Lazer

Parque do Povo: uma das áreas verdes mais badaladas da capital

Criado em 2008 com um investimento de 6 milhões de reais, área chega a receber 10.000 pessoas em um dia

Por: Davi Franzon - Atualizado em

Mapa Parque do Povo - Itaim Bibi - 2228a
O Parque do Povo: badalada área verde no coração do Itaim (Foto: INFOGRÁFICO LUCAS PÁDUA)

PERFIL

Inauguração: 28 de setembro de 2008

Endereço: Avenida Henrique Chamma, 590

Horário de funcionamento: 7h às 22h, de segunda a domingo

Quantidade de árvores: 1.700

Quantidade de mudas de diferentes espécies: 231

MÉDIA DE PÚBLICO

De segunda a sexta-feira: 1.000 pessoas

Sábados: 2.000 pessoas

Domingos e feriados: de 7.000 a 10.000 pessoas

CURIOSIDADES

Piso

Foi feito com o reaproveitamento do entulho de construção civil das edificações irregulares que existiam anteriormente no local.

Drenagem

O sistema leva a água acumulada durante as chuvas diretamente para o lençol freático.

Monitoria de educação ambiental

Disponível para grupos de, no mínimo, dez pessoas, a atividade oferece programas educativos sobre preservação do meio ambiente e sustentabilidade, além da importância da existência e conservação de parques nas grandes cidades. Estão abertas as inscrições para o curso de plantio e de compostagem.

+ Paulistano e Harmonia: clubes restritos nos Jardins

+ Moradores se mobilizam contra a venda de terreno no Itaim

LEGENDA DO MAPA

1. Prédios de apoio da administração

2. Trilha autoexplicativa

Tem esse nome porque possui placas com informações sobre as árvores, várias delas frutíferas nativas e exóticas. Nessa área é possível conhecer uma coleção de plantas aromáticas e medicinais. A trilha das trepadeiras forma um playground verde para crianças.

3. Pista de caminhada e corrida

Atualmente tem 700 metros, mas está sendo ampliada e chegará a um total de 1.600 metros. A superfície lisa permite o uso de patins e skate. É cercada por árvores.

4. Dança circular

O nome foi adotado porque a maioria dos movimentos é feita em formato de círculo. Durante as aulas são apresentadas danças folclóricas de países que têm imigrantes no Brasil. É realizada no terceiro domingo de cada mês, das 10h às 12h.

+ Xaveco Virtual: nossa ferramenta para paquerar no Twitter

5. Ciclovia

Com 1.600 metros, o percurso passa por área arborizada e pelos principais equipamentos.

6. Jardim sensitivo

Abriga espécies como café, camomila, mostarda, lírio-do-brejo-amarelo, alamanda-amarela, manjericão, citronela, babosa, pimentado- reino, pimenta-verde, alfazema, salsinha, erva-doce, boldo, orégano, salsa, capim-limão, cúrcuma, melissa e hortelã. No meio do jardim, também foram plantadas quatro árvores: oliveira, de cravo-da-índia, louro e canela-da-índia. O visitante pode tocar e cheirar as folhas para conhecê-las.

7. Frisbee e bumerangue

A Federação Paulista de Frisbee realiza oficinas para iniciantes no último domingo de cada mês, entre 9h e 17h. Depois de aprender os princípios do esporte, os alunos participam de disputas com outros jogadores. Já a Federação Brasileira de Bumerangue oferece curso para novatos e treinamento para quem pratica o esporte há algum tempo. Não é preciso ter o equipamento. No ano passado, foram distribuídos 10.000 bumerangues.

8. Prédio da administração

A construção prioriza a luz do dia e a ventilação natural, reduzindo o consumo de energia, principalmente em relação ao uso de aparelhos de ar-condicionado.

9. Quadras poliesportivas

Todas as três têm marcação especial para esportes paraolímpicos. Ao lado, três núcleos com equipamentos para atividade física, exercícios de alongamento e fortalecimento biomecânico. Um deles foi totalmente adaptado para portadores de necessidades especiais. Também há aparelhos voltados para melhora das condições físicas de pessoas da terceira idade. A área de exercícios dispõe de um simulador de caminhada e de esqui, além de espaços para aulas de ioga e pilates.

Fonte: VEJA SÃO PAULO