Cinema

'Plano B' marca o retorno de Jennifer Lopez à tela grande

No filme, a protagonista conhece bom partido ao sair de uma clínica de inseminação artificial

Por: Alex Xavier - Atualizado em

Plano B_2169
Zoe e Stam: um simpático par romântico | Crédito: Divulgação

Ocupada com o mundo da moda, a atriz e cantora Jennifer Lopez passou alguns anos afastada das telas. Seu último filme exibido nos cinemas brasileiros foi ‘Tempo de Recomeçar’, de 2005, ao lado de Robert Redford. Agora que sua grife, a Sweetface, parece ter sucumbido à crise econômica (para ela, trata-se de 'dar um tempo'), Jennifer retorna em mais uma comédia romântica. Plano B segue fielmente a fórmula do gêneroao juntar um atraente casal em uma situação atípica e cercá-lo de coadjuvantes engraçadinhos.

Cansada de esperar pelo homem ideal, a dona de pet shop Zoe (Jennifer) decide partir para a produção independente. Ao deixar a clínica de inseminação artificial, ela esbarra em Stan (Alex O’Loughlin), um produtor de queijos bonitão. Envolver-se com alguém não fazia parte de seus planos, e a moça rejeita as investidas iniciais do rapaz. Mas acaba cedendo. O problema é que ela já está grávida de um doador desconhecido.

O roteiro dá mais atenção aos conflitos femininos, embora mostre como a vida de Stan também virou do avesso. Apaixonado, ele decide investir na relação e tornar-se, de uma hora para outra, pai da criança. As situações delicadas da gravidez são tratadas sempre de maneira leve e bem-humorada. Às vezes, a receita desanda: a cena na qual a dupla acompanha um parto alternativo revela-se mais assustadora que engraçada. Há, ainda bem, momentos divertidos, como as conversas de Stan no playground com um pai mais experiente (o humorista Anthony Anderson).

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO