Cidade

Multas na Zona Azul serão canceladas

O novo bilhete para estacionar em área restrita subiu de 3 reais para 5 reais; mudança no valor provocou a falta de talões em pontos da cidade

Por: Redação VEJASAOPAULO.COM - Atualizado em

Os motoristas que não encontrarem bilhetes de Zona Azul para comprar ficarão isentos de multas. A informação foi confirmada pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). Entretanto, para não pagar a infração, o condutor precisará recorrer por escrito, informando o posto e o horário que tentou adquirir o talão.

Na última sexta-feira (1), o valor do bilhete subiu de 3 reais para 5 reais. Por conta da mudança, muitos paulistanos não encontraram nos pontos de vendas os talões para comprar. A multa para quem for flagrado sem o bilhete é de 85,12 reais, além de quatro pontos na CNH.

+ Secretaria descarta risco de ebola em africano que chegou a São Paulo

Vale lembrar que as folhas com o preço antigo vão valer até o final do ano. Após o período, os motoristas poderão resgatar o valor dos bilhetes antigos por 2,80 reais cada. Entretanto, os locais para a troca ainda não foram divulgados.

Segundo a CET, o último aumento havia sido em outubro de 2009. Para a formação do novo valor, a empresa afirma que utilizou como base de cálculo os índices inflacionários do período. Isso justificaria o reajuste acima dos 60%.

+ Confira o que acontece na cidade

A cidade tem atualmente 38 954 pontos de estacionamento que exigem a utilização do bilhete, que vale por uma hora. O veículo pode ficar na vaga por até duas horas, mas é preciso trocar o cartão.

Fonte: VEJA SÃO PAULO