Salas de cinema

Quinze filmes para a última semana da Mostra de São Paulo

Uma seleção para você aproveitar, deste sábado (27) a quinta (1º), o mais importante evento cinematográfico do ano

Por: Miguel Barbieri Jr. - Atualizado em

O Amante da Rainha
'O Amante da Rainha': candidato da Dinamarca a uma indicação ao Oscar (Foto: Divulgação)

O AMANTE DA RAINHA: A Dinamarca preferiu indicar este drama de época, e não o perturbador A Caça (também presente na Mostra), para uma vaga ao Oscar 2013 de melhor filme estrangeiro. Trata-se de uma requintada produção ambientada no século XVIII que mostra o envolvimento de Carolina Matilde da Grã-Bretanha, a jovem rainha dinamarquesa, com o médico da corte e confidente de seu marido, o rei Cristiano VII. Neste sábado (27), 22h (Frei Caneca 6); neste domingo (28), 21h30 (Frei Caneca 4); quarta (31),14h (Cinemateca).

Aos 80
'Aos 80': comovente romance (Foto: Divulgação)

AOS 80: Viúva, Rosa tem 80 anos e apenas seis meses devida por causa de um câncer terminal. Seu triste destino, porém, sofre um revés quando ela conhece Bruno, um senhor da mesma idade, e se apaixona por ele. Embora casado, Bruno decide namorá-la e enfrentar a revolta da esposa e dos filhos. Estrelado pelos ótimos Karl Merkatz e Christine Ostermayer (na foto), o comovente romance austríaco mostra de forma natural e convincente a paixão e o sexo entre idosos.Terça (30), 21h (Eldorado 7).

Era uma Vez no Oeste
'Era uma Vez no Oeste': obra-prima de Sergio Leone (Foto: Divulgação)

ERA UMA VEZ NO OESTE: A tela do cinema é o melhor lugar para ver ou rever esta obra-prima do diretor italiano Sergio Leone (1929-1989). Realizado em 1968, o faroeste resistiu ao tempo com sua trama de vingança. Nela, uma ex-prostituta recém-casada (papel de Claudia Cardinale) chega à fazenda de seu marido e descobre que ele foi morto. Embora corajosa, ela terá ajuda para enfrentar rivais na disputa das terras. Grandes atuações de Henry Fonda, Charles Bronson e Jason Robards, além da memorável trilha sonora de Ennio Morricone, marcam a fita. Terça (30),19h40 (Cine Livraria Cultura 1); quarta (31), 15h (Cinemateca); quinta(1º), 14h40 (Frei Caneca 2).

A Feiticeira da Guerra
'A Feiticeira da Guerra': prêmio de melhor atriz em Berlim (Foto: Divulgação)

A FEITICEIRA DA GUERRA: Filmado no Congo pelo diretor Kim Nguyen, o drama é o candidato do Canadá a uma vaga no Oscar. Rachel Mwanza levou o prêmio de melhor atriz no Festival de Berlim no papel de Komona, uma garota que perdeu os pais, mortos numa guerra civil na África. Para piorar, a protagonista, embora criança, é recrutada para pegar em armas e servir sexualmente seu comandante. Segunda (29), 19h (Cidade Jardim 6).

Bergman & Magnani
'Bergman e Magnani': história de amor controversa (Foto: Divulgação)

BERGMAN & MAGNANI: Uma das histórias de amor mais polêmicas dos bastidores do cinema é dissecada pelo diretor Francesco Patierno. O foco está no triângulo amoroso formado pelo cineasta Roberto Rossellini e por duas atrizes: a sueca Ingrid Bergman e a italiana Anna Magnani. Depois de abandonar Anna, o realizador deu início a um tumultuado romance com Ingrid durante as filmagens de Stromboli (1950). Na mesma ilha da Sicília onde o casal rodava a fita, Anna atuava em Vulcano. Neste sábado(27), 15h40 (Espaço Itaú de Cinema 3); segunda (29), 16h (Cine Livraria Cultura 2); quinta (1º), 21h (Frei Caneca 5).

Os Descrentes
'Os Descrentes': intolerância religiosa em longa de estreia (Foto: Divulgação)

OS DESCRENTES: Em seu primeiro longa-metragem, o diretor marroquino Mohcine Besri aborda um assunto bastante atual: a intolerância dos muçulmanos radicais. Na trama, um grupo de artistas segue para Marrakesh a fim de apresentar seu novo espetáculo. Algo inesperado, porém, ocorre no meio do caminho. Eles são sequestrados por três islâmicos, que não aceitam a forma liberal como vivem. A partir daí, os atores ficam à espera de um telefonema que vai decidir o destino deles. Neste domingo (28), 20h40 (Frei Caneca 6); segunda(29), 22h20 (Frei Caneca 3); quarta (31), 19h (Cinusp).

 Amor É Tudo o que Você Precisa
'Love is All You Need': com tons românticos (Foto: Divulgação)

LOVE IS ALL YOU NEED: Susanne Bier é a diretora dinamarquesa de Em um Mundo Melhor, premiado com o Oscar 2011 de melhor filme estrangeiro. Em um registro mais romântico, a realizadora aborda o encontro de um inglês viúvo (Pierce Brosnan) com uma cabeleireira dinamarquesa às voltas com sessões de quimioterapia. Segunda (29), 14h (Frei Caneca 3); terça (30), 21h (Reserva Cultural 1).

Hemel
'Hemel': drama com toques eróticos (Foto: Divulgação)

HEMEL: Ousada, a diretora holandesa Sacha Polak faz um registro feminino com delicados toques eróticos. Hemel é uma jovem que, entre o amor e o sexo, fica sempre com a segunda opção. Seus encontros são calorosos e de apenas uma noite. Mesmo quando conhece um homem carinhoso e ideal, não consegue manter o romance. Sua liberdade sexual, porém, está ligada ao passado com seu pai, com quem possui uma relação muito próxima. Terça (30), 22h20 (Frei Caneca 6); quinta (1º), 21h10 (Cine Livraria Cultura 2).

O Cordeiro
'O Cordeiro': o trunfo é o roteiro (Foto: Divulgação)

O CORDEIRO: Entre a tragicomédia e o drama, a fita inglesa acerta no roteiro enxuto e na sintonia entre os dois protagonistas. Liz (Aoife Duffin) é tão drogada quanto seu namorado. Quando o pai dele, Eddie (Nigel O’Neill), pede a Liz para ser sua motorista numa missão de risco, ela aceita a contragosto. Eles devem buscar um cordeiro e levá-lo até traficantes. A jornada será pontilhada de humor, ternura e surpresas. Neste domingo (28), 17h (Frei Caneca 6); quinta (1º), 16h (Cine Sabesp).

La Demora
'La Demora': aposta uruguaia para o Oscar (Foto: Divulgação)

LA DEMORA: Rodrigo Plá, diretor uruguaio doirregular Zona do Crime (2007),se sai melhor no seu terceiro longametragem. Enxuta, comovente e de uma cruel realidade, a história aborda o dilema de María. Desempregada, ela tem despesas com os três filhos e ainda precisa cuidar do velho pai (Carlos Vallarino, na foto), que já apresenta sinais de esquecimento. Sem saída a curto prazo, María vai tomar uma drástica decisão. O filme é o candidato do Uruguai ao Oscar de filme estrangeiro. Segunda (29), 19h (Metrô Santa Cruz 2); terça (30), 22h (CineSesc); quarta (31), 20h50 (MIS).

Transpapa
'Transpapa': assunto pesado tratado com leveza (Foto: Divulgação)

TRANSPAPA: A simpática comédia dramática alemã traz um assunto pesado, porém tratado com leveza e humor. Adolescente de Berlim, Maren quer saber quem é seu pai. Eis, então, que sua mãe revela um segredo guardado há anos: ele mudou de sexo e vive em Colônia. A menina faz as malas e se manda para lá. Embora estranhos um ao outro, pai (ou mãe?) e filha vão se entender sem forçar a barra no sentimentalismo. Neste domingo (28), 20h10 (Reserva Cultural 1); segunda (29), 14h50 (Frei Caneca1); quinta (1º), 19h (Eldorado 7).

Infância Clandestina
'Infância Clandestina': tema político (Foto: Divulgação)

INFÂNCIA CLANDESTINA: A Argentina preferiu um diretor desconhecido (Benjamín Ávila) e um tema político na fita que vai representá-la no Oscar 2013 de melhor filme estrangeiro. Em 1979, o menino Juan (Teo Gutiérrez Romero, na foto), de 12 anos, retorna do exílio com seus pais, que são radicais de esquerda. Para ajudá-los a permanecer clandestinos em Buenos Aires, o garoto troca seu nome para Ernesto e finge ter acabado de regressar do norte do país. Terça (30), 21h (Granja Viana Cinespaço 1); quarta (31), 20h40 (Espaço Itaú de Cinema - Frei Caneca 2).

Preenchendo o Vazio
'Preenchendo o Vazio': representante de Israel na disputa a uma vaga no Oscar (Foto: Divulgação)

PREENCHENDO O VAZIO: Em uma família de judeus ortodoxos de Tel Aviv, a jovem caçula Shira, de 18 anos, está prestes a concretizar o sonho de se casar com um rapaz da mesma idade. Tudo muda quando sua irmã morre no parto do primeiro filho. Agora, seus pais querem que a moça se case com o marido da falecida. O filme vai representar Israel na disputa por uma vaga no Oscar 2013. Quinta (1º), 16h45 (Frei Caneca 1).

Inverno da Desilusão
'Inverno da Desilusão': vários olhares para a Primavera Árabe (Foto: Divulgação)

INVERNO DA DESILUSÃO: Um dos grandes momentos da Primavera Árabe foi a queda do ditador egípcio Hosni Mubarak, em fevereiro de 2011, após forte pressão popular. O drama, quarto longametragem de Ibrahim El-Batout, parte do episódio real para enfocar a trajetória de três personagens: um ativista, um jornalista e o secretário de Segurança do Estado, envolvidos, de alguma maneira, nos protestos na Praça Tahir, no Cairo. Neste sábado (27), 19h10 (Reserva Cultural 1); segunda (29), 18h10 (Frei Caneca 2); terça (30), 22h20 (Frei Caneca 1).

O Sorriso do Chefe
'O Sorriso do Chefe': Mussolini e o cinema (Foto: Divulgação)

O SORRISO DO CHEFE: Marco Bechis, diretor de Terra Vermelha (2008), nasceu no Chile e é radicado na Itália. Neste documentário, o realizador faz uma detalhada análise do ditador fascista Benito Mussolini, que criou um instituto de cinema para cultuar sua imagem. Bechis também aborda a fascinação do povo que, mesmo vivendo na pobreza, idolatrava Il Duce. Neste sábado (27), 20h10 (Frei Caneca 6); segunda (29), 21h10 (Frei Caneca 4); terça (30), 20h (Cinemateca); quarta (31), 20h30 (Espaço Itaú de Cinema 3); quinta (1º), 15h (Faap).

+ Confira a programação completa da 36ª Mostra Internacional de Cinema

Fonte: VEJA SÃO PAULO