Carnaval

Vila Madalena tem nova noite tumultuada neste sábado (30)

Bairro ficou lotado novamente. Foliões mentiam ser moradores para tentar furar bloqueios

Por: Adriana Farias - Atualizado em

vilamadalena
Bloqueio para controlar público da Vila (Foto: Adriana Farias)

A Vila Madalena voltou a ser palco de uma noite tumultuada na noite de sábado (30), após as cenas de correria e conflito entre policiais e frequentadores na noite anterior, quando houve pedradas e uso de gás lacrimogêneo.

Após um dia de muitos blocos na Zona Oeste, frequentadores lotaram as ruas do bairro, conhecido pela grande oferta de bares. A lotação máxima de 15 000 pessoas na Vila, definida pela Polícia Militar, irritava os foliões. Para tentar furar o bloqueio, muitos inventavam histórias (e depois confirmavam à reportagem a mentira): diziam ser moradores da área, que o irmão estava passando mal no meio da aglomeração ou que se perderam da mãe. "Eu inventei que era morador para tentar encontrar os meus amigos lá dentro, mas eles não estão liberando mesmo", diz Thales, 27, administrador de empresas. 

vilamadalena2
Lanchonete onde cerca de dez pessoas se abrigaram (Foto: Adriana Farias)

Por volta das 22h, um cheiro forte de gás de pimenta se espalhou pela esquina das Ruas Mourato Coelho e Inácio Pereira da Rocha. Algumas pessoas sentiram náuseas e vomitaram. Cerca de dez se refugiaram dentro da lanchonete Nova Mourato, que fechou as portas - inclusive a repórter de VEJA SÃO PAULO, que ficou com os olhos irritados.

Policiais Militares não confirmaram ter lançado o gás.

madax1
Lixo acumulado nas ruas do bairro (Foto: Adriana Farias)

A reportagem não constatou nas ruas do bairro problemas do ano passado, como sexo ao ar livre e "trenzinho" de drogas. Porém, perto da meia-noite, a dispersão ainda parecia longe de começar de fato. As ruas estavam lotadas e o lixo se acumulou na rua. 

Fonte: VEJA SÃO PAULO