Restaurantes

Cinco endereços para provar moqueca à baiana

Confira na lista onde comer o típico ensopado de pescados

Por: Arnaldo Lorençato

Moqueca à baiana do restaurante Dalva e Dito
Moqueca do restaurante Dalva e Dito: R$ 85,00 (Foto: Sergio Coimbra)

Confira abaixo.

  • Brasileiros

    Colher de Pau

    Rua Doutor Mário Ferraz, 563, Itaim Bibi

    Tel: (11) 3079 3087 ou (11) 3168 8068

    VejaSP
    2 avaliações

    Reduto de endereços pomposos do Itaim, a Rua Doutor Mário Ferraz foi escolhida por esta casa de matriz em Fortaleza, no Ceará, para abrigar sua filial de salão e atendimento mais despretensiosos. Agrada em cheio ao público que procura receitas bem encorpadas, entre elas a moqueca de camarão ao tempero de dendê e leite de coco com arroz branco e pirão de acompanhamento, por R$ 153,90, e a travessa de lagosta mais camarão e peixe da época ao cremoso molho branco com banana frita gratinada mais arroz, a R$ 211,40. Há poucas opções sem frutos do mar, caso do escondidinho de carne de sol (R$ 102,75) e da galinha caipira ensopada com batata e cheiro-verde (R$ 79,10). Pratos para dois.

    Preços checados em 1º de julho de 2015.

    Saiba mais
  • Brasileiros

    Dalva e Dito

    Rua Padre João Manuel, 1115, Jardim Paulista

    Tel: (11) 3068 4444

    VejaSP
    21 avaliações

    Nesta casa de Alex Atala, do premiado D.O.M., quem cuida do dia a dia da cozinha é o chef Elton Junior. Deliciosos, os pastéis de vatapá e camarão (R$ 27,00) poderiam ter uma quantidade menos tímida de recheio. Amparado por torradas, o ótimo vinagrete de polvo (R$ 45,00) é uma pequena festa do mar. Um dos pratos mais antigos do cardápio, o porco na lata vem na companhia de purê de batata aromatizado com pequi (R$ 79,00). Adoce o final com o pouco açúcar da torta de chocolate com um toque discreto de cumaru e sorbet de frutas vermelhas (R$ 28,00).

    Preços checados em setembro/outubro de 2016.

    Saiba mais
  • Brasileiros

    Manzuá

    Rua Oscar Freire, 1189, Cerqueira César

    Tel: (11) 3085 5058 ou (11) 3082 2626

    VejaSP
    5 avaliações

    Fundada pelo pernambucano Leonel da Rocha, a rede de restaurantes baianos tinha essa filial paulistana originalmente com o nome Bargaço. Dois anos atrás, transformou-se em Manzuá, palavra que batiza a rede usada para a pesca da lagosta no Nordeste. A moqueca continua a estrela do menu, embora não seja tão inspirada como em um passado não muito distante. Na de camarão, nada no caldo fervente de leite de coco, azeite de dendê e tomate uma quantidade grande do molusco (R$ 140,00 para dois). Para petiscar, deixe de lado o acarajé (R$ 28,00 o par) adaptado para turistas — quase sem dendê, quase sem personalidade. Invista nos bolinhos de aipim com lagosta (R$ 32,00, seis unidades). Sobremesas típicas como o doce de caju (R$ 18,00) dão uma dignidade açucarada ao fim da refeição.  

    Preços checados em 17 de junho de 2015.

    Saiba mais
  • Peixes e frutos do mar

    Mexilhão

    Rua Treze de Maio, 626, Bela Vista

    Tel: (11) 3263 0135

    VejaSP
    4 avaliações

    Nas mãos da mesma família desde a fundação há 46 anos, sempre foi um porto seguro para quem quisesse provar pescados em meio às cantinas do Bixiga. Mais recentemente, tem balançado com as marés. Peixes caros e antes impecáveis como o namorado (R$ 95,90) podem vir ressecados na companhia de legumes cozidos demais como a vagem molenga. Tentáculos mirrados e duros de polvo prejudicam o grelhado misto de frutos do mar (R$ 266,00, para dois), que tem ainda lula e camarão junto de batata sautée. As lulas empanadas (R$ 71,00) continuam ótimas, assim como o serviço cortês.

    Preços checados em setembro/outubro de 2016.

    Saiba mais
  • Brasileiros

    Na Cozinha

    Rua Haddock Lobo, 955, Jardim Paulista

    Tel: (11) 3063 5377 ou (11) 3063 5374

    VejaSP
    Sem avaliação

    O pequeno restaurante de paredes azulejadas se autointitula “a casa do picadinho”. Neste ano, o chef Carlos Ribeiro resolveu aumentar a oferta de seu prato mais famoso, totalizando seis variedades. A versão do picadinho apelidada de chique-chique (R$ 48,90) leva cubos durinhos de carne de sol com cebola na companhia de pastel de queijo de coalho, feijão-verde, abóbora e arroz. Outra receita traz músculo quase se desmanchando com batata e cenoura (R$ 48,90) e é guarnecida de pastel de carne, farofa de cebola, arroz e feijão. Bem docinho, o semifredo de doce de leite dá o ponto final (R$ 17,50).

    Preços checados em setembro/outubro de 2016.

    Saiba mais

Fonte: VEJA SÃO PAULO