Concertos

Mozarteum Brasileiro abre venda de ingressos avulsos

 A soprano inglesa Ania Vegry, a Orquestra Sinfônica Nacional da Lituânia e a Orquestra Sinfônica NDR, da Alemanha, são os destaques da temporada 2013

Por: Redação VEJINHA.COM - Atualizado em

Anja Vegry
A soprano inglesa Ania Vegry: temporada 2013 do Mozarteum Brasileiro (Foto: Divulgação)

O Mozarteum Brasileiro abriu a venda de ingressos avulsos para sua temporada de 2013. Os destaques deste ano são as apresentações da soprano inglesa Ania Vegry, da Orquestra Sinfônica Nacional da Lituânia e da Orquestra Sinfônica NDR, da Alemanha.

Os preços para as primeiras datas estão definidos. Nos dias 13 e 14 de abril, variam entre R$ 120,00 e R$ 300,00. Já nos dias 29 e 30 de abril, entre R$ 80,00 e R$ 200,00. A compra deve ser feita pelo telefone (11) 3815-6377, de segunda a sexta, das 9h às 18h, no mesmo horário no próprio Mozarteum ou pelo site da Ingresso Rápido. Também já estão disponíveis os pacotes para quem pretende fazer a renovação da assinatura ou para aqueles que desejam adquirir uma. Os valores vão de R$ 710,00 a R$ 1.750,00.

A nova agenda teve início com a performance da mezzo-soprano búlgara Vesselina Kasarova. O mês de abril traz também os concertos da Sinfônica da Lituânia e do Curtis On Tour, quarteto formado por alunos e professores do Instituto Curtis da Filadélfia (EUA).

+ Veja o calendário 2013 da Osesp

Em junho é a vez do Menuhim Trio, composto por músicos de diferentes países: o violoncelista alemão Leonard Elschenbroich, a violinista escocesa Nicola Benedetti e o pianista russo Alexei Grynyuk.

Sob a regência do maestro Paavo Järvi, a Filarmônica de Câmara Alemã de Bremen executa, em quatro concertos no mês de agosto, o ciclo das nove sinfonias de Beethoven.

Já em setembro e outubro, o programa anuncia Ania Vegry e NDR, respectivamente. Fecha a temporada, em 5 de novembro, a Orquestra Sinfônica de Bucareste (Romênia), regida por Benoît Fromanger.

As apresentações de 2013 serão realizadas na Sala São Paulo e no Teatro Municipal. A Orquestra Sinfônica NDR também poderá ser vista no Auditório do Ibirapuera.

Fonte: VEJA SÃO PAULO