Cidade

Polícia Civil prende homem que ameaçava explodir o Metrô

Homem usava o celular para mandar avisos e dizia ser membro do Estado Islâmico

Por: Veja São Paulo

EXERCITO METROL
Soldados do Exército na Estação Paraíso do metrô, na quarta (20): simulação com bombas de fumaça e tiros falsos (Foto: Leo Martins)

A Polícia Civil prendeu nesta quarta-feira (3) homem acusado de enviar ameaças anônimas pelo celular ao Centro de Controle Operacional do Metrô, que fica na rua Vergueiro, próximo à estação Paraíso, na Zona Sul.

+As adequações da capital para as Olimpíadas

Segundo as investigações, o homem dizia que ia explodir o local e afirmou ser membro do Estados Islâmico. Seu objetivo é causar pânico durante a Olimpíada, de acordo com a polícia. Nesta quarta-feira (3), a Arena Corinthians recebe as duas primeiras partidas de futebol feminino dos Jogos a serem realizadas na capital. A Polícia Civil ainda não mostrou as evidências de que se trata de um caso relacionado ao grupo extremista. 

O suspeito vinha sendo monitorado pela polícia há cinco dias e foi apreendido com ele o aparelho que usava para fazer as ameaças. 

A preocupação com atentados terroristas norteou boa parte do planejamento da Polícia Militar para manter a segurança nos jogos programados para acontecer no Itaquerão.  

+Gilberto Gil recebe alta e vai à abertura da Olimpíada

Fonte: VEJA SÃO PAULO