trânsito

Motorista alcoolizado dirige na contramão e causa morte na Dutra

Acidente aconteceu por volta da meia-noite na altura do quilômetro 212, em Guarulhos 

Por: Estadão Conteúdo

Dutra
Rodovia Presidente Dutra: motorista dirigiu na contramão (Foto: Erick Florio/Futura Press/Folhapress)

Um homem de 25 anos foi preso em flagrante na madrugada desta sexta (1º) por dirigir embriagado, trafegar na contramão na rodovia Presidente Dutra e causar a morte de um motorista de 48 anos. O acidente aconteceu por volta da meia noite no quilômetro 212, em Guarulhos, na Grande São Paulo.

+ Universitário morre baleado após tentativa de assalto

De acordo com informações da Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP), a Polícia Rodoviária Federal foi acionada por testemunhas que teriam visto o carro trafegando na contramão na pista expressa da rodovia, sentido capital.

Testemunhas disseram ter visto o momento em que Antonio Arnaldo de Lima deparou com o motorista na contramão. Ele teria tentado desviar, mas acabou batendo contra uma mureta e, em seguida, colidindo com o veículo que estava no sentido contrário. Lima morreu no local do acidente.

De acordo com a SSP, o motorista que estava na contramão, um boliviano, apresentava sinais de embriaguez e confessou aos policiais que atenderam a ocorrência que teria ingerido bebidas alcoólicas. Ele foi submetido ao teste do bafômetro que constatou que tinha 0,83 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelo pulmão. O máximo permitido é 0,05 mg. Se o motorista ultrapassar 0,33 é preso em flagrante por crime de trânsito.

O motorista foi preso em flagrante e é acusado de dirigir embriagado e assumir o risco de causar o acidente que matou o condutor do outro veículo. O caso foi registrado no 7º DP de Guarulhos.

Fonte: VEJA SÃO PAULO