Memória Paulistana

O Edifício Bretagne de Artacho Jurado

Por: Edison Veiga [Filipe Vilicic e Giovana Romani] - Atualizado em

Erguido na década de 50 em um terreno de 4 000 metros quadrados na Avenida Higienópolis, o Edifício Bretagne apresentava opções de lazer então raras aos moradores de condomínios da época. Um belo jardim, piscinas, salão de chá, sala de música, bar americano e área com brinquedos para crianças eram seus diferenciais. Isso tudo, aliado ao estilo do arquiteto que o projetou, João Artacho Jurado (1907-1983), colocou o prédio na rota de personalidades estrangeiras que visitavam a cidade. Em 1958, estiveram ali o ator americano Leonard Franklin Slye – que interpretava o caubói Roy Rogers – e a miss Estados Unidos Eurlyne Howell (à dir. na foto). As imagens integram o livro Artacho Jurado – Arquitetura Proibida, de Ruy Eduardo Debs Franco, lançamento da editora Senac.

Fonte: VEJA SÃO PAULO