Criminalidade

Morre torcedor do Santos que foi agredido a pauladas na Zona Leste

Taxista estava passando a pé por posto de gasolina ao lado de outro torcedor do time

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

globonews reprodução
Vídeo mostra momento em que torcedores dos Santos são atacados (Foto: Globo News / Reprodução)

O taxista Gerson Ferreira de Lima, de 34 anos, morreu na noite desta quarta-feira (11), às 23 horas. Ele estava internado no Hospital Santa Marcelina de Itaquera desde o último domingo (8), quando foi espancado a pauladas por dois homens em um posto de gasolina, na Zona Leste da cidade.  Segundo a assessoria de imprensa do hospital, ele deu entrada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em estado gravíssimo, com politraumatismo. O caso foi registrado no 62° Distrito Policial de Ermelino Matarazzo.

+ Agência Fitch dá selo de bom pagador à prefeitura

Em vídeo de câmeras de segurança exibido pela Globo News, é possível ver quando dois sujeitos se aproximam , com pedaços de madeira nas mãos e agridem a Gerson e a outro torcedor do time de futebol Santos. Gerson foi levado em estado gravíssimo e a outra vítima saiu com ferimentos leves e prestará depoimento nesta quinta-feira (12). 

+ Governo pede reintegração de posse de escola em Pinheiros

“Eles foram pegos de surpresa”, disse a delegada do 62°DP, Regina Celia Issi, a VEJA SÃO PAULO. Segundo a delegada, ainda não há suspeitos, mas eles têm recebidos informações na região próxima onde ocorreu o crime. A investigação também conta com a ajuda da Delegacia de Polícia de Repressão e Análise aos Delitos de Intolerância Esportiva (Drade), que apura casos envolvendo torcidas organizadas. Segundo o delegado  Mário Sérgio de Oliveira Pinto, há duas equipes na rua trabalhando no caso.  “Ele (o torcedor que sobreviveu ao ataque) está muito abalado com a morte do amigo, talvez não tenha condição de falar hoje”, disse. “O caso está no começo ainda, não descartamos nenhuma hipótese”.

+ Confira as últimas notícias 

Fonte: VEJA SÃO PAULO