Bares

Saiba onde beber ny sour, o drinque da moda

Quatro endereços da capital fazem suas próprias versões

Por: Saulo Yassuda e Fábio Galib - Atualizado em

Barouche
Arouche sour: versão com gengibre e mel do Barouche (Foto: Ligia Skowronski)

O ny sour (ou new york sour) é um antigo drinque que vem pipocando em bares da capital. Trata-se de uma mistura de bourbon com um toque de vinho tinto, o que deixa a mistura bicolor, Confira, abaixo, quatro versões do coquetel.

+ Os balcões mais bacanas da cidade

Barouche: ótimo para relaxar nas mesas do Largo do Arouche, o drinque leva a assinatura do mixologista Marco De la Roche, consultor da casa. Sob o nome de arouche sour, é incrementado com gengibre e mel (R$ 25,00).

A Casa do Porco Bar: na versão deste concorrido misto de bar e restaurante do chef Jefferson Rueda, o clássico drinque leva bourbon Woodford Reserve, sumo de limão, vinho tinto, açúcar e clara de ovo. Custa R$ 38,00.

A Casa do Porco Bar
A Casa do Porco: com espuminha (Foto: Ligia Skowronski)

Session Pub: alternativa aos quatro tipos de chope, alguns drinques são servidos no bar do músico Cristian Pessoa. Na composição de seu ny sour (R$ 26,00), entram bourbon, limão e, como manda a receita, um toque de vinho.

Session Pub
Session Pub: drinque em ambiente descolado (Foto: Ligia Skowronski)

Riviera Bar: a bebida (R$ 28,00) foi incluída na carta pelo talentoso barman Kennedy Nascimento, que dá expediente ali apenas nas noites de quarta. Na mistura vão bourbon, suco de limão-siciliano, xarope de açúcar e vinho malbec.

Riviera Bar
Riviera Bar: carta criada por Kennedy Nascimento (Foto: Ligia Skowronski)

Fonte: VEJA SÃO PAULO