Mistérios da cidade

Paulistanos apontam os prós e os contras da capital

O mercado de trabalho é o maior atrativo para os paulistanos, segundo pesquisa

Por: Andreza Monteiro

Prédios comerciais na Marginal Pinheiros
Prédios comerciais na Marginal Pinheiros (Foto: GERMANO LUDERS)

Apenas 17% dos moradores se dizem “muito satisfeitos” com o padrão de vida em São Paulo. Esse é o resultado de um levantamento realizado com 1 208 paulistanos no mês passado pela PiniOn, plataforma on-line de pesquisa de opinião. Entre os motivos considerados “positivos” para continuar por aqui, o mais lembrado pelos entrevistados é o mercado de trabalho, com 10% das respostas.

+ Sete dicas para te ajudar a se recolocar no mercado de trabalho

Quando questionados sobre as desvantagens de viver na capital, um índice idêntico de pessoas apontou o custo de vida elevado (veja abaixo um ranking dos dois quesitos). A análise incluiu outros aspectos, como a mobilidade: 37% afirmam residir perto do local de trabalho ou de estudo.

Gráfico prós e contras
Custo de vida elevado é o que a cidade tem de "pior", segundo os entrevistados (Foto: )

Fonte: VEJA SÃO PAULO