Mistérios da Cidade

Dor de cabeça na Ponte dos Remédios

Acidente que ocorreu na última quarta (23) interditou a ponte por cerca de 14 horas

Por: Maurício Xavier [com reportagem de Flora Monteiro, Jéssika Torrezan e Nathalia Zaccaro]

Ponte dos Remédios 2245
Acidente na Ponte dos Remédios: 30 metros da passarela de pedestres desabaram (Foto: Fernando Moraes)

Cerca de 30 metros da passarela de pedestres da Ponte dos Remédios, próximo ao Cebolão, na Marginal Tietê, desabaram na madrugada da última quarta (23). O concreto caiu dentro do rio e não atingiu ninguém, mas o acidente causou a interdição total da ponte entre 1 e 15 horas, quando a pista no sentido São Paulo-Osasco foi liberada novamente para os veículos,

+ São Paulo sofre com o trânsito engarrafado

+ Trânsito: e não é que sobrou para o Morumbi?

+ O bafômetro sozinho não resolve

Às 9 horas, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) registrava um congestionamento de 78 quilômetros e a Marginal Tietê era justamente o trecho mais complicado da cidade, com 5,6 quilômetros de lentidão. O conserto pode durar até 180 dias, segundo a Secretaria de Infraestrutura Urbana e Obras. Confira outros casos de problemas que afetaram a estrutura de viadutos e pontes sobre as marginais e os engarrafamentos provocados em cada época:

REMÉDIOS

Junho de 1997

Incidente: uma fenda de 15 centímetros surgiu na pista e ela teve de ser fechada para reparos

Congestionamento: 159 quilômetros

EUSÉBIO MATOSO

Julho de 2002

Incidente: um caminhão entalou sob a ponte e abalou sua estrutura, que precisou ser reforçada

Congestionamento: 125 quilômetros

OLAVO FONTOURA

Março de 2011

Incidente: um pedaço de concreto do viaduto caiu sobre um motociclista

Congestionamento: 40 quilômetros

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO