Transporte

Quem é Natalício Bezerra Silva, líder dos taxistas e inimigo do Uber

Com um discurso feroz e grande cacife político, ele pressionou a Câmara Municipal a proibir o uso do aplicativo de caronas pagas na capital

Por: Silas Colombo e Adriana Farias - Atualizado em

natalício bezerra silva taxista uber
Natalício Bezerra Silva: "Se continuarem a trabalhar, retornaremos às ruas" (Foto: Lucas Lima)

O líder dos taxistas da capital não trabalha na rua desde os tempos em que o Galaxie Landau era o que havia de mais luxuoso por aqui em termos automotivos. Natalício Bezerra Silva deixou o ofício de motorista há mais de quarenta anos para dirigir o Sinditaxisp, o principal sindicato da categoria na cidade. De sua base, uma sala de escritório na Vila Clementino, na Zona Sul, o alagoano de Palmeira dos Índios, município de 70 000 habitantes a 140 quilômetros de Maceió, defende os interesses de 34 000 filiados no estilo jamanta: buzina alto e passa pela frente dos adversários. Seu inimigo no momento é o Uber, o aplicativo de caronas pagas que vem ganhando espaço em São Paulo e em outras metrópoles ao oferecer um meio de transporte eficiente, com veículos confortáveis e tarifas mais baixas em alguns trajetos em relação ao serviço tradicional da praça.

+ Estabelecimentos deixam de funcionar por 24 horas devido à crise e insegurança

Parecendo antever o crescimento da concorrência, Natalício tratou de declarar guerra mal o negócio desembarcou por aqui, em agosto. “Se o poder público não demonstrar interesse em nos ajudar a acabar com isso, vamos queimar esses carros”, ameaçou na ocasião. O clima esquentou logo nas primeiras semanas, com taxistas apedrejando uma série de veículos do Uber. Houve também o sequestro-relâmpago de um motorista da frota do aplicativo (a vítima ficou presa por cerca de uma hora) e sobrou até para alguns passageiros, agredidos no vácuo da onda de violência.

Em paralelo, iniciou-se uma batalha política para tentar barrar o serviço, sob a alegação de concorrência desleal. Os motoristas da praça reclamam de que os colegas digitais faturam sem ter de pagar impostos nem taxas. O serviço vem operando mesmo depois de uma ação na Justiça tentando proibi-lo na capital. A discussão chegou à Câmara Municipal. Na noite de quarta passada (9), por 43 votos a 3, os vereadores aprovaram em segundo turno o veto à atividade. O Poder Executivo tem um prazo de noventa dias para sancionar ou não o projeto. Minutos antes do começo da sessão plenária, o prefeito Fernando Haddad enviou uma emenda ao texto prevendo a realização de estudos sobre o impacto de atividades como a do Uber em São Paulo. Com isso, deixou uma porta aberta à legalização no futuro.

carreata taxistas urber câmara
Carreata em frente à Câmara Municipal: mais de 8000 taxistas (Foto: Lucas Lima)

Em nota divulgada após o veto da Câmara, o escritório paulistano do Uber salientou que, segundo um relatório divulgado pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), os serviços prestados não possuem elementos econômicos que justifiquem sua proibição. Criada em 2009 nos Estados Unidos, a empresa alega que não é uma companhia de transporte. Os cadastrados não seriam funcionários, e sim parceiros que realizam o transporte privado. Para tentar angariar adeptos e driblar a pressão dos sindicatos, o negócio vem promovendo uma série de campanhas, como a de viagens gratuitas oferecidas durante as paralisações de taxistas.

Quando começou a operar em São Paulo, o Uber tinha cerca de 1 000 veículos cadastrados. Atualmente, a frota estaria em torno de 2 000 automóveis. Os números são extraoficiais, pois a companhia não divulga esses e outros dados por considerá-los estratégicos, uma política pouco transparente que não combina com seu ar de modernidade. Mesmo que o negócio não vingue por aqui, a concorrência já traz benefícios para o paulistano.

+ Problemas com empresa terceirizada afetam serviços do Detran

Para não perderem a clientela, em vez de partirem para a agressão, como muitos dos companheiros insuflados por Natalício, alguns taxistas trataram de investir na manutenção do veículo e no atendimento, oferecendo regalias similares às da turma do aplicativo, como refrigerantes e cafezinho. No ponto do Aeroporto de Congonhas, os motoristas pretendem instalar bolsas térmicas na frota. “Assim, fica mais fácil transportar água e bebidas”, afirma Adauto Guadaim, coordenador do local. Há ainda quem esteja apostando mais alto, como Welbe Marlon. Ele trocou o Chevrolet Cobalt com três anos de uso por um modelo novinho em folha. No mês que vem, pretende rodar com wi-fi e um tablet. “Melhorar o serviço é a forma mais eficiente de concorrer”, acredita. Na mesma linha, o aplicativo 99taxis recentemente passou a isentar o usuário da taxa de 50% em viagens até o Aeroporto de Guarulhos, algo que o Uber faz desde o início. “Sempre buscamos maneiras de melhorar a experiência dos usuários”, justifica Pedro Somma, diretor de operações do 99taxis.

protesto urber frança
Protesto de taxistas contra o Uber na França: o serviço causou polêmica em boa parte dos sessenta países onde opera (Foto: Lucas Lima)

A concorrência acirrada entre taxistas e Ubers também acontece nos outros 59 países em que o serviço está disponível, assim como a discussão sobre a legalidade do aplicativo. Na última terça (8), Lisboa virou o centro de manifestações dos resistentes à inovação. Em Portugal, a ferramenta acabou sendo suspensa por um tribunal em abril, mas continua operarando clandestinamente. Na vizinha Espanha, o sistema foi banido em 2014. A Cidade do México é um dos territórios regulamentados, ao lado de Nova York. Na metrópole americana, o Uber opera com uma frota de cerca de 22 000 carros, contra os 13 587 táxis tradicionais.

+ Empresários investem 10 milhões de reais em balada no bairro de Moema

Em São Paulo, Natalício comanda pessoalmente o forte lobby político contra o Uber. No início da tarde do dia da votação na Câmara Municipal, liderou uma carreata de cerca de 8 000 taxistas. O comboio bloqueou as principais avenidas do centro, em sua marcha rumo ao Palácio Anchieta, para pressionar os parlamentares. Em clima de final de campeonato, o Viaduto Jacareí foi tomado por uma torcida de motoristas uniformizados, com direito a fogos de artifício e carro de som.

A vitória acabou sendo acompanhada de perto pelo presidente do Sinditaxisp. Durante a votação, ele sentou-se na terceira fileira de cadeiras exclusivas aos vereadores dentro do plenário da Câmara. O privilégio da poltrona de couro azul não se estende nem a assessores parlamentares. A filha de Natalício, Silvana Bezerra Silva, que trabalha no gabinete do vereador Adilson Amadeu (PTB), autor do texto da proibição ao aplicativo, teve de se contentar com uma cadeira nos fundos da sala. “Por ora, estou satisfeito”, comemorou Natalício, ao final. “Mas, se eles continuarem trabalhando, vamos voltar para as ruas”, prometeu.

natalício bezerra silva taxista uber câmara
Natalício no dia da votação: em poltrona exclusiva aos parlamentares (Foto: Lucas Lima)

O passe-livre e o tratamento vip na política paulistana devem-se ao período em que ocupou o cargo de vereador pelo PTB, entre 1997 e 2000. Nesse tempo, elaborou 23 projetos de lei, sendo que nove deles envolviam benefícios aos taxistas. Desse total de propostas, quatro foram sancionadas pelo então prefeito Celso Pitta. Com o chefe do Executivo de sua época, o vereador Natalício não tinha cerimônia: entregava- lhe as sugestões para análise em mãos, sem nem precisar bater à porta para entrar no gabinete.

O privilégio vem da força que a categoria empresta quando apoia (ou desaprova) um político. Antes de Pitta, a entidade promoveu carreatas em 1991 para ajudar na eleição de Paulo Maluf no ano seguinte, até hoje um ídolo de grande parte dos taxistas. Mais recentemente, o sindicato parou importantes vias da cidade contra projetos de Haddad que tiravam regalias dos taxistas. Depois de muita pressão, o petista voltou atrás no ano passado na proibição da circulação dos carros de praça em corredores de ônibus.

Em maio, Natalício, aos 83 anos, foi novamente reeleito, em uma corrida sem concorrentes, à presidência da entidade, cargo que ocupa desde 1986. “Larguei a praça porque não havia ninguém na época para representar a categoria de forma mais profissional”, explica. O tempo de permanência na cadeira de presidente lhe rendeu o apelido de “Vitalício” entre os inimigos. Ele promete que este será o seu último mandato, mas ninguém leva isso muito a sério. A última vez que foi incomodado de verdade pela oposição ocorreu na década de 80, quando o ex-taxista e atual vereador Salomão Pereira (PSDB) tentou entrar na disputa, mas foi impedido de registrar a chapa. “O Natalício manobrou para que eu perdesse o prazo de inscrição”, acusa. “Ele não aceitava mudanças e sempre criava barreiras”, critica o vereador tucano.

+ Como pais e colégios tentam tornar as lancheiras mais saudáveis

A última eleição do Sinditaxisp está sendo questionada na Justiça do Trabalho, devido a dívidas que ultrapassam 500 000 reais (incluindo atraso no pagamento do IPTU do escritório). Responsável pelo processo, o ex -diretor do sindicato José Vanderlei Machado quer a realização de novas eleições. O caso, porém, está apenas no início. “As acusações não procedem e estamos dentro do prazo para apresentar a defesa”, comenta Natalício.

Casado há mais de meio século, ele tem três filhos (só um deles é taxista) e um casal de netos. Mora em uma casa em Santana, e recebe 4 600 reais de salário pelo cargo no sindicato. Complementa a renda alugando seu ponto na praça a um motorista na ativa. Mesmo sem pegar nenhum passageiro desde 1972, dirige um SpaceFox 2015 comprado com descontos dados aos profissionais da classe (a redução chega a 30%). O seu celular é típico de um homem avesso a modernidades. Trata-se de um modelo LG bastante simples. Sem o aplicativo do Uber, é claro.

Rotas diferentes: a comparação entre o serviço tradicional e o oferecido via aplicativo
FROTA 34 000 veículos 2 000* veículos
VEÍCULOS Brancos e com idade máxima de dez anos Sedan, com ar-condicionado e fabricados a partir de 2010
IMPOSTOS Isenção de IPI, ICMS, ISS e IPVA Nenhuma isenção
TAXAS 210 reais por ano ISS a cada viagem
DOCUMENTAÇÃO Curso de capacitação no valor de 127,54 reais e o Condutax, cadastro que tem validade de cinco anos e custa 415 reais Isento
BANDEIRA 4,50 reais 3 reais (UberX) e 5 reais (UberBlack)**. Valor mínimo: 8 reais; taxa de cancelamento: 10 reais
TARIFA Tabelada e calculada pelo taxímetro Calculada pelo aplicativo com base na distância e no tempo
VIAGEM METROPOLITANA Adicional de 50% Não há cobrança de adicional
CUSTO DO TRAJETO ENTRE SÃO PAULO E O AEROPORTO DE CUMBICA 197 reais*** 155 reais
PAGAMENTO Dinheiro, débito ou crédito Cartão de crédito
GANHO Autônomos ficam com o valor integral Repasse de 20% (UberBlack) e de 25% (UberX) para o aplicativo

* Fonte: Câmara Municipal de São Paulo ** O UberBlack é a versão tradicional do aplicativo; já o UberX, a mais econômica *** Teste realizado em maio por VEJA SÃO PAULO no trajeto entre o bairro de Pinheiros e o Aeroporto de Guarulhos / Fontes: Associação das Empresas de Táxi de Frota do Município de São Paulo, Sindicato dos Taxistas Autônomos de São Paulo, Uber e Prefeitura de São Paulo

Colaboraram Aretha Yarak, Alessandra Freitas e Bárbara Öberg

  • VEJA SÃO PAULO recomenda

    Atualizado em: 9.Out.2015

    Restaurante, espetáculo, exposição, doceria e outras atrações em cartaz
    Saiba mais
  • Cartas da edição 2443

    Atualizado em: 11.Set.2015

  • Mais de cinquenta obras estão desaparecidas e onze foram removidas pela prefeitura
    Saiba mais
  • Mistérios da Cidade

    Biblioteca do Mosteiro São Bento vira locação de série

    Atualizado em: 11.Set.2015

    Cenas do programa de TV PSI foram gravadas no espaço que tem 417 anos
    Saiba mais
  • Com o aumento da demanda, empresa já tem 300 entregas agendadas até o final do ano
    Saiba mais
  • Músicas dos Rolling Stones, Queen e Scorpions estão entre as mais pedidas pelo público
    Saiba mais
  • Mostra reúne noventa imagens que retratam a cidade nos anos 50 e 60
    Saiba mais
  • Comportamento

    Confira as novidades da semana da coluna Bichos

    Atualizado em: 2.Out.2015

    A seção fala sobre a abertura de uma padaria pet na cidade
    Saiba mais
  • Terraço Paulistano

    Confira as novidades da semana do Terraço Paulistano

    Atualizado em: 2.Out.2015

    Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos e empresários que são destaque na cidade
    Saiba mais
  • Supermercados, postos de gasolina e padaria estão entre os comércios que reduziram a jornada noturna
    Saiba mais
  • No Hospital Santa Paula, Flávia Flores e Paula Gallo coordenam projeto que já ajudou mais de 1 000 pacientes
    Saiba mais
  • Às vésperas de completar cinquenta anos de carreira, ele reestreia o espetáculo Tribos, endossado por 220 000 espectadores
    Saiba mais
  • Novas plataformas virtuais auxiliam paulistanos na contratação de profissionais que preparam jantares em casa
    Saiba mais
  • Peças repletas de detalhes ganham espaço nas vitrines da cidade
    Saiba mais
  • Brasileiros

    Dalva e Dito

    Rua Padre João Manuel, 1115, Jardim Paulista

    Tel: (11) 3068 4444

    VejaSP
    21 avaliações

    Nesta casa de Alex Atala, do premiado D.O.M., quem cuida do dia a dia da cozinha é o chef Elton Junior. Deliciosos, os pastéis de vatapá e camarão (R$ 27,00) poderiam ter uma quantidade menos tímida de recheio. Amparado por torradas, o ótimo vinagrete de polvo (R$ 45,00) é uma pequena festa do mar. Um dos pratos mais antigos do cardápio, o porco na lata vem na companhia de purê de batata aromatizado com pequi (R$ 79,00). Adoce o final com o pouco açúcar da torta de chocolate com um toque discreto de cumaru e sorbet de frutas vermelhas (R$ 28,00).

    Preços checados em setembro/outubro de 2016.

    Saiba mais
  • Cozinha variada

    Ô Restaurante

    Rua Harmonia, 321, Vila Madalena

    Sem avaliação
  • Franceses

    Le Jazz Brasserie

    Rua dos Pinheiros, 254, Pinheiros

    Tel: (11) 2359 8141

    VejaSP
    21 avaliações

    A fórmula do bistrô a preços razoáveis deu tão certo que, além das unidades nos Jardins (☎ 3062-9797) e no Shopping Iguatemi (☎ 3097-8331), a matriz, em Pinheiros, ganhou um movimentado bar no imóvelvizinho. Em qualquer um dos endereços, com cozinha do sócio Chico Ferreira, provam-se boas entradas como a terrine de porco (R$ 27,50). Sugestão mais recente, o leitão de pele crocante com purê de batata ao molho de suco de beterraba (R$ 46,00) veio se somar ao filé ao poivre (R$ 62,50). Uma das sobremesas criadas especialmente para o Le Jazz pela premiada confeitaria de Marilia Zylbersztajn é a musse de iogurte com limão-siciliano (R$ 23,00).

    Preços checados em setembro/outubro de 2016.

    Saiba mais
  • Chope e cerveja

    BrewDog Bar

    Rua dos Coropés, 41, Pinheiros

    Tel: (11) 3032 4007

    VejaSP
    14 avaliações

    É um dos muitos bares da BrewDog espalhados pelo mundo. Fica em frente ao Instituto Tomie Othake e ocupa um espaço de jeitão hipster: concreto por todo lado, neons, lampadinhas... Algo mudou por lá. A casa acabou cedendo e botou funcionários para atenderem mesas — antes, os pedidos eram feitos no balcão. A oferta já foi mais surpreendente, mas ainda dá para encontrar pedidas como o gaúcho Barco Thai Weiss (R$18,00), bem fresco. Montado em brioche macia, o sanduba chicken mayo (R$ 22,00) traz um filezão de frango empanado, bem crocante,junto de alface, tomate e molho aïoli.

    Preços checados em setembro/outubro de 2016.

    Saiba mais
  • Criado em 2013, o Sanduweek chega à quinta edição com mais de quarenta participantes, entre restaurantes, bares, casas de comidinhas e food trucks. Cada estabelecimento oferece duas criações para o festival até o dia 27 de setembro. A mais barata, com preço fixo de R$ 15,00, chama-se street food. Na outra ponta, pagam-se no máximo R$ 40,00 pelas receitas da categoria freestyle. + Coffee Week: mais de trinta estabelecimentos têm ofertas de até R$ 12,99 Entre os estreantes aparece a Stunt Burger, com matriz no Morumbi e um contêiner no Galpão Gastronômico (Avenida Mofarrej, 992, Vila Leopoldina). No cardápio, uma das pedidas é o hot-dog com salsicha viena, mostarda de Dijon, creme de gorgonzola ou cheddar e farofa de bacon (R$ 15,00). Por R$ 28,00, a segunda opção escala três hambúrgueres de 100 gramas cada um, cheddar, gorgonzola, mussarela e bacon no pão preto. O evento conta ainda com uma feirinha gastronômica e aula de como fazer sandubas. De 11 a 27/9/2015. Confira abaixo a programação completa: 18 de setembro – Aula de Mestre Sandubeiro Cozinha Profissional Nestlé Horário: 17h30 às 20h Vendas pelo site foodpass.com.br 17 de setembro – Feirinha Gastronômica – edição especial Sanduweek Marechal Food Park Rua Dr Albuquerque Lins, ao lado da estação Marechal Deodoro do metrô Das 11h às 21h Entrada Gratuita 15 e 22 – Sanduweek Route Ponto de partida: TBD Horário: 19h às 23h Vendas pelo site foodpass.com.br CASAS PARTICIPANTES 3B CATEGORIA STREET FOOD – R$ 15 Hambúrguer Ruby: Hambúrguer de fraldinha, tomate, molho cheddar vermelho, ketchup, pimentão confitado vermelho, cebola roxa confitada, no pão de hambúrguer vermelho. CATEGORIA FREESTYLE -  R$40 Hambúrguer Cocote: Hambúrguer de fraldinha, ovo mollet, rúcula, cogumelo roti, bacon roti defumado, beringela roti, queijo cabra, molho guacamole, no pão grande. SERVIÇO R. Jesuíno Arruda, 470 - Itaim-Bibi - (11) 3167-4145 All Tribes Burguer & Dog CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Vegano  Louco: Pão de hot dog, duas salsichas vegetal defumadas, carne louca vegetal ao molho de tomate, molho chilli vegano e batata palha . CATEGORIA FREESTYLE -  R$19,50 Burguer da Faria : Hambúrguer de carne de 150g, queijo prato, tomate, molho acebolado ao shoyo, rúcula, maionese temperada da casa, no pão de hambúrguer. SERVIÇO Av. Brig. Faria Lima, 1814 -  Jardim Paulistano - (11) 3034-2670 Barê CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Crisp Chicken Wrap: Wrap de frango empanado (com panko, parmesão e ervas), salada caprese e pesto de manjericão. Beach Burger CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Burger de Kafta: Hambúrguer de kafta, homus, alface e tabule, servido no pão clássico de hambúrguer CATEGORIA FREESTYLE -  R$32 Burger de Siri:  Hambúrguer de siri, tomate fresco, alface acompanhado de molho tártaro, no pão preto com gergelim SERVIÇO Al. Lorena, 1420 - Jardim Paulista - (11) 2628-7511 Bee.W Hostel Bar CATEGORIA STREET FOOD – R$15 BBQ Pulled Pork: Pernil de "estádio", assado por 6h e desfiado, servido com molho bbq da casa no pão francês. Acompanha batata rústica e maionese da casa. CATEGORIA FREESTYLE -  R$32 Mediterrâneo: Hambúrguer de fraldinha de 200g, abobrinha grelhada, cebola roxa, ricota temperada e um toque de hortelã, servido no pão de hambúrguer. Acompanha batata rústica e maionese da casa. SERVIÇO R. Haddock Lobo, 167 - Cerqueira Cesar - (11) 4328-6222 Big Kahuna Burger CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Chicken Freaken: Burger de frango empanado super crocante, queijo cheddar, tomate caquí, alface americana e maiones da casa no pão brioche. CATEGORIA FREESTYLE -  R$34,80 Corleone: Burger de 220g, muçarela de búfala, molho de tomate caseiro, pepperoni Pirineus e manjericão fresco no pão brioche. SERVIÇO Al. Lorena, 53 - Jardim Paulista - (11) 3051-6268 e (11) 4561-7670 Boog Burger CATEGORIA STREET FOOD – R$15 San Francisco: Pão de ervas, ovo, bacon, tomate, mix de alface com rúcula e mostarda Dijon Maille. Acompanha batata chips. CATEGORIA FREESTYLE -  R$22,70 Fresh Mushroom : Pão de ciabatta, pesto de rúcula, tomate seco, muçarela de búfala e cogumelo paris. Acompanha batata chips e mostarda Dijon Maille SERVIÇO Av. Engenheiro caetano Alvares, 1490 - Casa Verde - (11) 3857-2609 Brado CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Croque Monsieur: Sanduíche gratinado, recheado com variação de queijos, presunto e molho bechamel CATEGORIA FREESTYLE -  R$36 Brado Sanduweek: Peito bovino curado, picles, cebola roxa marinada, queijo suíço derretido e mostarda Dijon Maille SERVIÇO R. Joaquim Antunes, 381 - Pinheiros - (11) 3061-9293 Brewdog CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Chickenlicious: Frango empanado na farinha panko, coleslaw de carambola e maionese picante. CATEGORIA FREESTYLE -  R$30 Chili Burger: Hambúrger de 200g, cheddar, chilli com carne e sour cream SERVIÇO R. Coropés, 41 - Pinheiros - (11) 3037-4007 Brown Sugar CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Crispy Chicken: Pão italiano torrado, filé de frango empado e coleslaw. CATEGORIA FREESTYLE -  R$32 Pork Burger: Pão de brioche, blend de carnes de porco, cebola roxa caramelizada, rúcula e molho de mostarda especial. Acompanha batata frita. SERVIÇO R. Padre João Manoel, 1055 - Jardins - (11) 3063-4249 Buddies Burger & Beer CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Garlic Burger: Hambúrguer de 180g, pasta de alho assado, queijo e manteiga de ervas CATEGORIA FREESTYLE -  R$29 Buddies Burger: Hambúrguer de 180g com muçarela e molho de cerveja SERVIÇO R. Professor Atílio Innocenti, 419 - Itaim-Bibi - (11) 2373-8878 Bullguer CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Mister Frankfurt: Pão de hot-dog, salsicha Frankfurt, creme de mostarda Dijon Maille, pickles e cebola desidratada CATEGORIA FREESTYLE -  R$20 Sheik Cheddar: Pão de brioche, carne Black Angus, cebola assada, e cheddar SERVIÇO R. Diogo Jácome, 606 - Vila Nova Conceição  - (11) 3044-2757 Buraco Paulista CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Buraco da Roça:  Buraco quente de frango caipira com creme de milho. CATEGORIA FREESTYLE -  R$20 Buraco Americano: Buraco quente de pastrami com queijo muçarela e mostarda Dijon Maille. SERVIÇO Marechal Food Park – R. Dr. Albuquerque Lins, 504 - Santa Cecília Café Voyage CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Sanduíche Austrália: Pão australiano recheado com lagarto assado, queijo prato derretido e cebola caramelizada. Acompanha fritas ao alecrim ou mix de folhas ou coleslaw. CATEGORIA FREESTYLE -  R$32 Sanduíche Itália: Pão ciabatta recheado com presunto parma, queijo provolone derretido e pasta de ervas finas. Acompanha fritas ao alecrim ou mix de folhas ou coleslaw. SERVIÇO R. Professor Atílio Innocenti, 439 - Itaim Bibi - (11) 3045-5792 e (11) 3045-5831 Canto da Cerveja CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Caipirão: Frango caipira desossado e refogado com especiarias, quiabo da vó, queijo canastra massaricado, pico de gallo na broa de milho CATEGORIA FREESTYLE -  R$26 Pancetone: Hambúrguer de 150g de costela de Angus grelhado na lenha, pancceta crocante, creme de cambochant e queijo azul chevre do bosque, no pão tipo brioche SERVIÇO R. Dr. José Higini, 71 - Vila Oratório - (11) 3586-4942 Cervejaria Marengo CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Street Marengo: Pão francês recheado com cupim assado, cebola caramelizada no shoyo com manteiga e queijo fundido. CATEGORIA FREESTYLE -  R$30 Mamma Mia!: Pão ciabatta recheado com tiras grelhadas de abobrinha, berinjela e cebola temperadas ao molho pesto, cobertas com queijo brie e tiras de jámon crocante SERVIÇO R. Emilia Marengo, 161 - Tatuapé - (11) 2671-4871 Condessa CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Croc das Arábias: sanduíche com homus de berinjela grelhada e sumac no pão sírio integral CATEGORIA FREESTYLE -  R$35 Club Sandwich do Conde: sanduíche com crisp de presunto cru e mozarela de búfala no brioche SERVIÇO R. João Lourenço, 367 -  Vila Nova Conceição.   De mudança para R. Bueno Brandão, 66 - Vila Nova Conceição - (11) 3081-7204 Deli Deli CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Deli Pork Sandwich: Pao português especial, tostado na manteiga, maionese de pimenta "bhut jolokia", lombo suíno confitado com limão siciliano e cachaça envelhecida, baby rúcula, mix de cebolas roxas e cheiro verde. Acompanha água Perrier. CATEGORIA FREESTYLE -  R$35,90 Mignon na Baguette: Sanduíche de filé mignon grelhado com sal grosso, blend de queijo gruyère e prato PJ, pão baguette, com molho "mostardeli" da casa e servido com mix de folhas. Sua montagem é finalizada com uma cebola "confitada" e caramelizada em rapadura e cerveja escura IPA de Chicago. Acompanha mostarda Dijon Maille. SERVIÇO R. Leopoldo Couto Magalhães Jr., 671 - Itaim-Bibi - (11) 3071-3706 Herdade CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Raiz: Seleta de legumes orgânicos grelhados com queijo colonial, mel e alho negro. CATEGORIA FREESTYLE -  R$23 Maiale: Pão colonial com pernil marinado, pururuca e maçã caramelizada com gengibre SERVIÇO Av. Faria Lima, 4199 - Vila Nova Conceição - (11) 3849-0589 I Love Burger CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Fly: Filé de frango, alface lisa, tomate e coalhada com pepino e hortelã, no pão baguete CATEGORIA FREESTYLE -  R$24,75 Shine: Filé mignon empanado, catupiry com doritos, rúcula e maionese de bacon, no baguete de ciabatta SERVIÇO R. Amador Bueno, 767 - Sto. Amaro - (11) 2594-8845 Jorge Restaurante CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Tostex Vegetariano: Lâminas finas de abobrinha regadas com fio de azeite extra virgem, requeijão orgânico Nata da Serra, tomate e mozarela de búfala, no pão 5 grãos CATEGORIA FREESTYLE -  R$35 Sanduíche de Salmão Defumado: Salmão defumado lâminado, fatia fina de cebola roxa, raiz forte, pepino em conserva, alface americana, no pão de miga integral. SERVIÇO R. José Maria Lisboa, 1000 - Jardim Paulista - (11) 3088-9822 Las Vegas Grill CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Blackjack: Hambúrguer artesanal 150g, queijo muçarela, alface baby e molho mostarda e mel no pão australiano. CATEGORIA FREESTYLE -  R$30 Fullhouse:  Dois hambúrgueres artesanais de 150g, queijo emmental, maionese de mostarda Dijon Maille e batatas fritas no pão australiano. SERVIÇO Marechal Food Park – R. Dr. Albuquerque Lins, 504 - Santa Cecília Let's Burger CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Porky's: Hambúrguer de linguiça de pernil, acompanhado de molho vinagrete CATEGORIA FREESTYLE -  R$29 The Warriors: Hambúrguer de fraldinha, com molho barbecue, onion rinsg e molho de gorgonzola SERVIÇO R. Rafael Corrêa Sampaio, 899 - Bairro Santa Paula - São Caetano do Sul - (11) 2376-8861 Meat Chopper Burger CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Tweedy Burger: Hambúrguer de frango feito na casa, queijo prato, alface, tomate e o exclusivo molho Meat, no pão de hambúrguer tradicional. CATEGORIA FREESTYLE -  R$32 Dijon burger: Hambúrguer de 200g de carne, queijo gruyère, cebola roxa tostada, bacon crocante, rúcula, tomate e deliciosa maionese de mostarda Dijon Maille, no pão de hambúrguer preto SERVIÇO R. dos Pinheiros, 507 - Pinheiros - (11) 3081-5369 Mercearia do Conde CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Croc das Arábias: sanduíche com homus de berinjela grelhada e sumac no pão sírio integral CATEGORIA FREESTYLE -  R$35 Club Sandwich do Conde: sanduíche com crisp de presunto cru e mozarela de búfala no brioche SERVIÇO R. Joaquim Antunes, 217 - Pinheiros - (11) 3081-7204 Metrópole RestoBar CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Churrasquinho de Anjo: Criação única de carpaccio bovino feito na chapa, com queijo provolone e mix de ervas com molho Worcestershire em pão francês artesanal. CATEGORIA FREESTYLE -  R$25 Kobe Burguer Experience : Hambúrguer de kobe com queijo gouda, relish de pepino e farofa de bacon, no pão com gergelim negro SERVIÇO Av. Santa Marina, 626 - Barra Funda - (11) 3611-0642 Mondiale Restaurante CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Rib´s Burger: Pão de Milho, carne de costelinha suina, molho barbecue, queijo fundido, alface romana e mostarda Dijon Maille. CATEGORIA FREESTYLE -  R$20 Sanduíche de Angus: Pão preto com gergelim branco, carne bovina confitada, cebola caramelizada, molho de cogumelos e tomate seco e mini folhas. SERVIÇO Marechal Food Park – R. Dr. Albuquerque Lins, 504 - Santa Cecília Oficina do Hambúrguer CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Soja: Hambúrguer de soja, com cebola caramelizada no mel, shoyo e gengibre, no pão integral. CATEGORIA FREESTYLE -  R$29 : Hambúrguer especial de carne de 220g, ovo, bacon queijo muçarela, cebola frita e salada, no pão tradicional. SERVIÇO R. dos Otonis, 627 - Vila Mariana - (11) 4508-2206 Original Burger CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Original Sweet & Spyce: Suculento hambúrguer de fraldinha de 120g, queijo prato e um toque de geleia de pimenta. CATEGORIA FREESTYLE -  R$32 The Original Week: Sensacional hambúrger de costela bovina angus de 210g, combinação de queijos gorgonzola, muçarela e parmesão , cebolas caramelizadas, no legítimo pão australiano. SERVIÇO Av. Padre Antônio José dos Santos, 798 – Brooklin – (11) 5096-1956 Av. Diógenes Ribeiro de Lima, 2282 loja 10 - Alto de Pinheiros - (11) 3021-5207 R. República do Iraque, 1268 - Campo Belo - (11) 5049-1380 Pibus Hamburger CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Pibus Trembão Mineirão: Saborosíssimo e tradicional lanche de pernil da melhor qualidade,assado lentamente e coberto por molho especial feito a base de cebolas, tomates frescos, alho, pimentão verde e especiarias, no pão de queijo artesanal produzido na casa. CATEGORIA FREESTYLE -  R$35 Pibus Trembão Brunch: Delicioso sanduíche de pancetta, lombo defumado e bacon produzidos artesanalmente sobre uma cama de queijo gruyère e cobertos por um lindo ovo caipira, no pão de queijo artesanal produzido na casa. SERVIÇO Av. Presidente Juscelino Kubitschek, 819 - Itaim Bibi - (11) 3845-4627 / (11) 3846-5580 R. Apinajés, 847 - Perdizes - (11) 3868-4682 / (11) 2925-7436 / (11) 3863-9002 Pier 8 Bar e Restaurante CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Cubano: Pernil suíno marinado, presunto na chapa, queijo suíço, pickles e molho de mostarda Dijon Maille, servido na baguete com manteiga. CATEGORIA FREESTYLE -  R$25 Cupita: Cupim assado por 24h, creme de queijos, cebola roxa, pimentão grelhado e maionese caseira feita com mostarda Dijon Maille e pimenta dedo de moça. Servido no pão Pita SERVIÇO R. Leopoldo Couto de Magalhães Jr., 633 - Itaim-Bibi - (11) 2365-5759 Que Pankeka - Cuisine Contemporaine CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Wrap Caesar: Delicioso wrap de frango em cubos, alface, cream cheese e parmesão CATEGORIA FREESTYLE -  R$28,99 Wrap Dijon: Saboroso wrap de filé mignon, mostarda Dijon Maille suavizada com mel, lascas de ricota defumada, tomate e alface SERVIÇO R. Dr. Cesar, 938 – Santana - (11) 2959-2525 R. Borges Lagoa, 189 - Vila Mariana -  (11) 5549-5549 Santo Pão CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Grilled Olive Cheese: Mix de queijos derretidos no pão artesanal de azeitonas e alecrim tostado na chapa, acompanha dipping de tomate e manjericão. CATEGORIA FREESTYLE -  R$26 Piadina Santo Pão: Piadina multigrãos recheada com peito de frango marinado em ervas e especiarias e guacamole. SERVIÇO R. Padre João Manuel, 968 - Jardins - (11) 2309-5594 Seu Chalita o Árabe CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Shawarma de Frango: Tiras de frango cortadas na hora de um espeto giratório, acompanha alface, tomate, picles,batata com pasta de alho enrolado no pão pita. CATEGORIA FREESTYLE -  R$26,90 Beirute de Kafta Chalita: Pão pita feito na hora (saj), hambúrguer de 200g de kafta especial da casa, hommus, cebola caramelizada e molho de tahine do chef. Acompanha batata frita. SERVIÇO R. Tabapuã, 592, Itaim-Bibi - (11) 2361-9936 Stunt Burger CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Stunt Dog: Pão de hot dog especial na forma granulado com queijo, salsicha berna, uma pincelada de mostarda Dijon Maille, creme de gorgonzola ou cheddar (quem escolhe é o cliente), com farofa de bacon CATEGORIA FREESTYLE -  R$28 King Kong: Três hambúrgueres de 100g, com três queijos diferentes: creme de cheddar, creme de gorgonzola e muçarela natural, três fatias de bacon artesanal intercalada entre os hambúrgueres, no pão de hambúrguer preto. SERVIÇO R. José Jannarelli, 426 - Vila Progredior - (11) 3721-3538 Texas Grill Hot Dog CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Wild West: Salsicha frankfurter, mostarda Dijon Maille e vinagrete. CATEGORIA FREESTYLE -  R$20 Texas Ranger: Salsicha frankfurter, mostarda Dijon Maille, batata frita e queijo fundido, no pão de milho. SERVIÇO Marechal Food Park – R. Dr. Albuquerque Lins, 504 - Santa Cecília To Be CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Asian Healthy Wrap: Wrap quente de peito de frango, cenoura, abobrinha, broto de feijão e repolho temperado delicamente por um curry vermelho. CATEGORIA FREESTYLE -  R$31 Fresh Salmon Burger: Suculento hambúrguer de salmão temperado com mostarda Dijon Maille e ervas aromáticas servido com guacamole e cebola roxa no pão integral. SERVIÇO R. Ministro Jesuino Cardoso, 538 - Vila Nova Conceição - (11) 2628-2450 Tostex® CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Pernil Torrada Torrada: Pernil tradicional temperado com cebola, pimentão vermelho e queijo, com o toque da Luanda. CATEGORIA FREESTYLE -  R$13,90 Frango Especial : Frango desfiado, temperado com molho cremoso de manjericão, cebola roxa e muçarela. SERVIÇO SHOPPING CIDADE JARDIM: Av. Magalhães de Castro, 12000 - 2º PISO Segunda a sábado das 10h às 22h Domingo das 12h às 20h TOSTEX HIGIENÓPOLIS: R. Alagoas, 900 - Higienópolis Segunda a sexta das 7h às 22h Sábado das 7h às 20h SHOPPING PÁTIO PAULISTA: R. Treze de Maio, 1947 - PISO TREZE DE MAIO Segunda a sábado das 10h às 22h Domingo das 12h às 20h SHOPPING ELDORADO: Av. Rebouças, 3970 - 2º SUBSOLO – Pinheiros Segunda a sexta da 8h às 22h Sábado das 10h às 22h SHOPPING JK: Av. Presidente Juscelino Kubitschek, 2041 - PISO 3 - Itaim Bibi Segunda a sábado das 8h às 22h Domingo das 12h às 22h SHOPPING VILA OLÍMPIA: R. das Olimpíadas, 360 - PISO 2 - Vila Olímpia Segunda a sexta das 9h às 22h Sábado das 10h às 22h Domingo 13:30h às 20h BAIRRO PARAISO: R. Desembargador Eliseu Guilherme, 53 – Paraíso Segunda a Sexta das 8h às 20h Sábado das 9h às 17h PARQUE SHOPPING MAIA: Av. Bartholomeu de Carlos, nº 230 - PISO 2 - Jardim Flor da Montanha - Guarulhos – SP - (11) 3758-3485 Segunda a Sábado das 10h às 22h Domingo das 12h às 20h   Tri Burger CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Hawaiian Chicken Burger: Hambúrguer de frango empanado, levemente apimentado, alface americana e maionese da casa. CATEGORIA FREESTYLE -  R$27,99 Aloha Burger: Pão australiano, alface americana, cenoura ralada, repolho roxo, pepino, broto de alface, fatias de avocado e tomate. SERVIÇO R. Haddock Lobo, 351 - Santo André - (11) 2324-8055 Wings Burger CATEGORIA STREET FOOD – R$15 Wings Ka-boom: Hambúrguer de 150g de pernil suino, queijo cheddar, cebola caramelizada e molho barbecue no pão australiano do Wings CATEGORIA FREESTYLE -  R$27 Coliseo Burger: Hambúrguer de fraldinha de 230g, queijo mozzarella, tomate marinado, panceta crispy e maionese de pesto, no pão ciabatta do wings. SERVIÇO R. Agostinho Cantu, 47 - Butanta - (11) 99466-8393
    Saiba mais
  • Formada por atores, educadores e cientistas, a turma do Mad Science estimula o gosto pelo estudo da matéria através de eventos, feiras e peças de teatro que passam longe do tom monótono de algumas aulas na escola. O grupo, criado no Canadá há mais de vinte anos, chegou ao Brasil em 2008. Na trama do espetáculo O Grande Circo Científico, em cartaz no Espaço Promon, dois pesquisadores realizam experimentos malucos relacionados com o mundo do circo. Embora o fio narrativo seja muito fraco, os atores Tiago Prates e Gigi Bifulco divertem a plateia com carisma e mostram, por exemplo, como funcionam as explosões e outros princípios da física. A criançada se anima com cusparadas de fogo, malabarismos e jatos de serpentina. Trata-se de um lúdico show de interessantes demonstrações, com direito à participação ativa do público mirim. Estreou em 5/7/2015. Até 25/10/2015.
    Saiba mais
  • As melhores peças infantis em cartaz

    Atualizado em: 2.Set.2016

    Cinco atrações que conquistam a plateia
    Saiba mais
  • Nascida em Zurique, na Suíça, Mira Schendel (1919-1988) começou a produzir em maior volume depois de se mudar para São Paulo, em 1953. Os mais de trinta anos de experimentação resultaram em trabalhos delicados e frágeis, em forma de desenhos, instalações e pinturas. Apesar da produção incansável, boa parte das obras está nas mãos de colecionadores particulares, o que torna difícil o acesso ao grande público. Num esforço louvável, a Galeria Frente, espaço cultural aberto no último mês nos Jardins, conseguiu reunir 140 peças da artista, pertencentes a acervos privados, na exposição O Espaço Infindável de Mira Schendel, que inaugura oficialmente o local. O nome de Mira tem ganhado força nos últimos anos (e valor no mercado) devido a mostras como a retrospectiva realizada em 2014 na Pinacoteca, em parceria com a Tate Modern, de Londres, e uma significativa exibição no MoMA, de Nova York, em 2009. No evento paulistano, o visitante encontra uma série de Monotipias — desenhos a óleo feitos sobre papel-arroz — apresentadas presas em sanduíches de acrílico que ela mesma criou. Uma de suas marcas, as monotipias são objetos tão sutis que mais parecem joias suspensas no ar. Na série Bordados ficam claras as influências orientais, notáveis no uso do papel japonês e no desenho de mandalas. De 25/8/2015. Até 31/10/2015.
    Saiba mais
  • Comédia dramática

    Família Lyons
    VejaSP
    Sem avaliação
    Relações pessoais confrontadas com neuroses contemporâneas são a base da obra do dramaturgo americano Nicky Silver. Quem viu Pterodátilos, montado por Marco Nanini, Os Altruístas, com Mariana Ximenes, ou, mais recentemente, Adorável Garoto, dirigido por Maria Maya, pode encontrar pontos comuns para abordagens de difícil digestão. Comandada por Marcos Caruso, a montagem carioca Família Lyons, em cartaz no Teatro Anchieta, segue na trilha de traçar o perfil de um clã em descompasso, maquiando temas duros. Em estágio terminal de câncer, o pai (representado por Rogério Fróes) recebe a mulher fútil (interpretada por Suzana Faini), o filho gay (papel de Emilio Orciollo Netto) e a filha alcoólatra (vivida por Zulma Mercadante) no quarto do hospital. Desinteressados e tomados pela frieza, eles tornam seus problemas protagonistas da situação em detrimento do moribundo. A dramaturgia de Silver, calcada em diálogos ácidos e, em um primeiro momento, divertidos, confere contornos de tragicomédia ao espetáculo, principalmente no primeiro ato. Se, na segunda metade, o impacto se dilui, o ótimo desempenho de Suzana Faini camufla o caráter discutível da matriarca e conserva a empatia da plateia. Pedro Osório e Rose Lima completam o elenco. Estreou em 4/9/2015. Até 27/9/2015.
    Saiba mais
  • Instant Article

    Melhores peças em cartaz

    Atualizado em: 25.Nov.2016

    Veja algumas montagens que valem o ingresso
    Saiba mais
  • Monólogo dramático

    Eros Impuro
    VejaSP
    Sem avaliação
    O ator Jones de Abreu inicia a apresentação do monólogo dramático como se recepcionasse um convidado, sutilmente fixando o olhar em alguém do público e o convidando a ocupar o “melhor lugar”. O protagonista da peça escrita e dirigida por Sérgio Maggio é um artista plástico em preparação para mais um quadro. Aos domingos, ele costuma receber rapazes, muitos deles michês, para retratá-los em suas telas. O rosto nem sempre aparece nítido. Para o desenho do corpo, no entanto, uma maior atenção é dispensada. Jones de Abreu manuseia as tintas e começa a esboçar a imagem. Também artista plástico, o ator trava esse diálogo de linguagem e, ao mesmo tempo em que orienta seu modelo fictício, traz à tona fragmentos de sua vida para transformar dramaturgia. Jones de Abreu empresta ao personagem uma intensidade que valoriza o texto e proporciona diferentes leituras. A força de seu olhar leva o público a duvidar das intenções do personagem e, na segunda parte do espetáculo, oferece possibilidades que tanto podem emocionar como dar repulsa. A surpreendente delicadeza com que o tema do abuso infantil é levado à cena minimiza o peso, mas jamais esvazia a mensagem final. Para isso, mostra-se fundamental, além da interpretação de Abreu, a dramaturgia repleta de sutilezas e absolutamente imparcial. Em nenhum momento, a direção propõe um julgamento sobre os atos do protagonista. Pelo contrário. Coloca no palco uma história verossímil e passível de levantar debates sobre a violência. Estreou em 9/10/2013. Dias 16, 17, 18, 19 e 20/9/2015.
    Saiba mais
  • No ano passado, a atriz Marieta Severo causou comoção no Teatro Faap com a encenação brasileira de Incêndios, texto do libanês Wadji Mouawad. O público paulistano ganha a oportunidade de conhecer uma releitura desse drama, desta vez vinda do México, em uma curta temporada no Sesc Pompeia. Sob a direção de Hugo Arrevillaga Serrano, a montagem da companhia Tapioca Inn foi apresentada no Mirada — Festival Ibero-Americano de Artes Cênicas de Santos em 2012 e é centrada em Nawal (interpretada por Karina Gidi), que acaba de morrer. Trata-se de uma mulher de origem árabe que migra para o Ocidente com o casal de filhos gêmeos, Julia e Simón (representados pelos atores Jorge Léon e Rebecca Trejo). Ela deixa em testamento uma missão para ambos: encontrar o pai, que eles julgavam estar morto, e um irmão de quem nunca ouviram falar. Elementos da tragédia grega, aos poucos, são inseridos na trama e surpreendem o espectador. No elenco ainda estão os atores Pedro Mira, Alejandra Chacón, Javier Oliván, Concepción Márquez e Guillermo Villegas. De 17/9/2015. Até 27/9/2015.
    Saiba mais
  • Não são muitas as bandas contemporâneas de pop rock que transitam com desenvoltura pelo circuito FM. O OneRepublic pode dizer que faz parte desse enxuto time. Formado em 2002 e catapultado para o mainstream com o hit Apologize, de 2007, o grupo apresenta números superlativos. Exemplo: o clipe de Counting Stars, faixa lançada em 2013, contabiliza quase 1 bilhão de visualizações no YouTube. Há razão para tamanho sucesso. Além de membro da banda, Ryan Tedder (voz, guitarra, piano, violoncelo e percussão) tem tino certeiro para o que agrada ao público — o talento o fez tornar-se um nome requisitado pelo primeiro time do pop. Beyoncé, Adele e Taylor Swift aparecem entre as artistas que já solicitaram seus serviços. Elas não se arrependeram: o músico as atendeu, respectivamente, com as letras de Halo, Rumour Has It e Welcome to New York, integrantes da lista de canções mais bem-sucedidas da carreira das intérpretes. Com um estilo parecido com o do Coldplay, influência mais óbvia, o OneRepublic visita a cidade pela primeira vez, aproveitando a passagem pelo Rock in Rio. Dia 20/9/2015.
    Saiba mais
  • Com dezenas de referências a uma das comédias mais populares da década de 80, esta nova versão de Férias Frustradas usa todo tipo de estratégia para embarcar o espectador no túnel do tempo. Até os saudosistas, contudo, perigam torcer o nariz para uma homenagem vazia em vibração e graça. Comparar as duas fitas só aumenta o estrago. O hit de 1983 reunia um time cômico imbatível, liderado pelo comediante Chevy Chase (no papel do pai de família trapalhão), e tinha roteiro de John Hughes (autor de sucessos teen como Curtindo a Vida Adoidado). Já este misto de remake e atualização, apesar da certeira participação especial de Chase, foi escrito e dirigido pelos criadores do esquecível Quero Matar Meu Chefe. A trama, para piorar, tem sa bor de subproduto preguiçoso. Muitos anos depois da viagem atrapalhada da família Griswold, o filho do personagem de Chase (papel de Ed Helms) resolve reviver a infância e cair na estrada novamente, acompanhado da esposa (Christina Applegate) e de seus dois meninos. O destino, um parque nos moldes da Disneylândia, revela- se quase idêntico ao anterior. O humor, no entanto, desta vez vem a reboque de gags grosseiras e de personagens sem a graciosidade ingênua que caracterizava o original. Embora siga uma cartilha testada e aprovada, não deixará o público com saudade. Estreou em 10/9/2015.
    Saiba mais
  • Em janeiro de 1997, quando foi lançado Pequeno Dicionário Amoroso, o público lotou as salas para ver a “comédia do verão” dirigida por Sandra Werneck, que acertou a mão ao combinar astros da TV com uma narrativa agradável sobre um tema universal: o amor. Nesta sequência, Sandra retoma a relação entre Luiza (Andrea Beltrão), agora dona de uma galeria de arte, e o biólogo Gabriel (Daniel Dantas) e insere um núcleo jovem para dar frescor à trama. Dezoito anos se passaram e Gabriel divide o apartamento com uma mulher bem mais jovem (Fernanda de Freitas), numa comunhão despretensiosa. Luiza amarga um segundo casamento com um engenheiro (Marcello Airoldi) que a despreza. Ou seja, eles vão se reencontrar e dar mais uma chance ao antigo romance. E ter dois ótimos atores nas mãos é um truinfo e tanto! Corre em paralelo a história de Alice (Fernanda Vasconcellos), filha de Gabriel com a ex-mulher Bel (Gloria Pires), que vive dilemas ao se apaixonar por um homem e por uma garota ao mesmo tempo. Perdeu-se o encanto da história, mas as atuações ainda garantem uma sessão divertida. Estreou em 10/9/2015.
    Saiba mais
  • Cinquenta Tons de Cinza parece uma matinê ao ser comparado a Love, o filme de Gaspar Noé que chocou o Festival de Cannes deste ano ao mostrar um drama erótico repleto de sexo explícito. Sim, há, de fato, muitas cenas hardcore desde o primeiro minuto. O que não significa dizer que estamos diante de uma fita pornô com histórias banais. Como o título deixa claro, trata-se de um complexo jogo de amor que envolve duas mulheres e um homem. Murphy (interpretado por Karl Glusman) está infeliz com a vida que leva ao lado de Omi (Klara Kristin), com quem tem um bebê. Ao receber um telefonema da ex - sogra, desesperada devido ao sumiço da filha, o jovem desperta na memória o caso antigo com Electra (Aomi Muyock). A partir daí, a fita praticamente abandona o tempo presente para revelar ao espectador como se construiu a relação entre Murphy e Electra. Tudo teve início numa festa em um parque. Contagiados pela paixão adolescente, os dois decidem testar todos os limites: experimentar um triângulo amoroso, visitar uma casa de suingue por recomendação de um policial afeito à troca de casais e compartilhar o quarto com um travesti. E tudo em 3D! Noé, que já havia escandalizado o público com a longa cena de estupro de Irreversível, é bem sucedido ao oferecer um estudo do amor em atrito com as convenções sociais e sinalizar como ele pode ser intenso e nocivo. Mesmo que seja repetitivo — as posições mudam, mas o roteiro não sai do lugar —, Love é corajoso por não separar o sexo do amor. Estreou em 10/9/2015.
    Saiba mais
  • O  Festival Indie retorna ao CineSesc a partir de quarta (16/9). Dedicada à produção mundial independente, a mostra faz homenagem neste ano a dois cineastas: a russa Kira Muratova e o lituano Sharunas Bartas. Destaca-se na programação o documentário Eu Sou Ingrid Bergman, fita sueca sobre a lendária atriz. De 16 a 30/9/2015. Confira a programação: Quarta, 16 de setembro 20h30 - Paz para nós em nossos Sonhos (2015), de Sharunas Bartas (Abertura) Quinta, 17 de setembro 15h – Sete Irmãos Chineses (2015), de Bob Byington 16h30 - Chuva de Primavera (1958), de Kira Muratova e Oleksandr Muratov|Breves Encontros (1967), de Kira Muratova 19h  - Na Memória de um dia que se Foi (1990), de Sharunas Bartas|Três Dias (1991), de Sharunas Bartas 21h30 - La La La at Rock Bottom (2015), de Nobuhiro Yamashita Sexta, 18 de setembro 15h - 40 Dias em Silêncio (2014), de Saodat Ismailova 17h - O Longo Adeus (1971), de Kira Muratova 19h – O Corredor (1994), de Sharunas Bartas 21h30 - Tangerina (2015), de Sean Baker Sábado, 19 de setembro 15h - Pai e Filhos (2014), de Wang Bing 17h - Conhecendo o Grande  e Vasto Mundo (1978), de Kira Muratova 19h - Sete Homens Invisíveis (2005), de Sharunas Bartas 21h30 – Eu Sou Ingrid Bergman (2015), de Stig Björkman Domingo, 20 de setembro 15h - Até que eu Perca o Fôlego (2015), de Emine Emel Balci 17h - Paz para nós em nossos Sonhos (2015), de Sharunas Bartas 19h30 - Hill of Freedom (2014), de Hong Sang-Soo 21h - Cemitério do Ssplendor (2015), de Apichatpong Weerasethakul Segunda, 21 de setembro 15h - Para sempre no Espaço (2015), Greg W. Locke 17h30 - Mudança de Destino (1987), de Kira Muratova 19h30 - Alguns de Nós (1996), de Sharunas Bartas 21h30 - Contando (2015), de Jem Cohen Terça, 22 de setembro 15h - Paisagem com várias Luas (2014), de Jaan Toomik 17h- Liberdade (2000) , de Sharunas Bartas 19h - O Paraíso (2014), de Alain Cavalier 20h30 - Síndrome Astênica (1989), de Kira Muratova Quarta, 23 de setembro 15h- Três Dias (1991), de Sharunas Bartas 17h- Três Histórias (1997)|Carta para América (1999), de Kira Muratova 19h30 - Na Ventania (2014) , de Martti Helde 21h30 - Necktie Youth (2015), de Sibs Shongwe-La Mer Quinta, 24 de setembro 15h – O Corredor (1994), de Sharunas Bartas. 17h – Eterno Retorno (2012), de Kira Muratova Sexta, 25 de setembro 15h - A Ilha do Milharal (2014), de George Ovashvili 17h  - Conhecendo o Grande  e Vasto Mundo (1978), de Kira Muratova 19h - O Nativo da Eurásia (2010), de Sharunas Bartas 21h30 - É isso! (2015), de Sogo Ishii Sábado, 26 de setembro 15h - O Longo Adeus (1971), de Kira Muratova 17h - Poeta em Viagem de Negócios (2015), de Ju Anqi 19h  - A casa (1997), de Sharunas Bartas 21h30 - O Cheiro da Gente (2014), de Larry Clark Domingo, 27 de setembro 15h - O Nascimento do Saquê (2015), de Erik Shirai 19h30 - Liberdade (2000) , de Sharunas Bartas 21h30– O Tesouro (2015), de Corneliu Porumboiu Segunda, 28 de setembro 15h - Alguns de Nós (1996), de Sharunas Bartas 17h - Motores de Tchekhov (2002), de Kira Muratova 19h30 - Ponto de Fuga (2015), de Jakrawal Nilthamrong 21h30 - A vida de Jean-Marie (2015), de Peter Van Houten Terça, 29 de setembro 15h - Sete Homens Invisíveis (2005), de Sharunas Bartas 17h30 - Dois em Um (2007), de Kira Muratova 20h - O Movimento (2015), de Benjamin Naishtat 21h30 - Wasp (2014), de Philippe Audi-Dor Quarta, 30 de setembro 15h- A casa (1997), de Sharunas Bartas 17h30  - Chuva de Primavera (1958), de Kira Muratova e Oleksandr Muratov|Breves Encontros (1967), de Kira Muratova
    Saiba mais
  • Domingos Oliveira tem um jeito muito particular de filmar: passeia com a câmera como se estivesse espiando uma conversa de amigos. Em Infância, adaptação para o cinema da peça Do Fundo do Lago Escuro, ele resgata lembranças pessoais para contar a história de uma família que mora num casarão no Rio de Janeiro dos anos 50. Com apenas uma locação, a narrativa é centrada no garoto Rodriguinho (interpretado por Raul Guaraná), alter ego do cineasta. Às voltas com o sumiço de sua cadela, ele acompanha os dramas que se desenrolam em cada cômodo. O pai, Henrique (Paulo Betti), é acusado de vender os apartamentos da sogra e matriarca da família, Dona Mocinha (Fernanda Montenegro), enquanto o tio beberrão, Orlando (Ricardo Kosovski), dá em cima da empregada doméstica (Nanda Costa). À espera de um discurso, no rádio, do jornalista Carlos Lacerda contra Getúlio Vargas, Dona Mocinha põe ordem na casa com mão firme. O tom teatral de algumas cenas às vezes pesa na narrativa, mas Domingos é hábil em abordar em um microcosmo temas como amizade, amor e amadurecimento. Estreou em 10/9/2015.
    Saiba mais
  • Suspense

    Eu Nunca
    VejaSP
    Sem avaliação
    Escrito pelo ator e diretor Kauê Telloli aos 21 anos e produzido por Esmir Filho (de Os Famosos e os Duendes da Morte), o suspense adolescente narra o plano de dois primos, Guilherme (o próprio Kauê) e Thiago (Francisco Miguez), que escapam do enterro do avô rumo a um sítio perto de São Paulo. Antes de partirem, os dois ganham a companhia de Priscila (Samya Pascotto). O objetivo da viagem: diversão, bebida e, se possível, alguns beijos. Numa espécie de jogo, o trio reencena casos que se passaram no local, como a vez em que Guilherme flagrou o pai dando em cima da empregada doméstica. À medida que a noite avança, um clima de mistério surge na figura de um homem que ronda a casa no escuro. Uma brincadeira que dá errado deixa o clima ainda mais pesado. A opção por filmar com a câmera na mão, com os próprios atores posicionando a lente, funciona bem, apesar de não ser novidade. Girando em falso, sem saber exatamente para onde ir, a história perde força até o desfecho. Estreou em 10/9/2015.
    Saiba mais
  • De quinta (17) a 30 de setembro, a mostra A Nova Onda de François Truffaut exibe no Caixa Belas Artes dezessete filmes do cineasta francês. No primeiro dia de exibição, a obra-prima Os Incompreendidos, longa de estreia de Truffaut, rodado em 1959, terá sessão. De 17 a 30/9/2015. Confira a programação: Quinta, 17 de setembro 14h30 - Beijos Proibidos (1968) 16h30 - Os Incompreendidos (1959) 18h30 - O Último Metrô (1980) 21h - Amor em Fuga (1979) Sexta, 18 de setembro 14h30 - Atirem no Pianista (1960) 16h30 - Beijos Proibidos (1968) 18h30 - Jules e Jim – Uma Mulher para Dois (1962) 21h - Domicílio Conjugal (1970) Sábado, 19 de setembro 14h30 - Os Incompreendidos (1959) 16h30 - Domicílio Conjugal (1970) 18h30 - O Último Metrô (1980) 21h - Jules e Jim – Uma Mulher para Dois (1962) Domingo, 20 de setembro 14h30 - Jules e Jim – Uma Mulher para Dois (1962) 16h40 - O Último Metrô (1980) 19h - Os Incompreendidos (1959) 20h50 - Beijos Proibidos (1968) Segunda, 21 de setembro 14h30 - Amor em Fuga (1979) 16h30 - Jules e Jim – Uma Mulher para Dois (1962) 18h40 - Domicílio Conjugal (1970) 20h40 - Os Incompreendidos (1959) Terça, 22 de setembro 14h20 - Jules e Jim – Uma Mulher para Dois (1962) 16h30 - Domicílio Conjugal (1970) 18h30 - Amor em Fuga (1979) 20h30 - Atirem no Pianista (1960) Quarta, 23 de setembro 14h30 - O Último Metrô (1980) 17h - Beijos Proibidos (1968) 18h50 - Atirem no Pianista (1960) 20h30 - Amor em Fuga (1979)
    Saiba mais
  • Não espere uma narrativa convencional no drama francês La Sapienza. O diretor Eugène Green, nascido nos Estados Unidos e radicado na França, filma à maneira do português Manoel de Oliveira, inserindo nos diálogos discussões sobre a riqueza cultural da Europa, da arquitetura à literatura. O enredo tem início em Paris, onde o prestigiado arquiteto Alexandre Schmidt (Fabrizio Rongione) acaba de ser laureado. Ao lado da esposa, Aliénor (Christelle Prot), ele viaja para a Itália a fm de completar um livro sobre o arquiteto barroco Francesco Borromini (1599-1667). Por acaso, o casal encontra dois irmãos, Gof fredo (Ludovico Succio) e Lavinia (Arianna Nastro). Ele é estudante de arquitetura e, por insistência de Aliénor, acompanha Schmidt em visitas a igrejas e monumentos. Sua irmã sofre de estranhos desmaios e passa a receber o cuidado de Aliénor. Em meio a paisagens deslumbrantes, registradas por Green com um rigor simétrico, os personagens discutem o amor, a história e a arte. Estreou em 10/9/2015.
    Saiba mais
  • Documentário

    Homem Comum
    VejaSP
    Sem avaliação
    Em 1996, o diretor Carlos Nader decidiu rodar um filme em que pegava carona em viagens com caminhoneiros e tentava introduzir na conversa questões existenciais sobre o sentido da vida e o absurdo do cotidiano. Deparou, no entanto, com o silêncio dos entrevistados, pouco dispostos a se aprofundar nesse tipo de assunto. O projeto serviu, por outro lado, para o cineasta conhecer o paranaense Nilson de Paula, figura central do documentário Homem Comum, com quem conviveu (e filmou) ao longo de vinte anos. O espectador vê uma amizade nascer entre os dois, passando pela morte da esposa de Nilson e pela relação conflituosa com a filha. Aos moldes do mestre Eduardo Coutinho, Nader conduz a narrativa fazendo perguntas aparentemente simples, mas que tocam em temas essenciais, como a morte. Trechos do filme A Palavra (1955), do dinamarquês Carl Theodor Dreyer, são intercalados à trajetória de Nilson, gerando associações intrigantes. Estreou em 10/9/2015.
    Saiba mais
  • Com foco em como é realizada a combinação das cenas em um filme, a mostra Cinema de Montagem reúne no Caixa Belas Artes 21 obras, entre produções nacionais e de países como França, Japão e Rússia. Exibições raras compõem a programação, a exemplo de O Cremador, do checo Juraj Herz, com sessão neste sábado (12/9), às 23h30. De 10 a 23/9/2015. Confira a programação: Quinta, 10 de setembro 18h30 - Limite (1931), de Mário Peixoto Sexta, 11 de setembro 14h - Mesa Edt., com Rogério Frota, Daniel Garcia 16h - Sessão de Curtas: O Dedo (6’) | Lição de Leitura (10’) | O Beijo (6’) | Cristal (14’) | Conferência (8’) | O Som ou Tratado de Harmonia (18’) 18h30 - Edvard Munch (1974), de Peter Watkins Sábado, 12 de setembro 16h - Mesa Montadores, com Willen Dias, André Finotti e Veronica Saenz 18h30 - Imagens da Prisão (2000), de Harun Farocki 23h30 - O Cremador (1969), de Juraj Herz Domingo, 13 de setembro 14h – Mesa Montagem/Linguagem – Convidados: Kiko Goifmam, Cristina Amaral e Carlos Adriano 16h – 71 Fragmentos (1994), de Michale Haneke 18h30 – Eu Te Amo, Eu Te Amo (1968), de Alain Resnais Segunda, 14 de setembro 16h - Sessão de Curtas: O Dedo (6’) | Lição de Leitura (10’) | O Beijo (6’) | Cristal (14’) | Conferência (8’) | O Som ou Tratado de Harmonia (18’) 18h30 - Edvard Munch (1974), de Peter Watkins Terça, 15 de setembro 16h - Imagens da Prisão (2000), de Harun Farocki 18h30 - O Fundo do Ar É Vermelho (1977), de Chris Marker Quarta, 16 de setembro 16h - Jardins Cinzentos (1975), de Albert Maysles, David Maysles, Ellen Hovde e Muffie Meyer 18h30 - Outubro (1928), de Sergei Einsestein e Grigori Aleksandrow Quinta, 17 de setembro 16h - O Signo do Caos (2005), de Rogério Sganzelar 18h30 - Filme É uma Garota e uma Arma (2009), de Gustav Deutsch Sexta, 18 de setembro 16h - História do Cinema 1 (1988-1998), de Jean-Luc Godard 18h30 - História do Cinema 2 (1988-1998 ), de Jean-Luc Godard Sábado, 19 de setembro 16h - Master Class com Michael Wahrmann 18h30 - Sessão de Curtas: O Dedo (6’) | Lição de Leitura (10’) | O Beijo (6’) | Cristal (14’) | Conferência (8’) | O Som ou Tratado de Harmonia (18’) 23h30 - Onde Jaz o teu Sorriso? (2001), de Pedro Costa Domingo, 20 de setembro 14h - Master Class com Paulo Sacramento e Idê Lacreta 16h - O Fundo do Ar É Vermelho (1977), de Chris Marker 19h30 - Uma Página de Loucura (1926), de Teinosuke Kinugasa Segunda, 21 de setembro 16h - Filme É uma Garota e uma Arma (2009), de Gustav Deutsch 18h30 - 71 Fragmentos (1994), de Michale Haneke Terça, 22 de setembro 16h - Imagens da Prisão (2000), de Harun Farocki 18h30 - Onde Jaz o teu Sorriso? (2001), de Pedro Costa Quarta, 23 de setembro 16h - Outubro (1928), de Sergei Einsestein e Grigori Aleksandrow 18h30 - Encurralado (1971), de Steven Spielberg
    Saiba mais
  • Comédia dramática

    Saiba quais são os melhores filmes em cartaz

    Atualizado em: 1.Dez.2016

    O crítico Miguel Barbieri Jr. selecionou as produções mais bem avaliadas
    Saiba mais
  • Clubes / Praças

    Cinema de bairro

    Atualizado em: 11.Set.2015

Fonte: VEJA SÃO PAULO