Burocracia

Polícia Federal amplia horários para serviços de passaporte

Segundo a PF, a principal razão para a morosidade foi a troca da empresa prestadora do serviço, a Datasist, por outra, a Cosejes

Por: Mariana Barros - Atualizado em

Polícia Federal - Passaporte_2163
Espera no setor de passaportes da Superintendência da Polícia Federal: posto emite 740 documentos por dia (Foto: Mario Rodrigues)

Em vez de um pedido colocado no Muro das Lamentações, em Jerusalém, uma vista panorâmica de Toronto a mais de 500 metros de altura. Com essa troca de cenários para lá de abrupta, a professora aposentada Cléria Gil Costa e sua filha, a fonoaudióloga Jaqueline, conseguiram garantir a viagem de férias, que por pouco não acabou cancelada. Os preparativos para embarcarem rumo a Israel começaram com uma verdadeira peregrinação ainda em São Paulo.

Foram quarenta dias de espera, entre diversos acessos ao site da Polícia Federal (PF) e cinco visitas à superintendência do órgão, na Lapa, até que elas obtivessem seu novo passaporte. Receosa de não estar com o documento a tempo da viagem, inicialmente marcada para este sábado (1º), a dupla desistiu da excursão a Jerusalém. O jeito foi se encaixar em outro grupo, com saída prevista para meados de maio e um destino bem diferente do original: o Canadá. “Apesar da mudança, estamos animadas”, diz Cléria. “Até porque finalmente resolvemos a pendenga da documentação.”

Requerer o passaporte é até simples: basta acessar o site da PF (www.dpf.gov.br ou www.pf.gov.br), solicitar a emissão, pagar a taxa e marcar uma entrevista em um dos postos credenciados. Complicado mesmo é obter um horário de atendimento com certa antecedência em relação à viagem programada. Atualmente, o prazo é de cerca de cinquenta dias, bastante superior ao do fim do ano passado, quando transcorriam apenas 48 horas entre o agendamento e a entrevista. Segundo a PF, a principal razão para essa morosidade foi a troca da empresa prestadora do serviço, a Datasist, por outra, a Cosejes. Com isso, os funcionários da nova responsável tiveram de receber treinamento específico para a tarefa, o que retardou o processo.

Outro fator que contribuiu foi o crescimento na demanda por passaportes neste ano — um aumento de 50% em relação a 2009. Isso fez com que a espera chegasse a 75 dias em fevereiro, mês em que o congestionamento atingiu seu ápice. Desde então, a situação vem melhorando pouco a pouco, e, até meados de junho, prevê-se que a demora- padrão, de apenas dois dias, seja retomada. Apesar dos atrasos, a PF garante que ninguém com viagem marcada que dependa da documentação para embarcar ficará na mão. “Quem comprova a necessidade é atendido”, afirma o delegado Diógenes Peres de Souza, chefe do Núcleo de Passaportes da Superinten dência da PF da capital. Para casos urgentes, é necessário ir à superintendência com os documentos e aguardar um encaixe entre os atendimentos marcados para aquele dia.

Dos 1 700 passaportes emitidos diariamente na Grande São Paulo, 740 saem da superintendência, o maior posto do país. Para reduzir as filas, o horário de funcionamento foi estendido. O expediente para o público passou das 8 às 18 horas para as 7 às 19 horas, medida que deve perdurar até pelo menos o fim de maio e garante 100 atendimentos extras por dia. Já os postos da PF localizados no Shopping ABC e no Shopping Ibirapuera abrirão temporariamente também aos sábados, medida que pode ser adotada pelos postos dos shoppings Light, Eldorado, Metrô Tatuapé, Alpha Shopping e Internacional Guarulhos.

Quem agendou sua entrevista, mas deseja antecipá-la, deve sempre checar se surgiram alternativas no site da PF. Quando isso acontece, basta selecionar “reagendar”. A data inicial, então, fica livre para outros interessados, o que faz andar a fila virtual. A família da estudante de enfermagem Mariana Perozzi passou dois dias empenhada em antecipar suas entrevistas, acessando incansavelmente o site. “Foi uma gincana”, conta. Por isso, se ao visitar o site você só encontrar vagas para junho, tente mais uma vez. Persistência é o novo item obrigatório para o embarque dos paulistanos.

Confira onde ficam os postos da PF:

Superintendência -

Rua Hugo D’Antola, 95, Lapa de Baixo

Seg. a sáb. das 7h às 19h

Shopping Light -

Rua Coronel Xavier de Toledo, 23, centro

Seg. a sex. das 10h às 18h

Shopping Eldorado -

Avenida Rebouças, 3970, Pinheiros

Seg. a sex. das 10 às 18h

Shopping Ibirapuera* -

Avenida Ibirapuera, 3103, Moema

Seg. a sáb. das 10h às 18h

* Não abre neste sábado (1º)

Shopping Metrô Tatuapé -

Avenida Radial Leste, esquina com a Rua Tuiuti, Tatuapé

Seg. a sex. das 10h às 18h

Internacional Shopping Guarulhos -

Rodovia Presidente Dutra, quilômetro 230, Guarulhos

Seg. a sex. das 10h às 18h

Alpha Shopping -

Alameda Rio Negro, 1033, Alphaville

Seg. a sex. das 10 às 18h

Shopping ABC -

Avenida Pereira Barreto, 42, Santo André

Seg. a sáb. das 10h às 18h

Fonte: VEJA SÃO PAULO