Drogas

Polícia Federal apreende quase 4 toneladas de cocaína no Porto de Santos

A droga vinha da Bolívia e entrava no Brasil pela fronteira com o Paraguai; na operação, 23 pessoas foram presas

Por: Redação VEJASAOPAULO.COM - Atualizado em

A Polícia Federal anunciou nesta segunda-feira (31) o fim de uma operação que resultou em uma apreensão recorde de cocaína no Porto de Santos: foram 3,7 toneladas. A droga vinha da Bolívia e entrava no Brasil pela fronteira com o Paraguai. Daqui, era exportada para a Europa e África em contêineres que saiam em navios do Porto de Santos. 

+ Polícia prende maior assaltante de bancos em atividade em São Paulo

Cocaína no Porto de Santos
Os bandidos conseguiam se infiltrar e carregar a droga nos contêineres (Foto: Divulgação)

Além da cocaína, a PF prendeu 23 pessoas que faziam parte do esquema de compra, venda e exportação da droga. Com elas, 230 000 euros, dez carros, uma lancha e 21 armas - entre elas, dois fuzis. Outros 23 mandados de prisão foram expedidos e as pessoas estão sendo procuradas. 

+ Gravação inédita de MC Daleste pode mudar investigação sobre morte

Segundo a polícia, não havia nenhum funcionário do Porto de Santos envolvido na quadrilha. Os bandidos, porém, conseguiam se infiltrar e carregar a droga nos contêineres. 

 

 

 

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO