Show

Musical da Disney é febre entre pré-adolescentes

O show High School Musical leva multidão no Estádio do Morumbi

Por: Maria Fernanda Ziegler - Atualizado em

Bambambã do time de basquete da escola, um rapaz conhece uma menina estudiosa num karaokê. Os dois se apaixonam e participam juntos de um musical do colégio. Enquanto enfrentam o preconceito tanto da turma dele quanto da dela, soltam o gogó em duetos açucarados. A história é beeeem manjada, mas caiu no gosto dos pré-adolescentes. Desde que estreou na TV paga, no ano passado, o telefilme High School Musical foi visto por mais de 500 000 pessoas. É o maior sucesso da história do Disney Channel. De CDs a álbum de figurinhas, vários subprodutos foram lançados com a marca. O show baseado no longa, com elenco americano, chega ao estádio do Morumbi neste domingo (20). Com ingressos entre 100 e 600 reais, o espetáculo deve reunir 45 000 fãs do fenômeno, como a estudante Beatriz Consolin, de 11 anos. "Vi o filme três vezes e sei todas as músicas de cor", diz ela. Entre suas amigas, esse era praticamente o único assunto na semana passada. "Fui à Disney no feriado de 1º de maio e fiz questão de assistir ao show", conta Nicolle Batista. Dona de uma comunidade no Orkut dedicada ao galã do filme, Stephanie Golovatei, de 13 anos, comprou seu ingresso há um mês. Nem a ausência de Zac Efron, que interpreta o mocinho Troy (substituído pelo ator Drew Seeley), chegou a desanimá-la. "Vou chegar cedo para garantir um lugar bem pertinho do palco", promete. Não é a dupla de colegiais apaixonados, no entanto, que faz mais sucesso por aqui. Quem conta com o maior número de fãs é a vilã Sharpey Evans, vivida pela loirinha Ashley Tisdale. "Gosto muito daquele ar exibido e do estilo moderninho da Sharpey", afirma Guilherme Antoniolli, de 17 anos, vice-presidente do fã-clube dedicado à estrela. "Acho ela super na moda." Vem mais por aí. A segunda parte da história deve ir ao ar em agosto nos Estados Unidos e até outubro no Brasil.

Fonte: VEJA SÃO PAULO