, 1900 Pizzeria e Kopenhagen, além de uma pequena praça de alimentação.

    Saiba mais
  • Drinques

    Terraço Itália - Bar

    Avenida Ipiranga, 344, Centro

    Tel: (11) 2189 2929

    VejaSP
    7 avaliações

    Fica no topo do Edifício Itália e tem status de programa turístico. Apareça à tarde e verá viajantes a fotografar o impressionante skyline da cidade. À noite, o clima é mais romântico, com apresentações diárias de jazz. O ótimo dry martini (R$ 38,00) acompanha a porção mista de pastéis sem bolhas na massa (R$ 36,00), com os recheios de camarão, queijo e palmito. Cobra-se entrada: R$ 30,00.

    Preços checados em setembro/outubro de 2016.

    Saiba mais
  • Bares variados

    Bar Brahma Centro

    Avenida São João, 677, centro

    Tel: (11) 3331 9332

    VejaSP
    7 avaliações

    O bar mais turístico da cidade se localiza no cruzamento eternizado por Caetano Veloso: o das avenidas Ipiranga e São João, no centro. Todos os olhares se voltam ao classudo salão com lustres de cristal. Em um pequeno palco apresentam-se astros da velha guarda como Jerry Adriani e Moacyr Franco. Também concorrida, a varandona é cenário agradável para tomar o chope da marca que dá nome à casa (R$ 8,50). Feito com linguiça calabresa, o picadinho (R$ 52,00) vem com arroz, farofa, brócolis e uma boa banana à milanesa.

    Preços checados em setembro/outubro de 2016.

    Saiba mais
  • Galerias

    Galeria Fortes Vilaça

    Rua Fradique Coutinho, 1500, Pinheiros

    Tel: (11) 3032 7066

    Sem avaliação
  • Praças

    Praça Cel. Custódio Fernandes Pinheiros - Por do Sol

    Rua Desembargador Ferreira França, S/N, Alto De Pinheiros

    1 avaliação

    Não foi à toa que a praça do Alto de Pinheiros ganhou o nome de Pôr do Sol. De lá se tem um dos mais belos ângulos do sol se pondo em meio aos arranha-céus paulistanos. Nos fins de semana, há muitos jovens e famílias fazendo piqueniques, empinando pipas ou simplesmente aproveitando a vista.

    Saiba mais
  • Escape 60 - Vila Olímpia

    Rua Baluarte, 18, Vila Olímpia

    Tel: (11) 3842 9066

    1 avaliação

    Apenas uma hora para desvendar um grande mistério. Seria possível? É isso que você tem de provar no Escape 60. No espaço, com seis ambientes cuidadosamente decorados, os grupos de participantes precisam juntar diversas pistas para conseguir se libertar e vencer o jogo. A grande novidade, em cartaz até fevereiro de 2016, é a sala inspirada no filme Goosebumps: Monstros e Arrepios, lançado neste ano e baseado num famoso livro de terror infantojuvenil. Na história, Stine, um escritor pra lá de excêntrico, despertou a curiosidade de seu vizinho, que decidiu folhear seus livros e acabou liberando uma série de monstros. Para que algo pior não aconteça, os jogadores devem ajudar a capturar todas as criaturas e correr contra o relógio. Entre as atrações, há também uma cela de presídio e um jantar mal-assombrado. No enredo mais cinematográfico, é preciso impedir um cientista maluco de jogar veneno em uma estação de tratamento de água. 

    Valores: R$ 69,00 a R$ 79,00 (por pessoa). Grupo mínimo de quatro pessoas. Ingressos e reservas em www.escape60.com.br, com pagamento feito pelo PagSeguro ou pelo PayPal. Menores de 12 anos devem estar acompanhados de adultos.

    Saiba mais
  • SESC

    Sesc Pinheiros

    Rua Paes Leme, 195, Pinheiros

    Tel: (11) 3095 9400

    5 avaliações

    Inaugurada em setembro de 2004, com projeto do arquiteto Miguel Juliano, a sede tem 35.259 m² de área construída. No prédio de sete andares, existe um grande teatro, salas de expressão corporal e ginástica multifuncional, dois ginásios poliesportivos cobertos, parque aquático, consultórios odontológicos e áreas de exposição. 

