Cidade

Prefeitura lança edital para instalar lâmpadas de LED

Modelo será de parceria público-privada e prevê investimento de 2 bilhões de reais. Empresa vencedora assinará contrato por vinte anos

Por: Pedro Henrique Tavares - Atualizado em

23 de maio
Nos primeiros cinco anos, 76 mil novos pontos de luz deverão ser instalados.  (Foto: Fernando Moraes)

A prefeitura de São Paulo lançou, na manhã desta quarta-feira (22), o edital de licitação de parceria público-privada (PPP) para trocar 620 mil pontos de luz na cidade por luminárias de LED. Além de substituir luzes amarelas por brancas, a empresa vencedora do edital terá de construir, no primeiro ano de atuação, um centro de controle operacional à distância máxima de 3 quilômetros do Departamento de Iluminação Pública (Ilume), órgão da prefeitura.

+ Dicas para poupar energia e economizar 1800 reais por ano

Por se tratar de uma concorrência internacional, empresas de fora do Brasil também poderão participar do processo. De acordo com a prefeitura, a expectativa é de que o contrato seja assinado ainda no segundo semestre deste ano.

O investimento de 2 bilhões de reais pretende promover economia de até 50% em energia elétrica, segundo estudo elaborado pela Secretaria Municipal de Serviços. Outro benefício é a diminuição das trocas: as lâmpadas amarelas, utilizadas atualmente, duram, em média, dois anos. Já as brancas, de LED, contam com uma vida útil de dez anos.

Outras alterações também estão previstas, conforme o edital, como a iluminação especial de ruas comerciais, calçadões, travessias de pedestres, vielas e prédios públicos. Nos cinco primeiros anos de contrato o vencedor da licitação terá de gerar até 76 mil novos pontos de luz na cidade e desenvolver uma central de monitoramento remoto, que irá controlar a eficiência do serviço. A partir do sexto ano, 1 300 novos pontos terão de ser criados anualmente. (Com Estadão Conteúdo)

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO