tragédia em santos

"O barulho das turbinas não sai da minha cabeça", diz moradora

Decoradora que teve a casa danificada no acidente aéreo diz que ficou em pânico; veja fotos e vídeo

Por: Fabio Lemos - Atualizado em

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

A decoradora Zuleika Saibro, de 46 anos, estava dormindo, em Santos, quando aconteceu o acidente aéreo que matou o candidato a presidente Eduardo Campos e outras seis pessoas. Sua casa, localizada na Rua Vahia de Abreu, na altura do número 48, foi um dos dez estabelecimentos atingidos pelos destroços da aeronave.

 

"Fiquei em pânico no momento do acidente, não conseguia sair de casa", disse a VEJA SÃO PAULO. Devido à explosão decorrente da queda do jatinho, as janelas de sua moradia foram quebradas e muita sujeira se acumulou no interior da casa.

Atendendo ao pedido dos bombeiros, ela e o marido, André Luiz da Silva, de 45 anos, deixaram o local e só retornaram na noite de ontem (13). "Ainda estou muito abalada, o barulho das turbinas do avião não sai da minha cabeça", disse Zuleika.

Dez casas, uma academia e um pet shop foram atingidos pelos destroços da aeronave. O único local que ficou totalmente destruído foi uma casa desabitada; nos demais lugares, os danos foram parciais.

Fonte: VEJA SÃO PAULO