Internacional

Mulher espanca e deixa sem roupa suposta amante do marido

Caso de agressão ocorreu na China e chamou a atenção da população local

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

chinesa espancada
Chinesa é espancada na rua por mulher que a reconhece como amante de seu marido (Foto: Reprodução)

Com a ajuda de duas amigas, uma mulher espancou a amante de seu marido em plena luz do dia. A confusão chamou a atenção dos pedestres que passavam por uma das ruas mais movimentadas da cidade de Puyang, região central da China.

+ Apresentadora que cometeu gafe ao vivo é demitida

+ Ministra da Saúde da Bélgica é questionada por seu peso

A briga começou quando a chinesa Lin Yao Li, de 38 anos, foi vista pela esposa traída, enquanto saía de um supermercado. A agressora - que não teve o nome divulgado - partiu para cima da mulher, dando tapas e puxando seus cabelos. Tudo foi gravado e o vídeo acabou visto por milhares de pessoas na China:

Na imagens, é possível ver Lin sendo jogada na calçada em meio a uma multidão que passava pelo local e incentivava a violência. Lin foi agredida por alguns minutos, levou chutes, tapas e teve as roupas arrancadas, enquanto gritava e se contorcia de dor.

+ Confira as últimas notícias de VEJASAOPAULO.COM

A confusão só acabou quando dois homens intervieram e salvaram a mulher. Um deles é Ju Feng, de 30 anos. Segundo ele disse ao jornal britânico Daily Mail, esse tipo de briga, que termina em espacamento de amantes, têm sido corriqueiros na China.

A maioria não socorre, diz ele, por considerar genuíno o ataque de vingança pela mulheres traidas. "Consideram que uma mulher não pode interferir no casamento alheio e merece ser punida", comenta.

As mulheres disseram que Lin teria transado com o marido da amiga e mais três homens. Segundo o jornal, após o ocorrido, a vítima teve de implorar para ser levada numa ambulância. Inclusive, no hospital, alguns médicos se recusaram a atendê-la. A mulher teve lesões graves na cabeça e várias escoriações pelo corpo.

Brasil

Em setembro, um caso envolvendo uma suposta traição chamou a atenção em São Paulo. Um vídeo que foi parar na internet mostra uma jovem torturando outra garota por suspeitar ter sido traída pelo namorado em Praia Grande, no litoral paulista. No vídeo, ela xinga, agride e, em cenas chocantes, apaga um cigarro no rosto da vítima. A polícia da cidade começou uma investigação depois que o vídeo chegou às autoridades.

Fonte: VEJA SÃO PAULO