Saúde

Programas para quem deseja entrar em forma

Alguns projetos oferecem apoio a quem precisa emagrecer

Por: Daniel Bergamasco - Atualizado em

Gordinhos - 2245
(Foto: Veja São Paulo)

Comedores Compulsivos Anônimos

A irmandade promove reuniões com princípios inspirados nos alcoólicos anônimos e estudos de textos em prol do autocontrole. Não é exclusiva para gordos, mas muito procurada por eles. Gratuitos, os encontros acontecem em diversas regiões da grande São Paulo, em dias e horários variados, anunciados no site www.comedorescompulsivos.org.br.

Grupo de Estudos da Obesidade, da Unifesp

Voltado apenas para adolescentes de 15 a 19 anos, o projeto é formado por nutricionistas, fisioterapeutas, médicos, educadores físicos e psicólogos. O tratamento, em centro na Vila Clementino, na Zona Sul, dura um ano. Inscrições abertas até 15 de dezembro pelo telefone 5572-0177.

+ O aperto dos gordinhos: como vivem os obesos em São Paulo

+ Obesidade: teste da receptividade

Meta Real

Assim como os Vigilantes do peso, alterna palestras com um programa de dieta sem remédio, numa proposta de mudança de comportamento que evite o efeito sanfona. A mensalidade básica é de 90 reais. Rua Doutor Fabrício Vampré, 120, Vila Mariana, tel.: 5572-2611. Mais doze endereços na capital.

+ Gordos e ex-gordos falam sobre suas dificuldades

+ Lojas que investem na moda plus size

Projeto de Atendimento ao Obeso, do Hospital das Clínicas

Este programa de atendimento gratuito promove encontros em grupo nos quais os pacientes recebem orientação nutricional e psicológica. Bastante reconhecido, costuma ter filas de espera, com prazo variável conforme a época do ano. Informações sobre as próximas turmas no e-mail prato.ipq@hcnet.usp.br.

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO