Tragédia no ABC

Menina morre após ser esquecida dentro de carro

Pai seguiu para o trabalho e criança de dois anos ficou cinco horas dentro do veículo, em estacionamento em São Bernardo do Campo

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

Menina esquecida - São Bernardo
Carro no qual menina de dois anos foi esquecida (Foto: Reprodução)

Uma menina de dois anos e quatro meses morreu após ser esquecida pelo pai dentro do carro na cidade de São Bernardo do Campo, na Grande São Palo, na tarde desta quarta-feira (17). Pai da criança, o funcionário público Rodrigo Machado foi autuado por homicídio culposo, quando não há intenção de matar, e liberado após pagamento de fiança de 725 reais.

Aos policiais, Machado contou que havia saído do trabalho no horário de almoço para buscar a filha na casa da avó e, depois, deixá-la na escola. No entanto, ele acabou esquecendo da criança, que estava dormindo na cadeirinha, no banco traseiro do carro, e foi direto para o serviço.

Durante o expediente, o veículo ficou estacionado na Rua 23 de Maio, na região do Rudge Ramos, próximo ao prédio da Secretaria de Finanças de São Bernardo, onde o funcionário público trabalha, e da escola de Educação Infantil Integração, onde a filha estudava.

+ Confira as últimas notícias

Por volta das 18h, Machado foi até a escola da menina para buscá-la. Segundo a Polícia Civil, ao chegar lá, foi informado pelos funcionários que não havia deixado a filha no colégio naquele dia. Só então teria se dado conta que a havia esquecido no carro.

A Polícia Militar foi acionada para socorrer a criança, mas a menina já estava morta. À noite, os pais prestaram depoimento no 2º Distrito Policial (Rudge Ramos) de São Bernardo. Em estado de choque, o funcionário público precisou ser levado para o hospital.

(Com Estadão Conteúdo)

Fonte: VEJA SÃO PAULO