Esporte

"Lutaria ao som de 'A Dor Desse Amor'", diz Bruno do KLB

Músico participa de sua segunda luta oficial de MMA neste sábado (02) e fala sobre as expectativas para o evento

Por: Marcus Oliveira - Atualizado em

Bruno KLB MMA
Bruno se prepara para sua segunda luta oficial de MMA (Foto: Divulgação)

Famoso por integrar o trio romântico KLB, donos de hits como A Dor Desse Amor e Minha Timidez (Sha la la la la), o mais novo dos irmãos, Bruno Scornavacca, de 29 anos, deixa de lado o baixo e os vocais do grupo neste sábado (02) para vestir luvas e subir ao octógono do Max Sport, no Esporte Clube Sírio, na Zona Sul, a partir das 20h.

+ Mulheres aderem ao MMA para modelar o corpo

Praticante de MMA há mais de dez anos, Bruno faz a luta principal do evento e busca seu primeiro nocaute oficial contra o lutador Izaque de Brito, que também vem de uma recente vitória. A estreia do KLB foi em dezembro de 2012, com uma vitória. "Sempre quis profissionalizar minha luta, pois tenho isso no sangue", afirma.

Este ano, o músico havia agendado uma outra luta para julho, mas se machucou durante a rotina de três treinos diários de uma hora e meia cada. Para esse evento, o valor da entrada varia de R$ 60,00 a R$ 120,00 e, por conta de sua participação, Bruno recebe um cachê "bem bom", que prefere não revelar.

Bruno KLB MMA
O músico treina três vezes ao dia por uma hora e meia (Foto: Divulgação)

O músico, que se define um lutador "paz e amor", não descarta pedir um dos hits românticos de seu grupo para marcar sua entrada no octógono. "Lutaria ao som da nossa primeira música de sucesso, A Dor Desse Amor", afirma ele que, antes da luta, gosta de ouvir músicas instrumentais de piano.

Questionado sobre a possibilidade e ingressar no UFC, o principal campeonato de MMA do mundo, Bruno afirma não ter essa ambição, mas não descarta a uma mudança de planos caso seja convidado. "No meio da luta tudo pode acontecer. Se rolasse ia querer bater no St. Pierre", almeja. Pierre é o atual dono do cinturão dos meio-médios e um dos principais nomes do esporte na atualidade. 

Mesmo empolgado com a luta de sábado, o músico afirma que seu foco continua sendo o KLB e ao lado de Leandro e Kiko pretende lançar ainda esse ano um EP com quatro músicas inéditas da banda.

Projeto de lei

Bruno não é o único que apoia o esporte na família. Presidente da Comissão de Assuntos Desportivos da Assembleia, o irmão, o deputado Leandro KLB (PSD), apresentou recentemente um projeto de lei para regulamentar a prática da modalidade. O texto também propõe que o dia 26 de março, dia do nascimento do boxeador Éder Jofre, se transforme no Dia Estadual das Artes Marciais Mistas.

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO