Acidente

Mulher perde braço após ser empurrada nos trilhos do metrô da Sé

Maria da Conceição de Oliveira está internada na Santa Casa; o acidente aconteceu no dia do aniversário de 27 anos da encarregada

Por: Redação VEJASAOPAULO.COM - Atualizado em

A encarregada Maria da Conceição de Oliveira, de 27 anos, teve o braço direito amputado após cair nos trilhos do metrô na estação da Sé, no centro de São Paulo, na manhã de terça-feira (25). Testemunhas disseram que ela foi empurrada por um homem que aparentava ter distúrbios mentais. O caso é investigado pela Delegacia de Polícia do Metropolitano (Delpom). 

+ Suspeito de empurrar mulher nos trilhos do metrô é preso

O acidente aconteceu às 7h16, horário de pico na estação mais movimentada do sistema, onde circulam cerca de 1 milhão de pessoas por dia. Maria da Conceição foi levada para a Santa Casa, onde passou por uma cirurgia. 

+ Passageiros se jogam nos trilhos da CPTM para embarcar no trem

Por causa da gravidade da lesão, os médicos precisaram amputar o braço. O hospital ainda não sabe se será possível reimplantar o membro. O estado de saúde de Maria  é estável. Segundo o hospital, ela está consciente e respira sem a ajuda de aparelhos. Entretanto, passa por tratamento por causa de fraturas na costela.

Maria completou 27 anos no dia do acidente. Casada, ela mora na Vila Guilherme.

Fonte: VEJA SÃO PAULO