Decoração

Prefeitura vai pagar churrasco para quem fizer melhor decoração de rua

Concurso promovido pela Subprefeitura da Freguesia do Ó/Brasilândia vale só para moradores da Zona Norte

Por: Redação VEJASÃOPAULO.com - Atualizado em

Grafite em Itaquera
Grafite perto do Itaquerão (Foto: Silas Colombo)

Para incentivar os moradores da Zona Norte a entrarem no clima da Copa do Mundo, a Subprefeitura da Freguesia do Ó/Brasilândia criou um concurso que elegerá a rua mais enfeitada da região. O prêmio? Um kit-churrasco para 100 pessoas (primeiro lugar), 70 pessoas (segundo lugar) e 50 pessoas (terceiro lugar). 

+ São Paulo: o que há de melhor para fazer na cidade

As inscrições devem ser feitas até hoje (30 de maio) na sede da subprefeitura na Rua João Marcelino Branco, 95, com comprovante de endereço e documento com foto do morador. As ruas inscritas precisam concluir a decoração até domingo (1º), quando começarão a ser avaliadas por funcionários. Os quesitos são: originalidade, criatividade, arte, estética, higiene, harmonia, conjunto e dimensão. 

A premiação só sai em 8 de julho, durante as finais do Mundial. 

Preços da Copa

O site de viagens Trip Advisor fez um levantamento dos preços da hospedagem nas cidades-sede do torneio de futebol. A pesquisa mostra ainda em quais lugares as refeições (almoço, jantar e petisco) e o transporte (táxi) podem fazer diferença no orçamento.

Como era de se esperar, São Paulo é a cidade-sede onde um jantar completo é mais caro: 121,67 reais é o valor médio de uma refeição com entrada, prato principal e taça de vinho. Também é a metrópole com o combo batata-frita e refrigerante mais caro: 24,60 reais. Por outro lado, a diária de hotel três estrelas aqui custa 488 reais, metade do valor do Rio de Janeiro (991 reais) e mais em conta do que cidades como Fortaleza (821 reais) e Manaus (718 reais).

O táxi dos paulistanos não é o mais caro - 36,60 reais uma corrida de cinco quilômetros, ante os 38,30 reais cobrados em Natal pela mesma distância.  

Segundo o Trip Advisor, sai mais barato passar um dia de jogo em São Paulo (1 021 reais, em média) ou em Cuiabá (977 reais) do que em qualquer outra cidade-sede, incluindo os gastos com hospedagem. Mas, se você tiver onde ficar em qualquer uma dessas cidades e dispensar o hotel, São Paulo passa a ser o local mais caro da lista: gastam-se 533 reais para passar um dia aqui durante a Copa contra 487 reais no Rio e 460 reais em Recife, a opção mais barata. 

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO