GENTE

Após polêmica, Ed Motta reaparece em comercial cantando em norueguês

Cantor, que chamou o público brasileiro de "simplório" e avisou que não falava português nos shows internacionais, aproveitou para faturar com publicidade

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

Banda Black Rio e Ed Motta
Ed Motta: estrela de comercial após polêmica com comentários (Foto: Divulgação)

O cantor Ed Motta soube reverter uma repercussão negativa para sua imagem em algo bom - se não para a carreira, pelo menos para o bolso. Em abril, ele escreveu um post no Facebook avisando aos fãs brasileiros que frequentam seus shows na Europa que não fala português nas apresentações, tampouco gosta de cantar seu maior hit, Manuel. Três meses depois, está rindo da história - acaba de fazer um comercial para um site de busca de imóveis em que brinca: "Acho que vou cantar só em norueguês, é mais primeiro mundo". 

+ "Todo mundo erra", diz Ed Motta após polêmica

Na propaganda, ele aparece em um estúdio cantando em inglês. De repente, interrompe os músicos e avisa que vai mudar o idioma da canção. "Também pensei em trocar de apartamento", completa, para depois aparecer buscando um imóvel em São Paulo. "Rua Manoel da Nóbrega? Gostei", é a piada final da peça publicitária. 

 

+ Um roteiro nada simplório em São Paulo para o Ed Motta não botar defeito

Na mesma troca de mensagens via Facebook há três meses, o sobrinho de Tim Maia também chegou a dizer que o público que o acompanha fora do país é "mais culto" e que, às vezes, seus shows são divulgados para a comunidade brasileira da maneira errada, atraindo "pedreiros" e pessoas "simplórias". Em outras ocasiões, já criticou nordestinos, chamou os brasileiros de "povo feio" e o Brasil de "país de merda". 

Os comentários pegaram mal e Ed Motta chegou a culpar o uso de antidepressivo pelos acessos de sinceridade nas redes sociais. "A forma que escrevi muitas coisas eu mesmo repudio, mas é fruto da minha cabeça lotada de revoltas, decepções na arte, paranóias", escreveu. 

Fonte: VEJA SÃO PAULO