Memória Paulistana

Pro Matre Paulista abre novos apartamentos

Capacidade da maternidade será ampliada de 803 para 1.000 partos por mês

Por: Mauricio Xavier [com reportagem de Catarina Cicarelli, Clara Nobre de Camargo e Isabella Villalba]

Pro Matre - Parto - 2212
Primeiro parto do Pro Matre Paulista: 4 de outubro de 1936 (Foto: Divulgação/Pro Matre Paulista)

Às 10h45 do dia 4 de outubro de 1936, o médico Alvaro Guimarães realizou o primeiro parto da recém-inaugurada Pro Matre Paulista. O episódio teve a cobertura que merecia: o choro da menina Lucina Myrian Tolosa foi transmitido ao vivo pela então Rádio Difusora de São Paulo.

Até hoje, cerca de 300.000 paulistanos nasceram na maternidade. O número representa uma média de 4.000 crianças por ano, 333 por mês, onze por dia, ou uma a cada duas horas. Neste sábado (9), com a abertura de mais dezessete apartamentos, a capacidade de atendimento será ampliada dos atuais 830 para quase 1.000 partos por mês.

Fonte: VEJA SÃO PAULO