Cidades

Morador de Moema registra danos em seu apartamento causado por avião

Região é rota das aeronaves com destino ao Aeroporto de Congonhas

Por: Tatiana Izquierdo - Atualizado em

apto-moema-aviao
O quarto ficou revirado e o vidro da janela do banheiro se quebrou (Foto: Arquivo Pessoal/Paulo Cezar Vieira)

Os moradores da região de Moema, Zona Sul da cidade, já estão acostumado com o barulho dos aviões que sobrevoam a região. Tudo porque o bairro é rota das aeronaves com destino ao Aeroporto de Congonhas, que fica localizado na Avenida Washington Luís. Na manhã de quinta (15), o jornalista Paulo Cezar Vieira, que mora em um edíficio na Alameda Jauaperi, ouviu um barulho anormal para os padrões já conhecidos na região.

+ É hoje a festa do Comer & Beber 2015

+ “Fiquei indignado”, diz Celso Russomanno, xingado em gravação

"O barulho dos aviões aqui, principalmente a partir do 15º andar, é muito comum. Mas o que eu ouvi hoje foi muito mais alto. De repente, uma rajada de vento muito forte atingiu meu apartamento", relata o morador. Ao entrar em um dos quartos, ele encontrou o cômodo todo bagunçado. "Parecia que alguém tinha revirado tudo". O incidente aconteceu por volta das 11h da manhã e quebrou também o vidro da janela do banheiro.

print-facebook-aviao-moema
O jornalista publicou em seu facebook foto do quarto revirado após a passagem do avião (Foto: Reprodução/Facebook)

"Levei um susto! Nunca tinha ouvido nada assim, parece que o avião passou mais baixo e fora da rota normal dele", explica o morador.

+ Herchcovitch dá Bilhete Único para convidados irem a seu desfile

A INFRAERO informou que o Aeroporto de Congonhas não registrou nenhuma ocorrência fora dos padrões e que a torre de controle operou normalmente durante toda a manhã. O centro de comunicação social da aeronáutica, a CECOMSAER, também informou que o controle do espaço aéreo não registrou nenhuma anormalidade para a região e nenhum piloto reportou qualquer tipo de problema na manhã desta quinta-feira.

Fonte: VEJA SÃO PAULO