    Saiba mais
  • SESC

    Sesc Pompeia

    Rua Clélia, 93, Água Branca

    Tel: (11) 3871 7700

    2 avaliações

    O projeto arquitetônico de Lina Bo Bardi mantém a estrutura original da antiga fábrica de tambores da década de 1930. A primeira parte da unidade foi inaugurada em 1982 e, em 1986, abriu para o público o bloco esportivo. Lá dentro, o centro de cultura e lazer tem na programação cerca de 120 atrações musicais ou teatrais por mês. Há ainda quadras esportivas, piscina, espaços de exposições, restaurante e choperia, que fazem jus à frequência intensa, de 1,25 milhão de pessoas a cada ano. O teatro, de estrutura fora do convencional, tem duas frentes de plateia, com o palco entre elas. As poltronas, de madeira, sem estofado, remetem aos antigos teatros greco-romanos, que tinham assentos de pedra.

     

    Saiba mais
  • SESC

    Sesc Belenzinho

    Rua Padre Adelino, 1000, Quarta Parada

    Tel: (11) 2076 9700

    3 avaliações

    Com projeto do arquiteto Ricardo Chahin, o prédio foi inaugurado em dezembro de 2010 e é uma das maiores unidades da capital. Com 50.000,00 m² de área construída, inclui bicicletário, pista de caminhada, piscina interna e externa, biblioteca, teatros e cafeterias. Criado especialmente para crianças de até 6 anos, o Espaço de Brincar dispõe de atividades divertidas que podem incluir os adultos. 

    Saiba mais
  • Theatro Municipal

    Praça Ramos De Azevedo, s/nº, República

    Tel: (11) 3053 2100

    9 avaliações

    Inaugurado em 1911, o local colocou São Paulo no roteiro internacional dos grandes espetáculos com apresentações de Maria Callas, Mikhail Baryshnikov, Ella Fitzgerald, Anna Pavlova e outras estrelas. Foi também em seu saguão que aconteceu a Semana de Arte Moderna, em 1922. Depois de quase três anos fechado para restauração, reabriu em 2011 com palco remodelado, poltronas renovadas e um restaurante decorado pelos irmãos Campana.

     

    + Lugares para comer barato perto do Teatro Municipal

    + Vídeo: detalhes da reforma do Teatro Municipal

    Saiba mais
  • Theatro São Pedro

    Rua Doutor Albuquerque Lins, 207, Santa Cecília

    Tel: (11) 3667 0499 ou (11) 3661 6529

    3 avaliações
  • Sala São Paulo

    Praça Júlio Prestes, 16, Campos Elíseos

    Tel: (11) 3367 9500

    15 avaliações

    O imponente edifício da Estrada de Ferro Sorocabana abriga hoje a Sala São Paulo, sede da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo. Foi projetado por Christiano Stockler das Neves em 1925 e inaugurado em 1938. Tombada como patrimônio histórico pelo Condephaat, a Sala São Paulo foi inaugurada em 9 de julho 1999 com a apresentação da sinfonia A Ressurreição, de Gustav Mahler, pela Osesp. O mais importante espaço de concertos da cidade tem acústica impecável, não à toa, é a sede da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo. A Osesp apresenta-se ali às quintas e sextas, às 21h, e aos sábados, às 16h30. No restante da semana, a Sala São Paulo recebe outros relevantes nomes da música mundial.

    Saiba mais
  • Parques

    Zoológico de São Paulo

    Avenida Miguel Estéfano, 4241, Saúde

    Tel: (11) 5073 0811

    5 avaliações

    O Zoológico de São Paulo é um passeio para toda a família. Entre elefantes, leões, tucanos e cobras, reúne aproximadamente 3 200 animais espalhados em 824 529 metros quadrados de Mata Atlântica. Em maio, nasceu mais um filhote de girafa no parque, uma fêmea batizada de Ágatha. Uma dica: ela só sai do recinto coberto quando o tempo está mais quente.

    Saiba mais
  • Feiras gastronômicas

    Vila Butantan

    Rua Agostinho Cantu, 47, Butantã

    Tel: (11) 5648 731

    VejaSP
    5 avaliações

    As vans de comida ainda estão lá, mas a Vila Butantan já não é mais um simples food park. Contêineres agora formam um shopping a céu aberto com lojas de roupa e design. Na parte gastronômica, encontra-se, entre outras iniciativas, um ponto fixo do Los Mendozitos, antes uma casa de vinhos apenas itinerante. Também aportaram por lá uma unidade da hamburgueria Vinil e outra do restaurante árabe Saj.

    Saiba mais
  • Praças

    Praça Benedito Calixto

    Praça Benedito Calixto, S/N, Pinheiros

    Sem avaliação
  • Reserva Cultural

    Avenida Paulista, 900, Bela Vista

    Tel: (11) 3287 3529

    8 avaliações
  • Caixa Belas Artes

    Rua da Consolação, 2423, Consolação

    Tel: (11) 2894 5781

    2 avaliações
  • A mais nova mostra permanente sobre a história do Brasil na cidade é do Itaú Cultural. A exposição ocupa dois andares do prédio da Avenida Paulista, no recém-inaugurado espaço Olavo Setubal. Ali foram dispostos os 1300 itens de duas coleções pertencentes ao banco: a Brasiliana e a Numismática (de moedas). A montagem moderna, os textos claros e objetivos e a força visual garantem um passeio encantador e bem longe do didatismo entediante. Através das belas obras, o visitante atravessa a nossa linha do tempo. Pinturas e gravuras de nomes como Debret, Descourtilz, Rugendas e a dupla Spix e Martius enchem os olhos ao mesmo tempo em que revelam o fascínio dos europeus pela natureza exuberante e pelos exóticos habitantes. A mostra conta ainda com quarenta vídeos capazes de dar movimento a alguns dos desenhos expostos. Em um corredor, uma série deles provoca no espectador a sensação de que ele caminha entre bichos da fauna brasileira, em um resultado muito divertido. Para completar, há moedas raras e prateleiras com objetos que podem ser manuseados pelo público. A partir de 13/12/2014. Aproveite com calma: recomenda-se reservar uma hora e meia para explorar os detalhes da mostra
    Saiba mais
  • Hotéis

    Hotel Unique

    Avenida Brigadeiro Luís Antônio, 4700, Jardim Paulista

    Tel: (11) 3055 4700

    1 avaliação
  • Construções históricas

    Catedral da Sé

    Praça Da Sé, s/n, Sé

    Tel: (11) 3107 6832

    5 avaliações

    A construção de estilo neogótico começou em 1912, após a demolição da primeira igreja matriz da cidade, que estava deteriorada. A inauguração, porém, só veio em 1954, depois de décadas de cofres esvaziados pelas duas grandes guerras. Projetada pelo professor da Escola Politécnica Maximilian Hehl, a edificação tem 5.700 metros quadrados de área. É ornamentada com estátuas de bronze, painéis em alto-relevo e vitrais confeccionados por artistas brasileiros e estrangeiros. O órgão italiano é o maior da América do Sul, com cinco teclados manuais e cerca de 12.000 tubos lapidados a mão. Para ouvir o badalo dos 61 sinos, passe por lá às 12h ou às 18h. As visitas monitoradas acontecem todos os dias das 10h às 11h30 e das 13h às 17h30 (aos sábados, até 16h30), exceto às segundas-feiras e no último domingo do mês.

    Saiba mais
  • Construções históricas

    Mercado Municipal

    Rua Da Cantareira, 306, Luz

    Tel: (11) 3228 9332

    12 avaliações

    Aos 80 anos, o Mercado Municipal de São Paulo, ou Mercadão, como é conhecido, é um  dos edifícios mais emblemáticos da capital. Ao longo de décadas, passou de um espaço frequentado principalmente por donos de restaurantes a um ponto turístico movimentado. No mezanino, há bares e restaurantes de diversas nacionalidades. Prove o pastel de bacalhau do Hocca Bar e o sanduíche de mortadela com queijo do Bar do Mané.

    Saiba mais
  • Empórios ou mercados gourmet

    Eataly São Paulo

    Avenida Presidente Juscelino Kubitschek, 1489, Vila Nova Conceição

    Tel: (11) 3279 3300

    VejaSP
    12 avaliações

    São 4 500 metros quadrados divididos em três andares e, mesmo com todo esse espaço, há dias em que o Eataly fica parecendo um formigueiro de tanta gente. Isso não acontece por acaso: o shopping gastronômico, com matriz na Itália, tem, entre outros predicados, um estoque de 7 000 produtos, muitos deles difíceis de encontrar por aí. É o caso da farinha de sêmola tipo 00 Clássica Caputo (29,95 o pacote de 1 quilo) e da calda de caramelo Fabbri (R$ 60,99, com 950 gramas). Na seção dedicada aos laticínios, há uma ótima mussarela de búfala de produção própria (R$ 94,20 o quilo da versão grande). Outros setores abrigam frutas, verduras, temperos, massas, vinhos, carnes e pescados, utensílios...Há quem vá só para comer: o endereço também reúne treze pontos de alimentação, entre restaurantes, docerias e cafés.

    Preços checados em setembro/outubro de 2016.

    Saiba mais
  • Após décadas de abandono, o antigo conjunto residencial e agora abriga oficinas de marcenaria e outras atividades
    Saiba mais
  • Vila Maria Zélia

    Rua Dos Prazeres, 362, Catumbi

    Tel: (11) 2081 4647

    1 avaliação
  • Cantina / Trattoria

    Famiglia Mancini

    Rua Avanhandava, 81, Centro

    Tel: (11) 3256 4320

    VejaSP
    20 avaliações

    Virou um ponto turístico, querido tanto por paulistanos quanto por visitantes. Nos fins de semana, há filas de espera imensas para conseguir uma mesa no salão com fitas e garrafas de chianti penduradas no teto. A decoração foi criada pelo próprio dono, Walter Mancini. A comilança começa na mesa de antepastos, que inclui de noventa a 100 itens (só de berinjelas há cinco variações). Paga-se por quilo (R$ 130,00). Os pratos, imensos, são suficientes para duas pessoas (ou até mesmo três, dependendo do apetite), como o cabrito ao forno com fettuccine fresco ao sugo (R$ 157,00).

    Preços checados em setembro/outubro de 2016.

    Saiba mais
  • Bom e barato / Brasileiros

    Mocotó

    Avenida Nossa Senhora do Loreto, 1100, Vila Medeiros

    Tel: (11) 2951 3056

    VejaSP
    36 avaliações

    Quem sente saudade dos preços de antigamente pode se assustar ao consultar o cardápio atual do chef Rodrigo Oliveira. Quando foi eleito o melhor bom e barato pela primeira vez, em 2008, o restaurante cobrava só R$ 16,90 pela carne de sol com pimenta-biquinho. Hoje, são R$ 49,90. O reajuste acompanhou a badalação crescente em torno do endereço na Vila Medeiros, é verdade, mas os novos valores ainda não chegam ao patamar dos praticados pelos concorrentes. Resultado? A casa volta ao pódio neste ano com o melhor custo-benefício da cidade. Conselho amigo: como os pratos são fartos e vai dar vontade de provar tudo, programe a visita com um grupo grande, compartilhe as receitas e rache a conta.

    Preços checados em setembro/outubro de 2016.

    Saiba mais
  • Bares variados

    Caos

    Rua Augusta, 584, Consolação

    Tel: (11) 2365 1260

    1 avaliação

    O clubinho é encabeçado por dois empresários atuantes da região do Baixo Augusta: Tibiriçá Martins, do Z Carniceria, e Netão, do Bar do Netão. O espaço para lá de estiloso funciona como loja de antiguidades durante o dia, com mais de 3.000 produtos para venda e locação. Brinquedos, televisões e até uma bicicleta forram as paredes e o teto em uma charmosa decoração retrô. À noite, o clima esquenta com drinques diferentões e cerveja (Heineken long neck). Há ainda porções caldos e sanduíches. O DJ anima a apertada pista, ao som de rock, soul, hip-hop, ritmos brasileiros e funk. Às sextas, a festa Boogie Nights de disco music é comandada pelo experiente Magal. Procure chegar cedo, já que o espaço comporta somente oitenta pessoas. De terça a sexta, dá para entrar de graça das 19h às 22h.

    Saiba mais
  • Parques

    Parque Villa-Lobos

    Avenida Professor Fonseca Rodrigues, 2001, Alto De Pinheiros

    Tel: (11) 2683 6302

    12 avaliações

    Ao circular entre os 30.000 frequentadores que lotam o espaço aos domingos, você verá gente se divertindo em versões exóticas de skate, como o longboard, com prancha de cerca de 2 metros de comprimento, e o kite, impulsionado por uma pipa. Esses e outros esportes diferentões já foram incorporados ao DNA do local, onde também é comum observar crianças dispensando os manjados bufês infantis para comemorar o aniversário com piqueniques e bexigas aos fins de semana. Na visita, fique atento ainda ao vistoso Orquidário Ruth Cardoso, que se tornou um cartão-postal do lugar desde sua construção, em 2010.

    Saiba mais
  • Bibliotecas

    Biblioteca Mário de Andrade

    Rua Da Consolação, 94, Consolação

    Tel: (11) 3775 0002

    1 avaliação

    Fechada desde 2007 para uma grande (e mais que necessária) reforma, a Biblioteca Mário de Andrade reabriu em janeiro de 2011.  Modelo da art déco, o edifício tombado passou por reparos que custaram 16,3 milhões de reais. Inaugurada em 1926, a Mário de Andrade chamava-se Biblioteca Municipal de São Paulo. O autor de Pauliceia Desvairada (1893-1945) dirigiu o Departamento de Cultura da cidade durante quatro anos. Em 1960, a biblioteca passou a ter o seu nome. Para garantir mais espaço, mudou da Rua 7 de Abril para a Rua da Consolação, atual endereço, em 1943. Com 22 andares, a construção instalada em um terreno de 11 000 metros quadrados acaba de ter a fachada e os móveis originais restaurados. Além disso, tornou-se acessível para deficientes físicos, ficou livre das infiltrações, ganhou iluminação caprichada, novos computadores e ar-condicionado em todas as salas.

    Saiba mais
  • Botecos

    Veloso

    Rua Conceição Veloso, 54, Vila Mariana

    Tel: (11) 5572 0254

    VejaSP
    34 avaliações

    Não é difícil descrever o boteco em três palavras: fila, coxinha, caipirinha. Uma legião de fãs ocupa a calçada à espera de uma mesa. Mesmo antes de conseguir um assento, jávai devorando as coxinhas de tamanho médio (R$ 30,00, seis unidades), viciantes pela casquinha crocante e pelo recheio de frango ultracremoso. Para acompanhá-las, são imbatíveis as caipirinhas preparadas pela equipe do bartender Souza, como a de tangerina e pimenta (R$ 19,00). Não deixe de pedir o chopinho na tulipa (Brahma, R$ 7,80), muito bom. O vizinho Armazém Veloso (Rua Conceição Veloso, 48) tem o mesmo menu e tenta dar conta da demanda. Tenta.

    Preços checados em setembro/outubro de 2016.

    Saiba mais
  • Construções históricas

    Casa de Vidro

    Rua General Almério De Moura, 200, Vila Tramontano

    Tel: (11) 3744 9902 ou (11) 3743 3875

    Sem avaliação

    Primeira construção da arquiteta ítalo-brasileira Lina Bo Bardi, de 1951, a Casa de Vidro abriga o acervo do casal Lina e Pietro Maria Bardi, constituído por obras de arte, móveis, documentos e objetos, além de 7 500 desenhos e 17 000 fotografias. O instituto flutua sobre quatro pilares e tem uma fachada de vidro em toda a sua extensão, e é, por isso, um marco da arquitetura modernista.

    Saiba mais
  • Centros culturais

    Matilha Cultural

    Rua Rego Freitas, 542, República

    Tel: (11) 3256 2636

    1 avaliação
  • Praças

    Praça Franklin Roosevelt

    Praça Franklin Roosevelt, s/n, Consolação

    2 avaliações

    Doado à prefeitura pelo médico Martinho Prado no século XIX, o terreno que hoje abriga a Praça Roosevelt, no centro, só ganhou esse nome em 1970. Nos anos 1960, o então prefeito Faria Lima iniciou um projeto que previa transformar a área em um espaço repleto de verde. Ao contrário das expectativas, o que foi entregue anos depois não passava de concreto em forma de pentágono, quase sem vegetação. Reivindicada pelos moradores da região há mais de dez anos, a praça acaba de ser reformada e foi inaugurada em 29 de setembro. Uma nova iluminação e árvores estão entre as melhorias.

    Saiba mais
  • Construções históricas

    Pátio do Colégio (Pateo do Collegio)

    Largo Pateo Do Colégio, 2, Sé

    Tel: (11) 3105 6899

    5 avaliações

    Em janeiro de 1554, os padres jesuítas vindos de Portugal iniciaram no lugar a fundação da cidade, com uma missa no dia de São Paulo. Naquela época, ali só havia uma cabana para abrigo dos religiosos, uma escola e uma igrejinha, tudo construído com técnicas de pau a pique. O complexo atual tomou forma na década de 70 e abriga igreja, biblioteca e museu. Uma maquete da capital no século XVI faz parte do acervo. No pátio, foi conservada uma parede de taipa de pilão remanescente das construções do período colonial.

    Saiba mais
  • Centros culturais

    Centro Cultural Banco do Brasil

    Rua Álvares Penteado, 112, Centro

    Tel: (11) 3113 3651

    7 avaliações

    No coração histórico da cidade, o Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) ocupa uma edificação de 1901 com 4 183 metros quadrados e cinco andares. Cinema, teatro, auditório, loja e cafeteria preenchem a arquitetura neoclássica, assim como grandes exposições. Uma dica: agende uma visita monitorada ao prédio para conhecer detalhes da construção. Se a ideia é fazer o tour sozinho, comece pelo último andar e vá descendo.

    Saiba mais
  • Centros culturais

    Centro Cultural São Paulo (CCSP)

    Rua Vergueiro, 1000, Liberdade

    Tel: (11) 3397 4002

    4 avaliações

    O visual urbano e a localização, do lado da Estação Vergueiro do metrô, são atrativos do jardim suspenso do Centro Cultural São Paulo. Grupos de jovens disputam o lugar, mas as famílias são bem-vindas.

    Saiba mais
  • Centros culturais

    Casa das Rosas

    Avenida Paulista, 37, Bela Vista

    Tel: (11) 3285 6986 ou (11) 3288 9447

    6 avaliações

    Metrô Brigadeiro.

    Saiba mais
  • Cinemateca

    Largo Senador Raul Cardoso, 207, Vila Mariana

    Tel: (11) 3512 6111

    3 avaliações
  • Boliches

    Villa Bowling - Shopping West Plaza

    Praça Tomás Morus, 408, Água Branca

    Tel: (11) 3677 4277

    Sem avaliação

    A mais nova unidade da rede oferece vinte opções de pistas equipadas com monitores LCD para marcar os pontos. O ingresso vai de R$ 86,00 a R$ 146,00 para até seis pessoas. Quem se cansar das pistas, pode curtir uma academia de golfe com simulador e treinar tacadas em um cenário virtual. Há ainda uma área de games, com jogos de corrida de carro e de moto, máquina para fazer arremessos de basquete e também dois salões de festas, um restaurante e um bar.

     

     

    Saiba mais
  • Museus

    Paço das Artes

    Avenida Da Universidade, 1, Butantã

    Tel: (11) 3814 4832

    1 avaliação

    O prédio de arquitetura modernista foi construído na década de 1970, dentro da Cidade Universitária para abrigar exposições de arte contemporânea, promover cursos e palestras. O espaço tem vocação experimental e promove, em sua Temporada de Projetos, artistas, curadores e críticos emergentes. 

    Saiba mais
  • Museus

    MAC (Nova Sede)

    Avenida Pedro Álvares Cabral, 1301, Parque Ibirapuera

    Tel: (11) 2648 0254

    1 avaliação

Fonte: VEJA SÃO PAULO