Crianças

'O Guia dos Curiosinhos - Folclore' chega às livrarias

Marcelo Duarte, autor de O Guia dos Curiosos, lança a segunda obra infantil da série, sobre criaturas como o Saci-pererê

Por: Bruna Ribeiro - Atualizado em

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Você já se perguntou se o Saci-pererê tem a perna direita ou a esquerda? O jornalista e escritor Marcelo Duarte, 48 anos, sabe a resposta e trata dessa e de outras peculiaridades de personagens do imaginário brasileiro e universal no livro O Guia dos Curiosinhos - Folclore  (Panda Books, 80 páginas, R$ 35,90), que acaba de chegar às livrarias. 

Autor de 25 títulos, sendo quatorze infantis, esta é a segunda vez que leva o conceito da série de sucesso O Guia dos Curiosos (1995) para o universo da garotada. "As crianças gostam muito desse humor, que traz apenas uma narrativa como fio condutor e amarra a ela muitas informações", diz o escritor que já vendeu 870 000 livros.

+  Conheça a primeira biblioteca infantil multilíngue da América Latina

Marcelo Duarte - O Guia dos Curiosinhos - O Guia dos Curiosos
O autor da série de sucesso: "As crianças gostam muito desse humor" (Foto: Divulgação)

No ano que vem está programada mais uma novidade para o público infantojuvenil: O Guia das Curiosinhas - Princesas. Para VEJASÃOPAULO.COM, o autor falou sobre como realiza a pesquisa para seu trabalho. No caso do Saci, por exemplo, ele consultou a Sociedade dos Observadores de Saci (SOSACI) e constatou que 75% deles têm a perna esquerda (outras curiosidades estão na galeria de imagens). Confira abaixo a entrevista completa:

Como surgiu a ideia de fazer O Guia dos Curiosinhos - Folclore?  Vou pelo menos uma vez por mês a escolas dar palestras e conversar com os alunos sobre meus livros. Os professores sempre falam que as obras sobre folclore são muito sérias. Achei legal abordar este tema, trazendo as curiosidades das criaturas, apenas com uma história curta como fio condutor. Nela, os personagens Jéssica e Antônio se escondem no saco do Velho do Saco e entram de penetras na Convenção Anual de AAA (Associação dos Amigos das Assombrações), onde descobrem muitas curiosidades.

Qual o processo de pesquisa?  Pesquisei em alguns livros de Luís da Câmara Cascudo (1898-1986) e Gilberto Freire (1900-1987). Procurei informações sobre personagens e os descrevi, fazendo brincadeiras. Uma delas, por exemplo, ensina os leitores a se livrar das assombrações, caso se depare com elas. Apesar disso, logo no começo do livro, deixei muito claro que não há motivos para ter medo das criaturas.

+ Cidade das Crianças: um blog de pais para pais

E a maior curiosidade que descobriu? Há criaturas que são muito conhecidas, mas têm nomes diferentes. O Bicho-papão, por exemplo, se chama Tutu na África. Já na cultura indígena ele é o Jurupari, deus da escuridão.

Marcelo Duarte - O Guia dos Curiosinhos - Folclore - capa - Marcelo Duarte
Capa de 'O Guia dos Curiosinhos - Folclore', de Marcelo Duarte (Foto: Reprodução)

Por que resolveu escrever para crianças?  Eu fui leitor da Coleção Vaga-lume, da Editora Ática. Gostava muito das histórias, algumas policiais, e tinha vontade de escrever para esse tipo de público, que está saindo da infância e entrando na adolescência. Foi aí que comecei a fazer alguns textos e levei para a própria editora. O primeiro foi Jogo Sujo (1997), publicado na mesma coleção. Depois, fiz mais quatro infantis e não parei mais. Um ano depois de lançar O Guia dos Curiosos (1995), decidi levar às crianças essa experiência, com mais humor e um design colorido. O primeiro foi O Guia dos Curiosinhos - Super-Herói (1996) e agora sobre folclore.

Já sabe qual será o próximo? O Guia das Curiosinhas - Princesas, no ano que vem. Será uma edição com curiosidades sobre castelos, princesas e príncipes. Uma menina terá de substituir a princesa e, para isso, terá de aprender tudo sobre elas. Vou contar, por exemplo, qual o motivo delas terem sangue azul. 

Fonte: VEJA SÃO PAULO