Exposições

Três mostras de brasileiros que viveram no exterior

Confira os trabalhos de Rossini Perez, Lucy Citti Ferreira e Maria Martins

Por: Jonas Lopes - Atualizado em

Rossini Perez
Rossini Perez (Foto: Divulgação)

✪✪✪ Rossini Perez

O potiguar, que viveu em Paris de 1962 a 1972, tem 88 gravuras exibidas. Estação Pinacoteca, próximo a estação Luz (Linha 1-Azul). Terça a domingo e feriados, 10h às 18h. R$ 6,00. A bilheteria fecha meia hora antes. Grátis aos sábados. Até 22 de setembro.

✪✪✪ Lucy Citti Ferreira

Lucy Citti Ferreira
Lucy Citti Ferreira (Foto: Isabella Matheus)

Essa pintora paulistana passou a infância e a juventude entre Itália e França. Voltou para o Brasil em 1934 e tornou-se aluna de Lasar Segall, de quem absorveu várias características estéticas. Paris serviu de casa à artista de 1947 até sua morte, em 2008. Cinquenta telas e desenhos de Lucy compõem a seleção. Pinacoteca do Estado, próximo estação Luz (Linha 1-Azul). Terça, quarta, sexta a domingo e feriados, 10h às 18h; quinta, até 22h. R$ 6,00. A bilheteria fecha meia hora antes. Grátis aos sábados e a partir das 17h às quintas. Até 20 de outubro.

✪✪✪ Maria Martins

Maria Martins
Maria Martins (Foto: Vicente de Mello)

Casada com o diplomata Carlos Martins, a escultora mineira rodou por Bélgica, Dinamarca e Japão. Viveu de 1939 a 1948 em Washington, onde o marido foi embaixador, e em Paris de 1948 a 1950, quando retornou ao Brasil. A retrospectiva do MAM reúne esculturas, cerâmicas e gravuras. MAM. Parque do Ibirapuera, portão 3. Terça a domingo e feriados, 10h às 18h. A bilheteria fecha meia hora antes. R$ 6,00. Grátis aos domingos para todos; nos demais dias, apenas para menores de 10 anos e pes soas com mais de 65. Até 15 de setembro.

Fonte: VEJA SÃO PAULO