Violência

Polícia Militar afasta policial que usou máscara de palhaço em fotos

Agente e vítima foram identificados, mas não tiveram os nomes divulgados; ouvidor pede punição rigorosa

Por: Sérgio Quintella - Atualizado em

Policial militar palhaço
Corregedoria apura se ação foi real ou "brincadeira" (Foto: Polícia Militar)

A Polícia Militar identificou o agente que usou uma máscara de palhaço e ameaçou um rapaz com um machado na Zona Sul da capital. As imagens apareceram primeiro em grupos de WhatsApp formados por agentes de segurança e rapidamente ganharam as redes sociais.

Os nomes do militar - que foi afastado das ruas e vai responder a inquérito administrativo e criminal - e do jovem não foram informados pela corregedoria da corporação, sob a alegação de que o sigilo preservará as investigações.

Ass fotos que circularam pela internet nas últimas semanas incluíam a legenda "Tem tatuagem de palhaço, mas quando vê um na frente fica com medo". No mundo do crime, um desenho de palhaço no corpo significa que a pessoa matou um policial.

Policial militar palhaço
Policial militar com máscara de palhaço vai responder na Justiça (Foto: Polícia Militar)

O ouvidor da PM, Júlio Cesar Fernandes Neves, afirma que a investigação criminal deverá ser rápida e ampla. "Ninguém faz uma coisa dessas sozinho. Se tiver mais de três policiais envolvidos, trata-se de uma quadrilha, que deverá ser julgada como tal", afirma.

Promotoria acusa Haddad por 'pegadinha' contra historiador

Além de procurar por mais agentes envolvidos, a Corregedoria da Polícia Militar apura se a ação foi uma brincadeira ou se a ameaça por parte do PM foi real.

Policial militar palhaço
Policial militar com máscara de palhaço ameaça homem na zona sul de SP (Foto: Polícia Militar)

 

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO