TRANSPORTES

Pane no metrô fecha estações e provoca revolta entre passageiros

Passageiros acionaram botão de emergência de trens e desceram em passarelas; companhia diz que houve atos de vandalismo e agressão a funcionários

Por: Redação VEJASAOPAULO.COM - Atualizado em

Estação Sé do metrô_2185
Embarque na Estação Sé do metrô: uma das mais movimentadas da cidade, que foi fechada (Foto: Osmar Maeda)

Uma pane na Linha 3 - Vermelha do metrô fechou pelo menos seis estações durante a noite desta terça-feira (4), provocando quebra-quebra, tumultos e muita espera entre os passageiros.  De acordo com a empresa, usuários acionaram o botão de emergência de sete trens, o que provocou uma paralisação que se estendeu no trecho entre as estações Palmeiras-Barra Funda e Sé.

Revoltados, usuários que aguardavam na estação Sé discutiram com funcionários da companhia e provocaram um quebra-quebra. Pelas páginas oficiais no Twitter e Facebook, o Metrô pediu calma aos passageiros e disse que havia pessoas em passarelas de emergência, o que impedia a volta à operação normal. O acesso entre as linhas Amarela e Vermelha foi fechado e os passageiros orientados a fazerem baldeação na estação Luz para trens da CPTM.

Em nota, o Metrô afirmou que o problema começou às 18h19, horário de pico, quando um trem da Linha 3- Vermelha apresentou uma falha de portas na estação Sé. A ocorrência, diz o texto, foi resolvida às 18h27, mas usuários acionaram os botões de emergência de sete trens que vinham atrás, e desceram às passarelas de emergência laterais, o que forçou a interrupção da operação até a estação Palmeiras-Barra Funda.

A empresa relatou "atos de vandalismo às composições e agressão aos empregados do Metrô". "A Polícia Militar foi acionada e as estações deste trecho tiveram de ser fechadas por questões de segurança". "Alguns usuários permanecem nas passarelas de emergência, motivo pelo qual ainda não foi possível restabelecer a circulação entre as estações Palmeiras-Barra Funda e Sé. Trens operam entre Tatuapé e Corinthians-Itaquera. O Metrô está atuando para restabelecer a operação o mais breve possível", diz o comunicado divulgado por volta das 21h30 desta terça.

Ainda segundo a companhia, três das linhas Vermelha e Azul circulavam em velocidade reduzida devido às chuvas, além de apresentarem algumas falhas em portas. Passageiros relataram ter visto trens circulando com portas abertas também na estação Anhangabaú.

Pane elétrica

Mais cedo, um apagão que atingiu cidades de Norte a Sul do país deixou sem luz diversos bairros de São Paulo, provocou uma pane elétrica na Linha 4 - Amarela do metrô que afetou todas as estações. A Via Quatro, que administra o local, ainda não sabe dizer se há relação com a falha nacional ou se foi coincidência. O trecho entre Paulista e Luz operou com lentidão e as estações Luz e República foram fechadas às 14h e reabertas por volta das 15h.

 

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO