Cinema

Mostra Internacional de cinema chega a dezoito salas da cidade

Em sua 31ª edição, o festival despeja 467 filmes em dezoito salas a partir de sexta (19)

Por: Miguel Barbieri Jr. - Atualizado em

Pegue estrelas como Jodie Foster, Brad Pitt, Juliette Binoche e Angelina Jolie. Acrescente cineastas do porte de Quentin Tarantino, David Lynch, Gus Van Sant e David Cronenberg. À receita, adicione as fitas premiadas nos mais importantes festivais estrangeiros. Eis a bem-sucedida fórmula da Mostra Internacional de Cinema, que, há três décadas, sacode o calendário cultural da cidade – e faz a alegria dos cinéfilos paulistanos. Em sua 31ª edição, o festival despeja 467 filmes em dezoito salas a partir de sexta (19). Haja tempo para ver tudo até 1º de novembro.

Hector Babenco é o autor do cartaz deste ano e diretor de O Passado, drama romântico que abre a Mostra na quinta (18), no Auditório Ibirapuera. Estará por lá o mexicano Gael García Bernal, que marca presença em três fitas. Além de protagonizar O Passado, ele estrela a comédia fantástica Sonhando Acordado, de Michel Gondry (Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças), e traz na bagagem Déficit, sua estréia na direção. Também desembarcam por aqui os cineastas Amos Gitai, Hirokazu Kore-Eda, Jia Zhang-ke e Claude Lelouch – os dois últimos ganham retrospectiva.

Dentre tantos títulos, é bom ficar de olho nas produções que, por enquanto, só têm exibição garantida na Mostra. Alguns palpites? Sombras, de Milcho Manchevski, Glória ao Cineasta, de Takeshi Kitano, Caixas, de Jane Birkin, Não Toque no Machado, de Jacques Rivette, e Longe Dela, da atriz Sarah Polley. Já com lançamentos agendados, mas não menos procurados, devem ser Across the Universe, musical embalado por canções dos Beatles, I'm Not There, versão alegórica da vida de Bob Dylan, e o drama Angel, do cultuado realizador francês François Ozon.

Há novidades nos locais de exibição. Sai o Cinemark do Metrô Santa Cruz e entra o do Eldorado. A antiga sala UOL foi repaginada e será reinaugurada como iG Cine. O Frei Caneca separou quatro salas (contra três de 2006) e reservou o 5º andar do shopping para os debates – o mais importante discutirá o papel da crítica, sob o comando de Serge Toubiana, diretor da Cinemateca Francesa.

Oito apostas que valem o ingresso

4 Meses, 3 Semanas e 2 Dias

Palma de Ouro no Festival de Cannes 2007, o drama romeno faz um ensaio sobre o aborto sob a ótica de duas amigas às voltas com a gravidez indesejada

Lust, Caution

Na II Guerra, Tony Leung e Tang Wei protagonizam um tórrido romance. Quem dirige é Ang Lee, premiado com o Leão de Ouro no Festival de Veneza 2007

O Amor nos Tempos do Cólera

Adaptação do romance homônimo de García Márquez com o espanhol Javier Bardem, a colombiana Catalina Sandino Moreno e Fernanda Montenegro

Lady Chatterley

A adaptação do livro de D.H. Lawrence recebeu cinco prêmios César neste ano. Trata-se do romance secreto de uma aristocrata casada com o empregado de sua mansão

À Prova de Morte

Em flerte explícito com o trash, o cult Quentin Tarantino (Kill Bill) mira suas lentes nos ataques de um psicopata cuja obsessão é perseguir mulheres pelas estradas

O Assassinato de Jesse James pelo Covarde Robert Ford

Brad Pitt levou o prêmio de melhor ator no Festival de Veneza 2007. No Velho Oeste, o galã vive o fora-da-lei Jesse James, alvo da inveja de um de seus pupilos

Império dos Sonhos

Estrela de Veludo Azul e Coração Selvagem, Laura Dern retoma a parceria com o diretor David Lynch em mais uma trama de esquisitices. Vá preparado: são três horas de duração

A Vida dos Outros

Oscar 2007 de melhor filme estrangeiro, o drama alemão flagra o dilema de um casal de artistas na antiga Alemanha Oriental de 1984

31ª Mostra Internacional de Cinema

De segunda a quinta, os ingressos custam R$ 13,00; de sexta a domingo, R$ 16,00. A permanente integral, que dá acesso a todas as sessões e está sendo vendida no Conjunto Nacional ( 3142-9248 e 3141-9280), sai por R$ 360,00; para assistir somente às sessões vesperais (até 17h55), de segunda a sexta, o preço cai para R$ 90,00. Há pacotes com vinte (R$ 150,00) e quarenta (R$ 260,00) ingressos de livre escolha. No Centro Cultural São Paulo, Olido, Faap, Memorial da América Latina e vão livre do Masp, a entrada é grátis.

Fonte: VEJA SÃO PAULO