Criminalidade

Morre policial atropelado durante tiroteio no Jockey

Geraldo Wolney Siqueira havia sofrido traumatismo craniano após ter sido atingido por carro de criminosos que furaram bloqueio na Avenida Lineu de Paula Machado 

Por: Veja São Paulo

Troca tiros Jockey Club
Um dos carros que furaram o bloqueio da PM (Foto: Reprodução / TV Globo) (Foto: Reprodução / TV Globo)

Um policial militar que havia sido atropelado durante tiroteio nas proximidades do Jockey Club (Zona Oeste) morreu na manhã desta quarta-feira (1º).

O soldado da Polícia Militar Geraldo Wolney Siqueira, 30, estava internado no Hospital das Clínicas em estado grave. No dia 17 de março, dois carros furaram uma blitz na Avenida Lineu de Paula Machado e começaram a disparar contra os policiais, que revidaram.

Na ação, Siqueira foi atropelado e sofreu traumatismo craniano e acabou sendo socorrido pelo helicóptero Águia da PM. Uma pessoa que passava na rua acabou atingida de raspão por um disparo, foi socorrida e depois liberada.

O troca de tiros se limitou a Lineu Paula Machado. A perseguição invadiu o Jockey Club. Até agora, a PM deteve três criminosos 

Fonte: VEJA SÃO PAULO