Futebol

Saiba onde comemorar a vitória do Corinthians no Mundial

O Timão venceu a partida decisiva contra o Chelsea, no Japão. Confira lugares para comemorar

Por: Redação VEJA SÃO PAULO - Atualizado em

Buddies
O ambiente do Buddies com televisores sintonizados em esportes: turmas de jovens (Foto: Mario Rodrigues)

Neste domingo (16), o Corinthians fez uma das partidas mais importantes de sua história e venceu a final do Mundial de Clubes, no Japão, contra o Chelsea, da Inglaterra, por 1 x 0.

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Para quem quiser reunir os amigos para comemorar a vitória, há lugares que, desde antes do começo do jogo, recebem os torcedores mais fanáticos para assistir ao jogo. Bares, uma padaria na região da Avenida Paulista e as quadras das escolas de samba Camisa 12 e Gaviões da Fiel são alguns deles. Confira abaixo nossa seleção. 

bar brahma 2152
Bar Brahma, no centro: tradicional endereço vai exibir a partida decisiva (Foto: Divulgação)

Bar Brahma: um telão foi montado no tradicional endereço no centro. As opções são chope Brahma e petiscos diversos. Não estão programados shows.

Bella Paulista: a padaria, que funciona 24 horas, na região da Avenida Paulista, tem cardápio extenso. No salão, há diversos telões que estarão sintonizados no jogo. 

Buddies: o endereço tem o estilo de um pub americano. As características TVs de 55 polegadas, que imitam o estilo do placar de ginásios dos Estados Unidos, exibiram a partida.

Camisa 12: na quadra da torcida jovem do Timão, está rolando roda de samba, apresentação da bateria, grupos de pagode e de rap. A entrada é gratuita.

Devassa: a unidade do Jardim Paulista abriu a partir das 7h30 deste domingo para exibir o jogo em um telão e em televisores. Ali, vale pedir uma caneca de chope. A diversão é experimentar pelo menos um copo de toda a linha Devasa. Comece pela versão loura (claro), depois vá para a ruiva (avermelhado), a negra (escuro) e a índia (pale ale). Também agrada o chope de trigo, apelidado de sarará. 

Dona Mathilde Snooker: o torcedor que foi ao bar com camiseta ou outro adereço do time não pagou entrada. No dia da disputa, o cardápio de culinária japonesa tem 50% de desconto.

Gaviões da Fiel: os fanáticos começarão a concentração na quadra da escola a partir da meia-noite deste sábado, e assistiram ao jogo por um telão. Com a vitória do time, a festa está garantida até altas horas, com samba, cerveja e churrasco. Para entrar, o visitante deverá levar 1 quilo de alimento não-perecível, que será doado à crianças carentes.

Genuíno: as duas televisões de 42 polegadas estiveram sintonizadas na final do Mundial de Clubes na manhã deste domingo. Há um dos melhores chopes da região.

Paróquia: endereço que é sucesso na movimentada Rua Joaquim Távora, serve um chope Brahma bem tirado, boa sugestão para brindar. O cardápio valoriza as pedidas vindas do mar, como a casquinha de camarão, que consiste num bobó de camarão servido numa forminha de massa de farinha.

Prainha Paulista: o tradicional ponto de encontro na Rua Joaquim Eugênio de Lima também vai exibiu a partida. À disposição do público estão quatro televisões de 50 polegadas cada. O extenso cardápio apresenta opções tradicionais de bar, como a porção de fritas e a taça de chope (Heineken e Xingu) até sugestões mais exóticas, como drinques quentes e rã à dorê.

Rhino
Ambiente do Rhino Pub: bar exibirá o jogo com buffet de café da manhã para os clientes (Foto: Fernando Moraes)

Rhino Pub: a decoração é marcada por bandeiras de times ingleses e uma cabeça de rinoceronte. Entre os cinquenta rótulos de cerveja, a inglesa Strong Suffolk Vintage Ale é uma boa pedida para comemorar o título do time paulista. Da cozinha sai o polencheesy, tubinhos de polenta recheados de catupiry e cogumelos shiitake e shimeji.

Café O Torcedor é Bar Brahma dentro do Museu do Futebol
O Torcedor, no Museu do Futebol: open bar de chope e minisalgados para os torcedores (Foto: Pablo de Souza)

O Torcedor: está aberto desde as 8h com open bar e petiscos por R$ 71,50, por pessoa. Os torcedores podem se servir à vontade de minisalgados, como quibe, coxinha e pastéis de carne e queijo, além água, chope e refrigerante. Recomenda-se ir de transporte público, pois a realização da prova de rua Circuito das Estações Adidas irá bloquear parcialmente o acesso à Praça Charles Miller.

Fonte: VEJA SÃO PAULO